Home » Destinos » Nova Zelândia » Ilha Sul » TranzAlpine: A mais incrível viagem de trem da Nova Zelândia
Ilha Sul Nova Zelândia

TranzAlpine: A mais incrível viagem de trem da Nova Zelândia

tranzalpine viagem de trem na nova zelândia
Compartilhe este texto!

O TranzAlpine é a mais famosa das rotas de trem do KiwiRail Scenic Journeys e a mais procurada da Nova Zelândia devido às paisagens deslumbrantes por onde passa. É tida também como um dos mais belos trajetos ferroviários do mundo.

tranzalpine viagem de trem da nova zelândia

A linha ferroviária cruza a Ilha Sul da Nova Zelândia, ligando Greymouth, na West Coast a Christchurch, às margens do Oceano Pacífico. O percurso total do TranzAlpine dura quatro horas e meia, sendo percorridos 223 quilômetros e carregando 200 mil passageiros por ano.

TranzAlpine e o trajeto da mais incrível viagem de trem da Nova Zelândia

tranzalpine viagem de trem da nova zelândia

O TranzAlpine é famoso pelas paisagens por onde suas composições passam: por fazendas, cidades perdidas no meio do nada e pelo magnífico Arthur’s Pass, uma passagem entre os Alpes neozelandeses, cheia de montanhas nevadas, rios azuis e pássaros raros como a Kea. Arthur’s Pass é o ponto mais alto do trajeto, se encontrando a 737 metros acima do nível do mar.


Leia mais: Conheça outra viagem pela Nova Zelândia de tirar o fôlego, a exuberante estrada para Milford Sound


 

tranzalpine viagem de trem da nova zelândiatranzalpine viagem de trem da nova zelândia

Uma dica: para organizar sua viagem pelo TranzAlpine, procure comprar sua passagem com certa antecedência, pois as viagens costumam lotar dependendo da época do ano ou do dia da semana. É preciso chegar 20 minutos antes do horário de partida para despachar malas e, caso tenha comprado a passagem pela internet, buscar o ingresso físico na bilheteria.

Os vagões são bastante agradáveis, com poltronas confortáveis e janelas bem amplas para vislumbrar o exterior. Possui um carro-restaurante, que serve lanches, refeições congeladas, bebidas e doces – tudo surpreendentemente barato, se comparado a outras atrações turísticas da região.

tranzalpine viagem de trem da nova zelândia

Por seu caráter extremamente turístico, esta viagem de trem possui alguns diferenciais: o último vagão da composição é aberto para observação, e de lá é possível tirar fotos sem o reflexo do vidro das janelas, mas é preciso ir bem agasalhado, devido ao vento e frio do exterior; em alguns pontos, como o início do Arthur’s Pass, é possível descer do trem e observar as montanhas imponentes dos Southern Alps em volta; e durante todo o trajeto é possível usar fones de ouvido onde explicações em inglês ou mandarim são dadas sobre cada detalhe do caminho percorrido.

tranzalpine viagem de trem da nova zelândiatranzalpine viagem de trem da nova zelândia

O trajeto passa por 19 túneis, alguns deles bem longos, como o Otira Tunnel, e quatro viadutos. Até ano passado o trajeto era um pouco diferente, obrigando todos os passageiros a descerem na estação de Arthur’s Pass e ir até a próxima estação, Otira, em um ônibus. Passar por dentro do Otira Tunnel era muito perigoso até então, pois sendo um túnel muito estreito, inclinado e longo (possuindo mais de oito quilômetros de extensão), seria catastrófico caso algum acidente ocorresse ali dentro, como incêndios ou inalação de gases expelidos pelo próprio trem. Hoje, mudanças de segurança foram feitas e todas as viagens passam por dentro do túnel, porém não é possível se locomover dentro do vagão durante esses oito quilômetros.

tranzalpine viagem de trem da nova zelândia

Caso você parta de Christchurch, a viagem será toda no período da manhã. Caso saia de Greymouth, é possível observar o por do sol dependendo da época do ano, e chegar a Christchurch de noite.

A fama internacional do TranzAlpine

A passagem não é das mais baratas, levando em conta que empresas particulares de vans fazem o mesmo trajeto mais rápido e mais barato, mas a maioria dos turistas prefere pagar mais caro para poder aproveitar a paisagem com mais calma. E é sempre mais divertido entrar em um trem, não é? Sem contar com toda a fama do passeio, pois o TranzAlpine figura na lista do Lonely Planet como uma das melhores viagens de trem do mundo. O investimento vale  cada centavo por um dia de tranquilidade estando num dos mais belos cenários do mundo.

tranzalpine viagem de trem da nova zelândiatranzalpine viagem de trem da nova zelândia

ORGANIZE SUA VIAGEM!

HOSPEDAGEM
No Booking.com estão cadastradas as melhores opções de hotéis e albergues. Reserve com direito a cancelamento gratuito e viaje com mais tranquilidade.
SEGURO VIAGEM
Com a Seguros Promo é possível comparar a cotação de diversas companhias, garantindo o melhor custo/benefício na contratação. Use o cupom VIDACIGANA5 e receba 5% de desconto em seu seguro viagem
ROAD TRIP
Alugue um veículo com a RentCars.com para sua viagem. Compare os preços de diferentes locadoras, pague em Reais, sem IOF e parcelado em até 12 vezes.

Compartilhe este texto!

Sobre o Autor

Larissa

Larissa é nascida em Niterói/RJ, mas já estudou em Nova York e morou na Nova Zelândia por um ano antes de iniciar a volta ao mundo que terminou em 2016. Sonhando em viajar desde que se entende por gente, mantinha um caderno cheio de recortes de jornais e revistas sobre o Egito quando tinha 7 anos de idade. Hoje esse caderno é virtual e engloba vários destinos. Os “recortes” são produzidos por ela e pelo Carlos, semanalmente, no Vida Cigana.

3 Comentários

Clique aqui para deixar um comentário.

House Sitting

publicidade

Close