Home » Destinos » Nova Zelândia » Por que escolhemos viver na Nova Zelândia (e você também deveria)?
Nova Zelândia Reflexões

Por que escolhemos viver na Nova Zelândia (e você também deveria)?

viver na nova zelândia
Compartilhe este texto!

Nossa decisão de viver na Nova Zelândia começou a ser construída em 2012. Carlos e eu tínhamos bons empregos, mas vivíamos reclamando da vida, a rotina na cidade grande estava nos deprimindo, desperdiçando nosso tempo e paciência. Posso afirmar que não estávamos felizes.

Até que um dia, numa conversa/desabafo, chegamos à conclusão de que queríamos viver fora, que éramos jovens e era a nossa hora. Sempre foi o nosso sonho e não poderíamos deixar o momento passar.

Tá, queríamos ter a experiência de viver fora. Mas onde exatamente?

A escolha da Nova Zelândia para ser nosso país

House sitting Whitianga

Queríamos ir para um país em que fosse possível trabalhar, mesmo que fosse temporariamente, porque sabíamos que esta seria a única forma de sustentarmos nossa viagem. Precisávamos escolher um local onde o inglês (nosso único outro idioma) fosse o idioma falado e onde pudéssemos conseguir um visto facilmente.

Logo eliminamos os Estados Unidos e o Reino Unido pelas dificuldades de imigração que oferecem e o Canadá que não nos interessava muito. Pensamos na Irlanda, mas é um dos países menos favorecidos da Europa e mais afetados pela crise econômica, onde não seria muito fácil conseguir trabalho.

Daí nosso pensamento seguinte foi bem… a Nova Zelândia. A ideia de viver na Nova Zelândia, um lugar tão isolado, tão pouco explorado, para nós era algo muito interessante.

(e tudo isso antes da descoberta divisora de águas que foi o house sitting)

A qualidade de vida que a Nova Zelândia oferece

Pesquisando sobre a Nova Zelândia, percebemos que a Oceania era o lugar certo. Países novos, pouco explorados, longe da crise europeia, e no caso da Nova Zelândia, muito pouco povoado. Cidades pequenas, onde a população valoriza casas, não apartamentos minúsculos como os que são vendidos no Brasil, onde o trânsito ainda é tranquilo, apesar do alto número de carros por família, tudo pesou em nossa escolha. Queríamos qualidade de vida.

Viver na Nova Zelândiaalbert park auckland

Viver na Nova Zelândia

As opções de emprego na Nova Zelândia

Devido à pequena população, vários anúncios de emprego podiam ser vistos em sites pela internet e dependendo da profissão você poderia entrar com visto de trabalho direto. Além disso, o país oferece 300 vistos de trabalho temporário por ano para brasileiros através do Working Holiday Visa, que pode ser feito através da internet, pelo site oficial da imigração, num processo super simples, sem depender de agência, despachante ou intermediários. Era esse o nosso caminho.

Leia Mais: Descubra como você pode passar um ano trabalhando e viajando na Nova Zelândia com o Working Holiday Visa para brasileiros.

Leia Mais: Como conseguir um emprego na Nova Zelândia

A vida de quem decide viver na Nova Zelândia

Chegando aqui, não poderíamos ter escolhido melhor. O país é tranquilo, se move praticamente em outra rotação e faz mesmo a mais ansiosa das pessoas se sentir em paz. A população é simpática, agradabilíssima, super prestativa e amigável. Todos querem saber como você está, em como podem ajudar, etc.

primeiro house sitting, napier, vida ciganaHawke's Bay Farmers Market

Whanganui New Plymouth Vida Cigana

Viver na Nova Zelândia é viver na Terra Média!

Eu sou fascinada pela Nova Zelândia desde os tempos de adolescente, pois, como uma nerd viciada em O Senhor dos Anéis, visitar o país que deu vida à Terra Média para mim era algo muito surreal.

Hobbiton Matamata

Leia Mais: Conheça Hobbiton, a Vila dos Hobbits de O Senhor dos Anéis.

Tongariro Alpine Crossing trekking, National Park, next to Whakapapa New Zealand

Leia mais: Descubra o que fazer e onde ficar em Auckland, a maior cidade da Nova Zelândia

Sem contar com as paisagens de tirar o fôlego a cada estrada que você pega. O país tem de tudo: praias, montanhas nevadas, rios azuis, lagos borbulhantes, dunas gigantescas, vulcões e terremotos.

cape kidnappers

Outono em Arrowtown Vida CiganaMission Estate winery

Cape Kidnappers trailviver na nova zelândia

Redhoods, rotorua, new zealandLake Taupo Vida Cigana

E por que achamos que você também deveria experimentar viver na Nova Zelândia?

Se todos esses elogios não te convenceram, sinceramente, você não sabe o que está perdendo. Acha que não tem condições de se manter no país? Além de tudo, a Nova Zelândia foi o maravilhoso país que nos apresentou o house sitting, que reduz nossos custos de hospedagem a zero. Aqui há ofertas inacabáveis, em inúmeros lugares, com propostas diversas.

Leia Mais: Descubra o que é house sitting e nunca mais pague por hospedagem você também.

