Home » Destinos » Portugal » Padrão dos Descobrimentos em Lisboa: um monumento também brasileiro
Portugal

Padrão dos Descobrimentos em Lisboa: um monumento também brasileiro

Detalhe do lado leste do Padrão dos Descobrimentos, em Lisboa, com vários navegadores e personalidades importantes para a expansão marítima portuguesa. O monumento é feito de pedra, e o céu ao fundo é azul.

Todos nós, brasileiros, sentimos curiosidade, e até mesmo certa obrigação, de visitar as terras portuguesas e ver de perto o país que um dia chegou às nossas terras para transformá-las para sempre no que hoje chamamos de Brasil. E atrações com as quais podemos nos identificar não faltam. Dentre tantas, talvez não haja monumento em todo Portugal que toque tão a fundo o povo brasileiro quanto o Padrão dos Descobrimentos, em Lisboa.

Lá na beira do Rio Tejo, na freguesia de Belém, em Lisboa, encontra-se o chamado Padrão dos Descobrimentos. Como o próprio nome já diz, o monumento é uma homenagem aos tempos gloriosos de Portugal como pioneiro marítimo. Época em que o país era responsável por desbravar novas rotas pelos oceanos do mundo, por fincar sua bandeira e espalhar a língua portuguesa por terras nunca antes exploradas.

Programe-se: Descubra o que visitar e onde ficar em Lisboa

Pôr do sol na beira do rio Tejo, em Lisboa, no Padrão dos Descobrimentos, em Lisboa. Duas gaivotas voam no horizonte.

Ali, no mesmo terreno onde hoje se encontra o Padrão dos Descobrimentos, em Lisboa, era o local de onde as caravelas portuguesas partiam para o Novo Mundo e de onde Pedro Álvares Cabral partiu com suas caravelas em direção ao Brasil. Assim, a nós brasileiros, é praticamente impossível não se identificar com uma atração tão simbólica para a nossa história. Juntamente com a Torre de Belém e o Mosteiro dos Jerônimos, o Padrão entra no hall das atrações mais visitadas do país.

O Padrão dos Descobrimentos em Lisboa

O padrão dos descobrimentos em lisboa visto de baixo para cima, com vários navegadores representados nas pedras. Ele é imenso em alto. O céu está azul

Construído às margens do Tejo pelo arquiteto Cottinelli Telmo em 1960, o Padrão dos Descobrimentos fica no mesmo local onde um monumento com a mesma temática se estendia anteriormente, mas feito com materiais perecíveis.

Quando erguido de forma permanente, com materiais duráveis, o Padrão dos Descobrimentos, em Lisboa, foi edificado como parte das celebrações do aniversário de 500 anos de morte do Infante D. Henrique, príncipe português e a figura mais importante para o início da expansão marítima do país.

O Padrão dos Descobrimentos que se vê hoje ergue-se soberano em seus 56 metros em uma área do Rio Tejo bastante vazia. Ali, sozinho e imponente, é bastante impactante vislumbrá-lo ao se aproximar. É enorme, e difícil entender o seu tamanho somente por fotos, que não conseguem dar a proporção real que o monumento tem diante do que o circunda.

Detalhe do Padrão dos Descobrimentos em Lisboa, com vários navegadores representados na pedra. O céu está azul ao fundo.
Pedro Álvares Cabral está representado neste lado oeste.

O grande marco lisboeta tem o formato de uma caravela se lançando ao mar, com a estátua de Infante D. Henrique em sua proa, comandando a maior equipe de navegadores do mundo. Nomes como Vasco da Gama (primeiro a chegar à Índia por vias marítimas), Bartolomeu Dias (desbravador do Cabo da Boa Esperança), Fernão de Magalhães (o primeiro a cruzar o Estreito de… Magalhães!) e Pedro Álvares Cabral (esse dispensa explicações, não é?), se fazem presentes nas 32 estátuas que circundam o monumento. Até o poeta Camões também figura no “hall de famosos” devido à sua importância ao escrever o grande clássico da literatura do país, Os Lusíadas, relato sobre as vitórias marítimas portuguesas. O conjunto escultórico é obra do artista Leopoldo de Almeida.

Imperdível em Belém: Pastéis de Belém: onde comer em Lisboa os doces mais famosos de Portugal

A Rosa dos Ventos

Detalhe da Rosa dos Ventos, em Lisboa, com a placa da África do Sul, que presenteou Portugal com o mural.

O enorme pátio de acesso ao Padrão dos Descobrimentos possui o piso decorado um uma gigantesca rosa dos ventos de 50 metros de diâmetro, presente da África do Sul a Portugal. O desenho é composto por um mapa mundi repleto de datas das descobertas mais significativas de Portugal durante a expansão marítima – destaque para a chegada a Porto Seguro em 1500.

Detalhe da rosa dos ventos com a imagem de uma caravela chegando em Porto Seguro, na Bahia, em 1500.

A vista do topo do monumento permite uma visão ímpar a esse enorme mural.

Mais sobre Belém: Tudo sobre a visita à Torre de Belém em Lisboa.

Visitando o Padrão dos Descobrimentos

Detalhe do Padrão dos Descobrimentos visto de trás para frente. O céu está azul.

Para quem só vai visitá-lo de fora, o acesso é gratuito, podendo ver todas as faces do monumento e caminhar pela rosa dos ventos. Muitas pessoas aproveitam a gratuidade para subir no mesmo patamar das estátuas gigantescas dos navegadores para tirar fotos.

Agora, caso queira ter uma vista inesquecível de Belém e do Rio Tejo, assim como da Rosa dos Ventos lá embaixo, nada melhor do que subir até o mirante em seu topo, e ver Lisboa a 56 metros de altura.

Lá do alto a vista é magnífica, sendo possível ver o Tejo desaguando no Oceano Atlântico. Tente coordenar a visita para estar lá em cima durante o pôr do sol e será inesquecível. Infelizmente tínhamos o horário apertado para visitar o Mosteiro dos Jerônimos e não pudemos subir.

Dentro do monumento, no primeiro piso, exposições diversas estão sempre ocorrendo sobre diferentes temas.

Para se informar sobre as exposições e os valores de entrada, visite o site do Padrão dos Descobrimentos.

Para planejar melhor sua viagem e saber quais atrações visitar em toda Lisboa, fizemos um texto completo sobre as 6 regiões imperdíveis na cidade.

ORGANIZE SUA VIAGEM!

HOSPEDAGEM
No Booking.com estão cadastradas as melhores opções de hotéis e albergues. Reserve com direito a cancelamento gratuito e viaje com mais tranquilidade.
SEGURO VIAGEM
Com a Seguros Promo é possível comparar a cotação de diversas companhias, garantindo o melhor custo/benefício na contratação. Use o cupom VIDACIGANA5 e receba 5% de desconto em seu seguro viagem
ROAD TRIP
Alugue um veículo com a RentCars.com para sua viagem. Compare os preços de diferentes locadoras, pague em Reais, sem IOF e parcelado em até 12 vezes.

Sobre o Autor

Larissa

Larissa é nascida em Niterói/RJ, mas já estudou em Nova York e morou na Nova Zelândia por um ano antes de iniciar a volta ao mundo que terminou em 2016. Sonhando em viajar desde que se entende por gente, mantinha um caderno cheio de recortes de jornais e revistas sobre o Egito quando tinha 7 anos de idade. Hoje esse caderno é virtual e engloba vários destinos. Os “recortes” são produzidos por ela e pelo Carlos, semanalmente, no Vida Cigana.

Deixe seu comentário

Clique aqui para deixar um comentário.

House Sitting

publicidade

Close