Home » Destinos » Argentina » Como montar seu Roteiro de viagem para Buenos Aires
Argentina

Como montar seu Roteiro de viagem para Buenos Aires

roteiro em buenos aires: a plaza de mayo onde estão a casa rosada, o cabildo e a catedral

Preparar um roteiro de viagem para Buenos Aires é o primeiro passo para fazer com que seus dias na capital da Argentina sejam inesquecíveis.

Para quem vai pela primeira vez, é ainda mais importante ter um bom roteiro por Buenos Aires previamente organizado, já que os primeiros dias na cidade serão dedicados a conhecer os pontos turísticos clássicos, que precisam ser encadeados para organizar bem seus deslocamentos pela cidade.

Leia mais: O que fazer em Buenos Aires, todas as atrações da capital argentina

O que incluir no roteiro em Buenos Aires

roteiro em buenos aires: a estatua de mafalda, de quino, no bairro de San Telmo

As atrações da cidade estão distribuídas pelo centro da capital e por bairros próximos de uma maneira bem compacta. Assim, a melhor configuração para o roteiro em Buenos Aires é dividir seus dias de acordo com os bairros onde cada atração está localizada.

As regiões onde estão os maiores pontos turísticos de Buenos Aires são:

A dica é incluir as atrações de no máximo dois bairros por dia em seu roteiro. Mas para viajar com a calma que a cidade merece, o ideal é ter um dia inteiro dedicado a cada região, especialmente ao Centro, Recoleta e Palermo, que têm mais atrativos.

Além destes bairros, é possível combinar seu roteiro em Buenos Aires com outros passeios próximos da capital da Argentina. Ou ainda, dá para numa só viagem atravessar o Rio da Prata e dedicar uns dias de sua estadia para conhecer também o Uruguai.

Neste sentido, os principais passeios ao redor de Buenos Aires são:

Nestes passeios, considere um dia inteiro a cada um. Para Montevidéu, no entanto, o bate e volta, apesar de possível, não é recomendado, sendo melhor reservar pelo menos uma noite de seu roteiro para dormir na cidade antes de retornar.

A seguir vamos detalhar as atrações de cada uma das regiões citadas acima.

O Centro de Buenos Aires

roteiro em buenos aires: a casa rosada

O centro será provavelmente a primeira parada de seu roteiro em Buenos Aires. Se for sua primeira vez na cidade, é provável que seu hotel fique também no bairro, que é escolhido por muitos pela praticidade de sua localização. As atrações estão todas próximas umas das outras e podem ser percorridas a pé, com um pouco de disposição.

Se estiver no Centro logo cedo, a pedida clássica a é partir ao Café Tortoni, a cafeteria mais tradicional da cidade, que fica na Avenida de Mayo. De lá, pela mesma avenida chega-se à Praça de Mayo, onde ficam a Casa Rosada, o Cabildo e a Catedral.

No palácio do governo é possível participar de visitas guiadas e, logo atrás do edifício principal, existe agora o Museu Casa Rosada, que funciona de quarta a domingo.

Alternativamente, contornando a Casa Rosada é possível atravessar a Puente de La Mujer e seguir ao bairro de Puerto Madero.

Mantendo no centro seu roteiro em Buenos Aires, siga caminhando pela Calle Florida até as Galerias Pacífico, um shopping que já foi sede do Museu de Belas Artes, e conserva afrescos no teto que valem a visita até de quem não curte turismo de compras.

Das Galerias você pode seguir andando pela Calle Florida até a Praça San Martin, já no bairro do Retiro, e ver um pedaço mais arborizado do Centro. De lá, para fechar seu roteiro pelo Centro de Buenos Aires, vá até a Avenida Nove de Julho onde estão o Teatro Colón e o famoso Obelisco.

Puerto Madero

roteiro em buenos aires: a puente de la mujer, em Puerto Madero

Na hora de montar o roteiro em Buenos Aires, especialmente aos que têm poucos dias na cidade, Puerto Madero tem uma vantagem enorme em relação aos demais bairros portenhos: é o único que é melhor se visitado no fim do dia, ao entardecer e à noite. Isso faz com que as atrações da região sirvam como ótimos complementos após um longo dia turístico.