Ter nos introduzido a esse novo modo de viajar nos fez repensar nossa viagem e toda nossa vida. Seremos sempre gratos.

5 motivos para crer na humanidade, house sitting

ORGANIZE SUA VIAGEM!

HOSPEDAGEM
No Booking.com estão cadastradas as melhores opções de hotéis e albergues. Reserve com direito a cancelamento gratuito e viaje com mais tranquilidade.
SEGURO VIAGEM
Com a Seguros Promo é possível comparar a cotação de diversas companhias, garantindo o melhor custo/benefício na contratação. Use o cupom VIDACIGANA5 e receba 5% de desconto em seu seguro viagem
ROAD TRIP
Alugue um veículo com a RentCars.com para sua viagem. Compare os preços de diferentes locadoras, pague em Reais, sem IOF e parcelado em até 12 vezes.

Compartilhe este texto!

Sobre o Autor

Larissa

Larissa é nascida em Niterói/RJ, mas já estudou em Nova York e morou na Nova Zelândia por um ano antes de iniciar a volta ao mundo que terminou em 2016. Sonhando em viajar desde que se entende por gente, mantinha um caderno cheio de recortes de jornais e revistas sobre o Egito quando tinha 7 anos de idade. Hoje esse caderno é virtual e engloba vários destinos. Os “recortes” são produzidos por ela e pelo Carlos, semanalmente, no Vida Cigana.

108 Comentários

Clique aqui para deixar um comentário.
  • Ola Larissa, estou bastante entusiasmada para ir até a Nova Zelandia e traçar novos rumos. Sou engenheira, 43 anos, sem filhos. Gostaria de ficar 1 ano para aprimorar meus conhecimentos (lingua e cultura) e também trabalhar. Você recomenda alguma coisa, melhor visto, melhor cidade, melhor caminho? Muito obrigada!!!! Cibelly

    • Oi Cibelly, aqui é o Carlos respondendo pela Larissa, tudo bem?
      No seu caso você teria que ver suas possibilidade de conseguir um emprego na Nova Zelândia e viajar com um visto apropriado. Ou entrar com um visto de estudante categoria 1, pois eles liberam que além dos estudos, se trabalhe por até 20h semanais.
      Acesse o site da imigração e veja suas opções.

  • Bom dia.
    vou fazer Intercâmbio por um ano na Nova Zelândia, mas estou na dúvida de qual cidade escolher, vocês tem dicas?
    Vocês ainda moram ai?
    Parabéns pelo blog, é massa!

  • Oiii , me chamo Tamires tenho 19 anos e eu e meu noivo sempre tivemos a ideia de morar na Nova Zelândia,vou começar meu inglês este mês meu noivo já sabe falar ,sempre trabalhei em escritórios como auxiliar admibistratico e estou cursando direito , meu noivo em comércio gostaria de saber quais os vistos que poderia será a ser usado ? Temos muitas dúvidas sobre iriamos vender as coisas que temos pra ir então estamos dando um grande passo na nossa vida mas nós queríamos muito isso , planejamos para ir em final de 2017 , agradeço sua atenção desde já !

  • Vocês moram na Nova Zelândia só que não tem a própria casa, é isso ou entendi errado? Moram fazendo house sitting?

  • Olá boa tarde Vida Cigana, me chamo Caroline, sou estudante do último ano de Nutrição, trabalho como estagiária em uma cozinha industrial. tenho 24 anos, e quando eu me formar quero fazer curso de inglês, cursos de culinária e pós graduação em segurança alimentar… Pretendo ir pra Nova Zelândia, vejo que é um país perfeito para eu me deliciar com as trips nas montanhas e praias e viver com qualidade de vida. Você acha que eu tenho chances de conseguir um bom trabalho na minha área em NZ?

  • Estou com intenção de ir para nova Zelândia, atualmente trabalho com usinagem, mas tbm trabalhei com soldas, eletrônica, manutenção geral na industrial quebra galho de tudo um pouco, e faço curso de mestre de obras na área de construção civil

  • Boa tarde estou pesquisando países para imigrar meio do ano que vem, me interessei pela nova zelandia,
    porem não tenho ensino superior completo e não sou casada, tenho 25 anos sou solteira e gostaria de saber como funciona trabalho para quem não tem experiencia ou nivel superior, estamos planejando eu e uma amiga tbm solteira, é aconselhável? pois pelo que que vi eles buscam mais casais.

  • Olá,

    Tenho 33 anos, sou biólogo e professor de biologia (ciências e biologia), farei mestrado ano que vem e onde eu procuro sites sérios sobre emprego na área de pesquisa ou ensino. Minha especialidade é biotecnologia.

  • Bom dia, Sou Eduardo Arquiteto e Urbanista e pós graduado em Eng. Segurança do Trabalho, estou pensando em me mudar para Nova Zelândia com minha família (Esposa e 2 filhas, Laura 8 anos Síndrome de Down e Eliza 8 meses ). Você teria como condições de explicar como funciona as escolas para essa idade ??? e como eles veem crianças com SD nas escolas ???

    • Oi Eduardo, tudo bem? Que legal que esteja querendo ir com sua família para a Nova Zelândia. Não sabemos explicar algo tão específico, o bom é conversar com algum immigration advisor de lá (tem alguns voltados para brasileiros) e saber por ele. Mas acredito que não terá problemas em relação às escolas, a NZ tem tudo de melhor, o ensino me parece ser muito respeitado também.

  • Olá! Eu e meu marido estamos pensando em ir para a nova zelândia com intuito de estudar inglês e conseguir um emprego lá e ficar foreeever (rsrs). Será que é muito difícil de conseguir um emprego em 6 meses? PQ para isso teríamos q pedir demissão dos nossos empregos aqui no brasil…
    Será q com o visto para estudar inglÊs podemos trabalhar? Eu sou formada na área de Tecnologia de Informação e ele em engenharia. Vi que para a minha área tem bastante vaga. MAs meu receio é ir e não conseguir e ter q voltar com as mãos abanando… :'(

    • Rafaela, estudantes de escolas classe 1 em geral recebem o direito a trabalhar por até 20 horas semanais no visto de estudante. Resta a você pesquisar se nas áreas em que vocês trabalham é possível conseguir empregos de meio período para conciliar com os estudos ou não. Do contrário você podem experimentar trabalhos manuais temporários até que consigam algo definitivo.
      Se essa é a vontade de vocês é preciso arriscar. Para sair do país com as garantias de que tudo dará certo, só com um visto de trabalho apropriado e um contrato de emprego formalizado.

  • Olá, vou fazer 30 anos e eu estou querendo sair do país para morar na NZ, para estudar e trabalhar. Vi o WHV, mas também gostaria de saber se tem outras opções. Saberiam me dizer quanto (R$) eu devo ter para ir pra lá? Porque a primeira coisa é ter a grana.
    Obrigada.

    • Jamile, pro Working Holiday são exigidos 4200 NZD como comprovação de que o candidato tem como custear suas despesas iniciais. Acho que por aí você pode ter uma boa base para se programar.

  • Olá, gostaria de saber se com o salário mínimo da NZ é possível viver uma vida bem e confortável, se os impostos são altos e etc. Obrigada.

  • Bom dia..
    Minha esposa tem, 49 anos e eu tenho 38 anos , ela é contadora com pós e muita experiencia no mercado e eu trabalho na mesma area e terminando o curso de contabeis também. Estou pensando em em planejar para tentar tirar esse visto de trabalhador qualificado apos terminar minha faculadade e neste tempo estudar o Inglês. Minha duvida é a seguinte sera que pela nossa idade teremos barreiras para nos colocar no mercado de trabalho ai na NZ?
    Obrigado

  • Meu filho (14 anos) e eu (52), estamos pensando em passar o mês de janeiro próximo na N Z. Que orientação podem nos dar? Gratidão! Odair Pavesi

  • Oe, então, eu gostaria de saber se a NZ é melhor que Austrália para se viver (e mais fácil imigrar) ?? sou apaixonado por ”pegar a estrada” um pobre teria condição de viajar de carro pelo país ?

    • Oi Gabriel, a NZ é mais barata que a Austrália e bem mais tranquila. Depende muito do que você esteja procurando. A Austrália possui mais opções, tanto de variedade de coisas como de emprego, mas o custo de vida é mais alto. Sobre imigrar, a NZ possui o Working Holiday Visa, caso você tenha até 30 anos, e que permite que brasileiros trabalhem lá por um ano. Dá uma lida no post e veja se encaixa no seu perfil 😉

  • Olá, fiquei encantada com a sua descrição da NZ.
    Tenho uma dúvida em relação à imigração, o visto de residência permanente é algo possivel? Hoje moro no Canada com meu marido que tem um trabalho com sponsor, mas atualmente as leis da imigração mudaram e em nosso caso esta mais difícil de imigrar e estamos pensando em nos mudarmos de pais “para algum com um clima mais quente” e gostaria saber se vc tem essa informação mesmo q generalizada sobre imigrar. Não queremos ir para fazer dinheiro ou passar uma temporada, gostariamos de nos mudarmos e poder viver com qualidade de vida assim como nos vivemos no Canada.
    Muito obrigada desde já

    • Oi Debora, o processo de residência passa primeiro por um visto de trabalho, em geral através de um sponsor. Dê uma olhada nos termos para um skilled migrant visa no site da imigração que pode ser que seu marido se encaixe nos padrões.

  • Sobre a Nova Zelândia tenho algumas dúvidas:
    *Segurança: é seguro morar em casa? Há muitos assaltos?
    *Mulher: é seguro para mulheres? Como é o cenário de violência a mulher? É seguro uma mulher morar sozinha em uma casa?
    *Pet: Como é a vida para pets?

    • Olha Fran, a Nova Zelândia, em relação as suas perguntas, é um país perfeito. Super seguro, com raríssimos assaltos. O que mais tem lá são mulheres viajando sozinhas, nós conhecemos várias. A sociedade lá é bastante organizada e respeitadora, acredito que é um dos lugares no mundo onde a mulher está mais segura. Nunca tive nenhum problema lá durante o um ano em que passei no país.
      E não há paraíso melhor para os pets que a NZ. Todos são castrados e chipados, os donos prezam demais pela saúde deles e não há animais de rua.