Comece a visita a Puerto Madero atravessando a Puente de La Mujer, projetada por Santiago Calatrava e porta de entrada de um bairro que se renovou por completo urbanisticamente em tempos recentes.

Já do outro lado do canal o interessante é caminhar pela extensão do passeio enquanto escolhe um restaurante para jantar.

Outra dica, mas pouco explorada, é seguir para dentro do bairro e explorar o Parque Mujeres Argentinas, uma grande área verde que existe atrás dos galpões que beiram o canal. Atravessando o parque, na Avenida de los Italianos existe uma serie de barraquinhas servindo choripán, o tradicional e delicioso sanduíche argentino. A parada é ideal a quem, como nós, prefere fugir dos altos preços e gosta de explorar a baixa gastronomia local.

Além destas atrações, seu roteiro em Buenos Aires passará novamente por Puerto Madero caso queira embarcar ao Uruguai pelo porto de embarque do Buquebus. Ou ainda, caso vá assistir a uma apresentação no Madero Tango, que fica no extremo sul do bairro.

Para outras dicas sobre tangos e milongas em Buenos Aires, acompanhe a Gisele no blog Aquí me Quedo.

San Telmo

roteiro em buenos aires: detalhe da feira de san telmo, que ocorre todos os domingos na cidade

Separe um domingo em seu roteiro por Buenos Aires para visitar San Telmo. É aos domingos que ocorre a famosa feira que leva o mesmo nome do bairro e atrai turistas de todos os cantos do mundo.

A feira acontece pela Calle Defensa e tem tomado tamanha proporção que se prolonga por quase toda a sua extensão, indo da divisa com o bairro de La Boca até a Praça de Mayo, no Centro.

Por lá de tudo se vende: roupas, acessórios, artesanato, antiguidades, comida; e se vê todo tipo de artistas de rua, músicos e dançarinos se apresentando. É essa atmosfera que faz ser obrigatório colocar uma passagem pela feira no roteiro, independente do seu perfil de viajante.

A outra grande atração de San Telmo é a escultura da Mafalda sentada em um banco, na esquina das Calles Defensa e Chile, próxima a casa onde morou seu criador, o cartunista argentino Quino. Recentemente a estátua de Mafalda ainda ganhou a companhia de Susanita e Manolito, seus amigos nas tirinhas.

Por ficar bem no trajeto da feira, é melhor passar por lá nos outros dias da semana, não no domingo. Do contrário, esteja preparado para enfrentar uma fila enorme apenas para conseguir uma foto. Sei que há uma grande contradição nisso na hora de montar seu roteiro, mas nem tudo pode ser perfeito sempre.

La Boca

roteiro em buenos aires: venda de arte nas ruas do caminito, no bairro de la boca

Em La Boca está o ponto turístico mais famoso de Buenos Aires, o Caminito. Além dele, o estádio do Boca Juniors, La Bombonera, que oferece visitas guiadas aos interessados, é o outro grande ponto de interesse que traz turistas ao bairro.

Para deixar o roteiro de viagem por Buenos Aires bem redondinho, La Boca costuma funcionar como o complemento ideal a uma visita a San Telmo, pois são bairros vizinhos.

Caso queira combinar os dois bairros em seu roteiro, fazendo a visita num domingo para aproveitar a feira de San Telmo, recomendo que comece o dia cedo em La Boca, pois o Caminito lota nos fins de semana, beirando o insuportável. Do Caminito siga para o Museu de La Pasion Boquense, e só então vá à feira para encerrar o dia.

Recoleta

roteiro em buenos aires: detalhe de arte sacra no cemitério da recoleta

A Recoleta é o bairro mais interessante da cidade para se conhecer caminhando. Separe ao menos um dia de seu roteiro para se perder por suas ruas explorando cada cantinho que achar interessante em seu caminho. O bairro é tão atraente que vale reservar seu hotel lá e dedicar mais tempo à região durante sua estadia.