  • Olá! Eu e meu marido estamos pensando em morar na Nova Zelandia, porém temos uma filha de 4 anos. Ele é especializado em Construção Civil e eu gostaria de ter um trabalho simples mas poder ficar mais tempo com a minha filha. Li que ha muitas vagas na area de construção civil, porém nosso inglês não é nada bom. O que vcs recomendam?

  • olá me chamo luciano e pretendo ir morar em NZ em busca de moeda e custo de vida mais acessível pensei na austrália também so que queria ouvir sua opinião
    sou técnico químico têxtil estudante de engenharia mecanica
    meu Inglês e básico a principio tava pensando entrar no pais como turista e me hospedar em algum hostel e assim procurar um trabalho e conseguir um contrato
    o que voce me diz , como pode me ajudar em dicar por favor..

    • Luciano, pense que é proibido trabalhar com visto de turista e as leis na Nova Zelândia são muito rígidas quanto a isso. O processo para conseguir um trabalho através de um empregador que banque ser seu sponsor pode ser demorado e neste período você deverá bancar seus custos sem ter qualquer remuneração.
      Pesquise sobre o Working Holiday ou as opções de ir com visto de estudante ou se candidatar como skilled migrant que seu caminho será ais tranquilo.

  • Bom dia!

    Olá, tenho interesse em mudar para um outro País e a NZ me atraiu muito. Tenho um problema com o idioma Inglês. Vcs poderiam me falar se esse será um problema para eu viver no pais? Claro que aos poucos irei aprendendo? Tenho problemas até para ver o site da imigração para verificar as vagas de trabalho nem que sejam as mais simples pois não tenho a formação.

    • Oi Danilo, o inglês pode ser uma barreira inicial porque sem falar o idioma só as vagas mais básicas estarão ao seu alcance. O ideal pode ser começar com um visto de estudante e concluir um curso antes de partir ao mercado.

  • Olá pessoal da vida cigana, quero mudar os ares, mudar minha vida, pensei também em Nova Zelândia, mas eu gostaria de ir para trabalhar já que sou formada em engenharia e juntar uma grana, tenho mais interesse em fazer grana lá é possível isso por lá, o que vocês me dizem com qual tipo de visto seria melhor no meu caso?
    Estou bem na dúvida, e também sobre a moradia qual seria uma boa opção?

    • Oi Larisse, a Nova Zelândia é um lugar maravilhoso, e acredito que engenharia esteja na lista de profissões procuradas pelo país. Dê uma olhada no site da imigração da NZ e veja se sua formação se encontra lá. Caso sim, fica bem fácil de tirar o visto de trabalho. Arrumando um bom trabalho lá dá pra juntar dinheiro sim, tudo depende das suas despesas e economias.
      E caso você tenha menos de 30 anos, pode aplicar ao WHV (http://vidacigana.com/working-holiday-visa) e viajar e trabalhar por um ano no país!

    • Sim eu tenho menos que 30 anos mas o WHV é necessário que mude de trabalho a cada 3 meses né e eu queria uma estabilidade, eu olhei sobre as profissões o meu se enquadra no que eles procuram, a minha maior dúvida é sobre a exigência do inglês que n ficou no site de imigração e a moradia, caso eu consiga o visto de trabalho qual seria a melhor opção de moradia?

    • O WHV pede que troque de trabalho a cada 3 meses, mas caso o empregador que te contratar queira te manter por mais tempo, isso não impede que continue no mesmo emprego.
      Opções de moradia têm várias. Nós fizemos muitos house sittings, mas para alguém que tenha um emprego fixo não dá muito certo. O bom é entrar em grupos do facebook da NZ que lá sempre tem gente anunciando vaga em apartamento, a maior parte de quem está começando a vida lá divide o aluguel.

  • Boa noite !!
    Estou muito interessada em morar e trabalhar na NZ! Porém sou casada e tenho um filho de 3 anos, nesse caso qual seria a melhor forma de ir!? Seria bom um de nós dois irem primeiro e se estabilizar? Com criança é impossível!?

    Obg

  • Sou servidor publico IML, e tenho curso de preparaçao de corpos (tanatopraxia/reparação facial) portanto acho q poderia conseguir trabalho no setor funerario. pelo q ja vi acho q preciso de fazer um curso de extensao ai… pra atuar como tanatopraxista. porem a pergunta é..sera q consigo ir pra ser ajudante..na funeraria.isso tb vi num site de emprego uma oferta que nao exigia experiencia. que tipo de visto devo tentar ..turista e me arrumar ai..ou ja ir com visto de trabalho

    • Olha Eude, você precisa ver no site da imigração se o seu trabalho está na lista para aplicar ao visto de trabalho. Não sabemos detalhes do mercado de trabalho por aqui, mas o site da imigração da NZ saberá te responder. E sobre o visto, nunca aconselhamos ninguém a ir como turista e trabalhar ilegal, você pode ser deportado e se meter em encrencas.
      Abraços

  • Olá!

    Parabéns pela postagem!

    Ainda está na Nova Zelândia?

    Queria saber se você e seu companheiro conheceram DUNEDIN e QUEENSTOWN.

    Saberia me dizer qual o custo de vida médio nas duas cidades. Sei que QUEENSTOWN é o mais caro das galáxias, mas DUNEDIN é bem menor, mas não sei se tão menor assim.

    Acha que em Dunedin, com 1500 dólares por mês, é possível morar há 20min do centro em um ap de 1 quarto (studio), usando transporte público e viver bem?

    Muito obrigado pela atenção!

    Att.: Rafael

  • Ola, estou indo com visto de trabalho rural exchange por 1 ano e pretendo levar minha namorada como turista para fazer o pedido de partner visa dai da nova zelandia, é possivel? A fazenda liberou dela dividir a casa cmg. Achei uma boa oportunidade att

  • Olá,

    Estou decidido em morar fora do país por um longo prazo. Estou com dificuldades na escolha. Tenho 31 anos (solteiro, porém suponho que em uns 5 anos casarei, não dá pra ser feliz pra sempre), sou formado em finanças e vou dar continuidade com uma pós ou mais uma extensão do meu diploma para business accounting.

    Meu perfil seria alienar emprego com salário digno para se obter uma vida sem apertos extremos, qualidade de vida, entretenimento e belas paisagens. Óbvio isso é um mundo ideal para todos.

    Conheço o processo de imigração que é contabilizado por pontos e qual país é mais burocrático ou menos.

    Penso em:

    Auckland

    Características
    * Custo de vida alto, salários não tão bons assim;
    * Belas paisagens;
    * Populosa porém sem agitos (eu prefiro mais agito);
    * Menos burocráticos e mais receptivos (importantíssimo);
    * Clima sem extremos (prefiro sol e calor);
    * Opções de entretenimento razoáveis;
    * Cidade jovem, moderadamente vibrante;
    * Esportes radicais;
    * Ótima qualidade de vida.

    Dúvida:
    * Possibilidade de emprego compatível com o custo de vida (claro que é subjetivo, porém tenho certa bagagem acadêmica e profissional);
    * Será que depois de um tempo não rola aquele tédio?

    Sidney ou qualquer cidade australiana

    Características
    * Altamente cosmopolita;
    * Cidade jovem e vibrante;
    * Melhores salários;
    * Burocrática para imigração (importantíssimo);
    * Dificuldades na inserção no mercado de trabalho em empresas ou qualquer sponsor (importantíssimo);
    * Custo de vida alto;
    * Belas paisagens;
    * Maior parte do ano ensolarada;
    * Menos receptiva;
    * Muitas opções de entretenimento;
    * Ótima qualidade de vida;

    Dúvida:
    * Possibilidade de imigração (baseando se em estudos e procura por trabalho na área para obtenção de sponsor);
    * Inserção no mercado de trabalho (suponho que infelizmente precisarei de sponsor em trabalhos relacionados a minha área, dificilmente me concederiam visto de imigrante em um trabalho braçal).

    Vancouver

    Características:
    * Clima com temperaturas baixas (porém menos extrema que outras cidades do Canadá);
    * Menos burocrática para imigração (claro, atendendo os pré requisitos);
    * Aparentemente agitada e moderna;
    * Ótima qualidade de vida;
    * Alto custo de vida;
    * Salário, suponho que seja menor que Sidney e maior que Auckland;
    * Belas paisagens;
    * Cosmopolita;
    * Boas opções de entretenimento;
    * Dizem que o pessoal de lá não gosta muito de trabalhar por lá, portanto subempregos bem remunerados.

    Dúvida:
    * Sem muitas dúvidas porém a clássica sobre empregos como a possibilidade de empregos na área (pergunta muito relativa);

    Resumo:
    Com 31 anos, me considero ainda jovem porém sem tempo para perder. Não quero passar muito tempo com vida de intercambista contando moeda para sobreviver. Compreendo que nada é garantindo, o que tento fazer é ser prudente com o meu perfil e o que se pode obter diante das variáveis.

    Desculpem o textão, porém a dúvida de escolha ta difícil, opinões, melhoramentos ou desmistificações sobre o citado acima ?

    Inbox: mohamed.finance@hotmail.com

    Abs pessoal !

    • Olá Mohamed, sua pesquisa já foi bem a fundo, agora acho que depende mais do que você está disposto a passar. Imigrar não é fácil, independente do país. Caso ajude a sua pesquisa, as cidades que mais gostamos foi Wellington, na NZ e Melbourne, na Austrália. Nenhuma das duas estão na sua lista e acho que valeria a pena você dar uma pesquisada. Wellington, por exemplo, além de ser bem mais legal e bonita que Auckland, tem bem mais emprego.
      Abraços!

  • olá! sou enfermeiro e minha noiva farmacêutica, gostaríamos de saber de vcs se na Nova Zelândia há vagas para esta profissões? e qual site devo pesquisar? vc ouviram falar desta cidade Kaitangata, aqui no Brasil saiu uma reportagem falando sobre as varias oportunidades de emprego e da facilidade de conseguir comprar um imovel nesta cidade,ja que eles estão querendo atrair pessoas para morarem nesta região,será que é tudo isso mesmo? para nos que não somos estudantes e que ja passamos dos 30 anos qual é a forma mais facil e correta de arrumar um emprego e ir morar de vez na Nova Zelândia?