Comece andando pela Avenida Santa Fé e a primeira parada será na livraria El Ateneo, que funciona em um antigo teatro, num lindo projeto de restauração e reuso da edificação. De lá siga até a Avenida las Heras, o coração do bairro.

Próximo dali está o Cemitério da Recoleta, ponto turístico que entra no roteiro de todo visitante de Buenos Aires por causa de seu mais ilustre jazigo, o de Evita Perón. O cemitério, no entanto, numa das áreas mais nobres da cidade vale a visita não apenas por isso, mas pela imensa coleção de arte sacra que possui.

Dali siga para o parque onde está a Floralis Generica, a obra contemporânea que virou um dos novos símbolos de Buenos Aires. De lá, leve seu roteiro ao bairro do Palermo, indo em direção ao MALBA, mas se ainda der tempo, dê uma paradinha no Museu Nacional de Belas Artes, que fica bem no caminho entre um e outro.

Palermo

roteiro em buenos aires: os bosques de palermo

Palermo é conhecido por seus muitos parques e restaurantes. O bairro também é excelente opção de estadia, especialmente a quem busca uma ambientação mais próxima de um bairro residencial, para sentir como é a cidade pelo ponto de vista de um local. Foi em Palermo que ficamos hospedados na ultima vez que estivemos por lá, no Dazzler Palermo, e conhecemos uma Buenos Aires inteiramente diferente da que vimos nas primeiras vezes.

Para seu roteiro pelo bairro, comece conhecendo o MALBA, o museu de arte latino americana. Lá você poderá ver grandes obras de, entre outros, Frida Kahlo e Tarsila do Amaral, incluindo o Abaporu.

Dedique também uma manhã ou uma tarde de seu roteiro em Buenos Aires para conhecer os parques do bairro, os famosos Bosques de Palermo. Do Malba, o mais próximo é o Jardim Japonês, que tem entrada cobrada. De lá explore o El Rosedal, que é gratuito, especialmente caso esteja na primavera. Perto dali fica o Parque Tres de Febrero, onde está o Planetário, que abre de terça a domingo.

Terminado o roteiro pelos parques, siga ao interior do bairro para explorar os incríveis restaurantes e cafés do Palermo.

Para conhecer os parques de Palermo e a Recoleta de forma diferente, aproveite que a cidade é plana e experimente incluir um city tour de bicicleta pela região. Imperdível!

O Lado B de Buenos Aires

roteiro em buenos aires: o bairro de barracas, parte do tour lado b de buenos aires

Se você é do tipo que gosta de explorar atrações menos badaladas, ainda temos uma dica extra. O “Lado B” de Buenos Aires é um tour organizado pelo pessoal do Aires Buenos, que leva turistas brasileiros a alguns cantos da cidade que normalmente não entram no roteiro da maioria.

Caso queira conhecer o “Lado B” de forma independente, o Aires Buenos oferece também um guia digital que apresenta as dicas de bairros como Abasto, Villa Crespo e Barrio Chino, para enriquecer ainda mais sua visita.

Leia mais: Conheça os guias de Buenos Aires que indicamos para ajudar na montagem do roteiro de sua viagem

Os passeios ao redor de Buenos Aires

A quem tenha alguns dias sobrando no roteiro em Buenos Aires – aos que ficam na cidade mais de cinco noites – ainda dá para encaixar alguns passeios ao redor da capital no estilo bate e volta.

O delta do Rio Tigre

Um passeio popular até entre os portenhos durante os fins de semana é ir até a cidade de Tigre, a pouco mais de 30km de Buenos Aires, para provar os ares de uma cidade tranquila ainda que bem perto da capital.

Além de curtir a cidade, o turismo em Tigre gira em torno de seus canais, com os passeios de barco pelos rios que formam o estuário da Prata sendo o carro chefe.

No Turistando com a Lu, a Luciana mostra algumas fotos da cidade e explica como chegar a Tigre partindo de Buenos Aires.