  • Oiiiiii Eu e minha noiva queremos ter nossos filhos em um país melhor que o Brasil! Inicialmente pensamos em Portugal, mas estou sempre buscando países legais para imigrar… Somos empresários e temos a intenção de continuar com nossos negócios aqui no Brasil e morar em outro país. Aí na Nova Zelândia tem algum tipo de visto para investimento? Tipo comprar um imóvel…

    Obrigado! Adorei o blog!

  • Olá explorei um pouco o vosso blog e gostei muito parabéns!
    Seria possível, por favor, trocarmos algumas ideias?
    Estamos há muito tempo pensando em uma possibilidade de mudança.
    Tenho 44 anos sou doutorado em Eng. Química e professor de uma universidade federal no Brasil, Também tenho experiência prática em indústria química. A minha esposa (não temos filhos) é advogada. Vocês acham que a NZ é favorável a receber pessoas como nós?
    Abs e muito obrigado pelas informações.

    • Oi Leandro, qualquer pessoa qualificada pode tentar um emprego na Nova Zelândia que permita imigrar. Você precisa ver se sua área tem vagas em demanda e seguir as instruções da imigração.
      Dê uma olhada no texto que linkei aqui em cima que te dará uma boa base de onde começar sua busca.

  • Olá,
    li agora e tô cada vez mais empolgada com a ideia de imigrar!!!!
    como faz pra manter contato com vc? (acabei de ler e ainda não fucei o blog!! kkkk)
    *.*

  • Oi casal, tudo bom?
    Uma dúvida, é possível se matricular em um curso de inglês por lá com esse visto? Ou existe alguma limitação?
    Abraços. Fabiana.

  • Olá! Será que eu consigo um trabalho/emprego chegando aí com visto comum de turista? Minha esposa e eu estamos em busca de uma oportunidade para estudar ingles e trabalhar para nos manter. Já passei dos 30 anos para o Working Holiday…

  • Uma pergunta, é possível depois disto tudo, quando este 1 ano estiver próximo do fim, conseguir continuar aí de alguma outra forma LEGAL? Digo, é possível conseguir um contrato de serviço passa mudar o status do visto? essas coisas….
    Minha idéia é ir inicialmente com um visto menor, e logo após firmar residencia…
    Qual caminho tu me indica a seguir ?

    • Se você conseguir uma proposta de emprego de longo prazo de alguém ou alguma empresa local que tope ser seu sponsor você pode mudar o visto para um de trabalho e ficar por mais tempo. Dê uma lida no site da imigração para ver quais são as opções no seu caso.

  • Olá pessoal!

    Primeiramente quero parabenizar vocês pelo ótimo trabalho com o site, muitas informações disponíveis para quem está planejando a viagem dos sonhos!

    PARABÉNS e MUITO obrigado por desmistificarem este país maravilhoso!

    Tenho uma dúvida em relação ao Working Holiday Visa. A comprovação dos NZ$4,200 é feita como? É feita online logo na abertura do formulário?

    Um abraço, continuem com o grande trabalho!

    • Obrigado, Higor.
      A comprovação financeira pro Working Holiday Visa é através de uma declaração pessoal no formulário. Não é necessário comprovar, mas eles podem exigir isto durante o processo de análise da sua candidatura ou no momento de sua chegada à Nova Zelândia. logo é sempre bom er em mãos caso solicitado.

  • Olá casal! Gostaria primeiramente de dar os parabéns pela iniciativa de vcs, o site está ótimo e vem ajudando muita gente. Li algumas perguntas a respeito de como funciona o working holiday e pelo que entendi, todos os custos seriam por nossa conta, mas trabalhando lá, é possível custear isso sem problemas, certo?
    A respeito das ofertas de trabalho, é fácil conseguir algum trabalho por lá? Existe algum tipo de agência com o pessoal que vem pelo workingholiday? É possível trabalhar pelo período completo de um ano, caso eu não fique mais de 3 meses no mesmo?
    Agradeço desde já, Fernando

    • Oi Fernando. Sim os custos são por conta do candidato e você deve declarar que consegue bancá-los durante o preenchimento do formulário para conseguir o Working Holiday Visa. O emprego também fica por sua conta, mas no país existem muitas vagas pendentes que não interessam aos neozelandeses e são normalmente ocupadas por quem vai com o Working Holiday. Dá uma lida em nosso texto sobre emprego na Nova Zelândia que deve te dar uma luz.
      Por último, a regra é esta mesma que você entendeu: você pode trabalhar em tempo integral pelos 12 meses desde que não ultrapasse 3 com um mesmo empregador. Logo, a dica é ficar 3 meses em cada cidade e aproveitar a mudança de emprego obrigatória para conhecer as diferentes regiões do país.

  • Olá casal do Vida Cigana! Descobri sobre vocês e sobre o working Holiday visa hoje pela manhã 🙂 Há anos tenho vontade de ir pra NZ e quase não acreditei quando li sobre o visto! Já estou me programando para prestar a candidatura para uma das 300 vagas do w.h.v. com meu companheiro de aventuras, também meu namorando. Estamos apenas com uma dúvida e o site da embaixada da NZ no setor do programa não específica em nenhum momento o dado que estamos procurando: se aprovarem nossa candidatura e também aprovarem nosso exame médico/raio x , temos um limite de quanto tempo para efetuar o embarque? Pelo que li em um dos textos de vocês (me corrijam se eu estiver enganada!), vocês só viajaram de fato mais ou menos um ano após serem aprovados e nesse período também organizaram a viagem e o roteiro. A questão é que eu e meu namorado acabamos de entram em uma pós e ela dura um ano e meio. Se prestarmos para vagas nesse ano e o limite para embarcarmos na viagem for de no máximo um ano após a aprovação, teremos que largar a pós faltando 6 meses para a sua conclusão. Dependendo do caso, valeria mais prestar em setembro de 2016 (acho). Vocês teriam essa informação para me fornecer ou onde eu talvez possa encontrá-la? O blog de vocês já foi um achado e obrigada pelos ótimos textos e dicas! Vocês são geniais!
    Obrigada desde já!

    • É exatamente isso que você entendeu, Yasmin.
      Após aprovado o Working Holiday Visa você terá um ano de prazo para chegar à Nova Zelândia. Logo, tentando em Setembro de 2015 o limite seria Setembro de 2016. No caso de vocês, se não pretendem largar a pós, talvez seja mesmo mais vantajoso tentar seu Working Holiday Visa só no próximo ano.
      Obrigado pelas palavras e continue acompanhando a gente!

  • Olá, eu e meu namorado sonhamos com uma experiência parecida e a NZ parece realmente um lugar ótimo, mas apenas eu tenho um nível de inglês básico e meu namorado zero, é possível que consigamos viajar nos empregar e ter uma boa experiência?

    • Depende da disposição que vocês tenham para trabalhar, Lorraine. Há muitas vagas de trabalho em fazendas e serviços básicos nas cidades que o inglês não é necessário e são preenchidas por quem vem com o Working Holiday Visa.

  • Olá pessoal, morei 7 meses na Austrália e vi alguns amigos q foram com moradia em house sitting. Eu não sabia q isso era tão confiável e acabei ficando em homestay e depois aluguei um quarto. Mas confesso que isso encareceu muito meu orçamento no período, em comparação a uma house sitting.
    Adoro este blog. Sempre com informações excelentes p qm está planejando mudar o estilo de vida.
    Super beijo a vcs!

    • Obrigado, Maria Alice.
      Realmente house sitting ainda não é muito pouco conhecido entre brasileiros, mas é uma ótima opção para quem pretende viver na Nova Zelândia ou na Austrália (e outros países) por um tempo.

  • Olá! Primeiro parabéns pelo site!
    Estou planejando há algum tempo morar fora por algum tempo com o objetivo de melhorar o inglês e conhecer uma outra cultura. Meu planejamento seria para o segundo semestre de 2016. O Working Holiday Visa seria perfeito para mim mas infelizmente completo 31 anos no final de Agosto/15 e as inscrições começam em Setembro/15. Sendo assim, qual seria a melhor opção pra mim? É tranquilo chegar com o visto de turista e neste tempo fazer contatos para um trabalho fixo?

    • Carlos, sugiro que você veja quais são suas opções para um visto de estudante – se eu objetivo é melhorar o inglês pode ser uma alternativa ao Working Holiday Visa, já que em alguns casos eles permitem que se trabalhe 20 horas por semana.

  • Olá, quero me inscrever esse ano para o Brazil Working Holiday, li que preciso agendar o exame medico antes mesmo de me inscrever no dia 2 de setembro, é isso mesmo? se sim, como faço? Tenho que preparar antes dessa data mais alguma documentação?

  • Olá! Tenho 20 anos e recentemente tranquei minha faculdade pois não estava feliz com o curso. Agora meu objetivo é um intercâmbio. Vou me inscrever para tentar o Working Holiday Visa para Nova Zelândia, tenho um emprego aqui mas meus recursos são limitados, estou guardando dinheiro. Gostaria de saber algumas informações: eu conseguiria arrumar um emprego facilmente para me sustentar la por conta da minha idade? alem disso meu nivel de ingles é basico, ou seja, entendo mas falo muito pouco. Quais seria os trabalhos que conseguiria? Qual seria a melhor opção de estadia no meu caso? seria viavel House Sitting mesmo trabalhando?

    • Danielle, dê uma olhada em nosso texto sobre como conseguir um emrpego na Nova Zelândia. Acessando os sites que a gente indica por lá você terá uma ideia melhor do que dá para conseguir no seu caso.
      No caso do house sitting, muita gente prefere quem viaje como turista, ou que trabalhe de casa, como é o nosso caso. Mas ainda assim acho que vale a tentativa de se candidatar e ver a aceitação de cada proprietário.

  • Acho que sou a única pessoa do mundo que veio morar aqui e, apesar dos pontos positivos, odeia. Conto os minutos pra voltar pro Brasil.

  • Olá! Estou viajando para Nova Zelandia em novembro.
    Já peguei várias dicas importantes com os relatos preciosos de vocês!!!
    Gostaria apenas de saber se é necessário fazer reserva para a travessia entre as ilhas com antecedência. Vi que existem 3 horários do ferry.Nossa direção é sul para o norte. Grata pela ajuda!