O zoológico de Luján

roteiro em buenos aires: tigre enjaulado no zoológico de luján

Atração das mais controversas, o zoológico de Luján é um espaço onde é vendida a ideia de que os turistas possam ter contato direto com os animais selvagens. Lá é permitido que os visitantes entrem nas jaulas, acariciem e deem leite a tigres e leões.

Muitos brasileiros curtem colocar o zoológico em seus roteiros por Buenos Aires – e nós mesmos com indicação de outros, fizemos isso em nossa primeira viagem a cidade, infelizmente.

Depois, tomando consciência de como são horríveis as condições criadas em atrações com animais no mundo todo; e lendo sobre como por ali deixam os animais constantemente dopados para interagirem com os visitantes, achamos que, como blogueiros, temos o dever de não endossar ou recomendar a ida de quem quer que seja, a Luján.

Deixamos a indicação aqui apenas como alerta. Não vá, risque de seu roteiro e aconselhe outros a fazerem o mesmo. Só assim atrações que maltratam animais deixarão de entrar no roteiro turístico de qualquer cidade.

Colônia do Sacramento

arte exposta nas ruas de colonia del sacramento

O bate e volta mais agradável de ser feito a partir de Buenos Aires é pegar um barco e atravessar o Rio da Prata até Colônia do Sacramento. A cidade uruguaia, colonizada por espanhóis e portugueses fica a apenas uma hora de viagem da capital argentina.

Com um centro histórico compacto, muito bem preservado e que conta com vários bons restaurantes, uma ida à Colônia deve entrar no roteiro de viagem a Buenos Aires de todos que fiquem uns dias a mais na cidade.

Para chegar lá, a empresa mais famosa que faz a travessia é a BuqueBus, mas veja os valores também na Colonia Express, que costuma ser mais barata. Independente da escolha, reserve as passagens de ida e volta com antecedência, pois em cima da hora os preços estarão bem mais elevados.

Montevidéu

a fachada do teatro solis, no centro de montevidéu

Para ir ainda mais longe no Uruguai, também é possível visitar Montevidéu de barco a partir de Buenos Aires, já que a viagem, nos barcos mais rápidos (e mais caros), dura pouco mais de duas horas.

No entanto, acredito que Montevidéu tenha muito mais atrações do que um bate e volta possa comportar. Assim, recomendo que ao invés de conhecer a cidade como um passeio extra, que seja acrescentada como um destino novo, incluindo algumas noites de estadia.

Veja nossas dicas do que fazer em Montevidéu, a capital do Uruguai.

Salve este post para ler depois no Pinterest!

Roteiro de viagem em Buenos Aires. O que visitar. Os melhores bairros. Os pontos turísticos mais famosos. Os principais bairros. Centro, Puerto Madero, Recoleta, Palermo, La Boca, San Telmo. Os passeios em bate e volta ao redor da cidade: o delta do rio tigre, o zoológico de luján, colonia del sacramento, montevidéu;

ORGANIZE SUA VIAGEM!

HOSPEDAGEM
No Booking.com estão cadastradas as melhores opções de hotéis e albergues. Reserve com direito a cancelamento gratuito e viaje com mais tranquilidade.
SEGURO VIAGEM
Com a Seguros Promo é possível comparar a cotação de diversas companhias, garantindo o melhor custo/benefício na contratação. Use o cupom VIDACIGANA5 e receba 5% de desconto em seu seguro viagem
ROAD TRIP
Alugue um veículo com a RentCars.com para sua viagem. Compare os preços de diferentes locadoras, pague em Reais, sem IOF e parcelado em até 12 vezes.

Sobre o Autor

Carlos

Carlos nasceu em Petrópolis/RJ. Quando tinha 20 anos decidiu que, sozinho, viajaria para o lugar mais distante que pudesse com o primeiro dinheiro que conseguiu acumular. Após muita pesquisa e economia, saiu do país pela primeira vez e rodou por quatro países. De ônibus. Nos anos seguintes dificilmente havia um em que não estivesse planejando outra viagem. Hoje o produto destas pesquisas é compartilhado publicamente aqui, no Vida Cigana.

House Sitting

publicidade

Close