  • Olá! Sempre acompanho vcs pelo facebook, o que instiga bastante a querer ir p/ Nova Zelândia… Entretanto, tenho algumas dúvidas: tenho um filho de quase 5 anos e somos só nós dois (fiquei viúva), recebemos uma pensão relativamente boa em reais e penso que seria uma ótima experiência p/ mim e p/ ele passar uma temporada aí, aprender inglês e curtir esse país lindo… Daí que surge a minha questão: como ir com um filho pequeno p/ NZ? House sitting seria uma boa, mas não sei se aceitam crianças nas casas… Vcs poderiam me dar sugestões? Obrigada!

    • Oi Mariana, bom ter perguntado isso!
      Bom, existem vários tipos de anúncios de house sittings, para diferentes públicos. Alguns deles permitem crianças sim, e acho sempre válido entrar em contato com o proprietário e perguntar, mesmo que ele não tenha mencionado no anúncio. Não acho difícil não. O primeiro passo é se cadastrar no site e se candidatar aos anúncios que te agradarem. E acho ótimo você estar pensando em passar uma temporada aqui com seu filho. Será ótimo para você e para ele também. A Nova Zelândia é perfeita para crianças, ele vai adorar!
      Abraços!
      Larissa

  • Amei o site de vocês e qro saber direitinho como prestar esse tipo de serviço (House Sitting). Vocês sabem me dizer se na Australia tem isso?

    enfim.. parabéns pelo trabalho de vcs!

    • Oi Caren, dá uma lida no nosso texto inicial sobre house sitting aqui no blog que lá tem um passo a passo de como começar nessa vida. House sitting existe na Austrália também. Nós mesmos já temos dois por lá acertados para o segundo semestre desse ano.

      Se ainda tiver alguma dúvida pode procurar a gente aqui ou no Facebook.

  • Adoro o blog, as dicas e o estilo de viagem de vocês! Tem algum post sobre empregos?? Estou indo pra NZ em agosto com o WHV! Abraços

    • Obrigado, Marina! E parabéns por ter conseguido o WHV!
      Nós não temos posts sobre emprego ainda porque a gente aqui trabalha como freelancer, com os mesmos trabalhos que já tínhamos no Brasil. Mas pode ser uma boa ideia escrever um sobre o assunto em breve.

  • Ola Pessoal, estou na fase de pesquisa para num futuro dentro de 1 ano e meio no máximo 2 anos, imigrar com minha familia. Penso em ir primeiro para estudar ingles. Mas ao pesquisar valores de investimentos, uma agencia me informou que para ter uma garantia maior de visto eu preciso comprovar uma renda minima de R$4000,00/mes além de comprovar uma garantia de NZ$1250,00 por mês que eu ficar no país. Fora os valores do curso e da passagem. Ao final das contas, somando passagem, curso e valores de garantia o resultado fica em torno de R$50.000,00 para que eu possa entrar no país e ficar por 6 meses. Como é esta questão de valores de garantia pra ficar na NZ, no inicio das pesquisas pensei até em levar minha filha. de 4 anos… É realmente necessário comprovar toda essa renda como estudante de inglês?

    • Oi Melissa,
      Não sei dar informação sobre vistos diferente do que nós fizemos (o Working Holiday Visa), mas acredito que esta agência esteja fazendo o processo para um visto de estudante regular, que é um pouco mais complicado que o WHV.
      Nós aplicamos pela internet mesmo, sem intermediários. Neste caso o exigido são NZ$4200,00 + o necessário para um bilhete de volta (caso não chegue com um comprado).
      Mas note que esta modalidade só emite 300 visto por ano para brasileiros e impõe certas restrições que você deveria se enquadrar. uma delas é que você não poderia trazer sua filha junto.

      Fora isso, no nosso caso, ninguém exigiu comprovação alguma quando chegamos, mas não sei se eu arriscaria não tê-las ao desembarcar.

      Um abraço,
      Carlos

  • Eu e meu marido estivemos ai no mês passado e foi paixão à primeira visita! A Nova Zelândia é um país impressionante, de tirar o fôlego! Queremos voltar urgentemente! Parabéns pelas fotos do blog, são lindas!

    • Tem toda a razão, a Nova Zelândia é de tirar o folêgo mesmo, de uma maneira surreal!
      Obrigada pelos elogios, vamos continuar postando cada vez mais fotos bonitas 🙂

  • Olá! Me interessei muito pelo post, estou em dúvida entre Nova Zelandia e Austrália.
    Vocês trabalham na área aí? há quanto tempo estão morando e onde moram?
    Abraços

  • Esse é o estilo de vida dos meus sonhos. Mas, sou deficiente físico. Como isso pode me atrapalhar? Penso que House Sitting nem pensar. Como que pessoas como eu são encaradas por aí?

    Abraços

    • Oi Giuliano,
      Na Nova Zelândia as Leis de Acessibilidade são muito bem respeitadas. Todos os locais comerciais e públicos, mesmo no meio de trilhas fechadas como a do Lake Marian ou campings como o do McLaren Falls, têm banheiros com as devidas especificações de acessibilidade, mas ainda não vimos casas que tenham sido adaptadas, o que pode mesmo ser um problema. No entanto, se sua preocupação for relacionada a algum tipo de preconceito, nós não notamos nada do tipo na maior parte do país – as cidades são bem pequenas e todo mundo recebe bem os visitantes.

House Sitting

Booking.com

publicidade

Close