Home » Destinos » Áustria » Roteiro em Viena: 2, 3 ou 4 dias na capital da Áustria
Áustria

Roteiro em Viena: 2, 3 ou 4 dias na capital da Áustria

Roteiro em Viena: O lindo Palácio Belvedere, onde fica o famoso quadro O Beijo, de Gustav Klimt

O conteúdo de seu roteiro em Viena pode variar bastante de acordo com a quantidade de dias que passará na cidade. Para quem fica um ou dois dias, uma passagem rápida por suas atrações pode ser o suficiente para tirar fotos diante de seus palácios e ter a sensação de ter conhecido a cidade. Mas para visitar seus muitos museus e uma série de atrações que Viena tem, e que considero indispensáveis em uma passagem pela cidade, serão necessários no mínimo três dias.

Além disso, para quem tem alguma folga no planejamento, um roteiro de viagem por Viena pode incluir até um bate e volta até Bratislava, a capital da Eslováquia.

Saiba mais: Veja quais são os 5 Documentos obrigatórios para viajar para a Europa

Como montar um roteiro por Viena

Roteiro em Viena: o Hofburg de noite
Uma das alas do Hofburg à noite

A capital da Áustria é conhecida por seus belíssimos palácios e por seus famosos compositores. Tudo na cidade é muito grandioso. Seus prédios históricos emendam uns nos outros, e quando você vê, já não sabe onde começou um e terminou outro. Seus parques e jardins são maravilhosos, especialmente quando floridos na primavera e durante o verão.

Abaixo, farei uma lista com o melhor da capital da Áustria para que você possa montar seu roteiro em Viena da melhor forma possível. As atrações foram escolhidas de acordo com sua importância histórica. Os dias de viagem exemplificados foram divididos conforme a proximidade das atrações e o tempo necessário para dedicar a cada uma.

Para quem quer economizar: Fique atento porque Viena é uma cidade cara, de pouquíssimas atrações gratuitas. Para segurar o orçamento durante seu roteiro por Viena, a melhor alternativa é comprar o Vienna Pass. Com ele, o turista tem acesso gratuito a mais de 60 atrações da cidade, entrada prioritária nas mais concorridas e ainda tem direito de usar os ônibus turísticos que circulam entre uma e outra. O Vienna Pass pode ser adquirido nas opções para 1, 2, 3 ou 6 dias.

Leia mais: Saiba quais os melhores bairros e escolha onde ficar em Viena

Roteiro em Viena: 2, 3 ou 4 dias

Roteiro em Viena: a Catedral de Santo Estevão, a igreja mais famosa de Viena
A Catedral de Santo Estêvão

Dia 1

Comece devagar e explore o centro histórico de Viena a seu tempo.

Stephansplatz e as atrações ao redor

O melhor ponto de partida é pela Stephansplatz. A praça é onde está localizada a Catedral de Santo Estêvão, uma das catedrais góticas mais antigas e importantes da Europa. Possui telhados de azulejos coloridos, e em seu interior foram realizados funerais da realeza, como o de Franz Joseph I e casamentos de celebridades austríacas, como Mozart. Tanto seu exterior quanto interior são belíssimos. É possível subir até o topo da torre da igreja e descer até as catacumbas, mas ambas as atrações são pagas.

Roteiro em Viena: o Wiener Pestsäule
Wiener Pestsäule

Após visitar a catedral, siga pela rua Graben, à esquerda da igreja. É uma rua de pedestres que apresenta vários monumentos famosos, como o Leopoldsbrunnen e a Wiener Pestsäule (em português, Coluna da Peste). Esta última, é uma belíssima estátua comemorando o fim da grande praga que infectou cerca de 76 mil pessoas na cidade. A estátua foi erguida a mando do rei Leopoldo e conta com suas imagens centrais douradas, que brilham quando o sol bate. Muito bonita.

Ao final da Graben, siga a esquerda e pegue a rua Kohlmarkt, a chamada Quinta Avenida de Viena. Ali você encontrará as mais famosas e caras lojas do mundo. Ao final dela fica a entrada do maravilhoso palácio de inverno dos Habsburgo (a família real austríaca e uma das mais influentes do seu tempo).

O Palácio de Hofburg

Roteiro em Viena: Palácio de Hofburg, casa de inverno da família real austríaca
Palácio de Hofburg

Não há palavras suficientes para descrever o Hofburg. Ele é lindíssimo e imenso. Imenso é pouco para seu tamanho! Ele é tão grande que é possível caminhar por dentro de seus jardins e praças e nem perceber que ainda está dentro de seu terreno.

O palácio possui mais de 1400 cômodos. Era de lá que os imperadores austríacos governavam o país e ainda é onde hoje o presidente da Áustria mora e trabalha. Foi dali também que Hitler anunciou a anexação da Áustria à Alemanha durante o nazismo.

O Hofburg é, portanto, uma das paradas obrigatórias ao visitar Viena. E estou falando não só do seu exterior, mas como do interior também. Sim, mesmo com o presidente atual morando lá, é possível conhecer os aposentos reais onde um dia moraram os imperadores.

Reserve umas 2 horas para se embrenhar pelo Museu Sisi, dedicado à imperatriz mais famosa da Áustria. Bem impactante e que mostra uma parte sombria do mundo imperial. E logo após conhecer os aposentos de Sisi, emende nos apartamentos imperiais, com quartos de Franz Joseph I, seu marido. O passeio conta com áudio-guia, super importante para entender toda a rica história do lugar.

Maria-Theresen-Platz e o MuseumsQuartier

Roteiro em Viena: A Maria-Theresen-Platz com o Museu de História da Arte ao fundo.
Maria-Theresen-Platz com o Kunsthistoriche Museum ao fundo

Saindo do palácio depois de atravessar as praças Kaiser Franz I e Heldenplatz, mas ainda dentro do terreno do Hofburg, você chega na Maria-Theresen-Platz. O espaço é uma linda praça cheia de árvores perfeitamente podadas, com dois museus bem legais: o Kunsthistoriches Museum (de História da Arte) e o Naturhistoriches Museum (de História Natural).

Sendo franca, os dois são bem similares a outros museus do tipo presentes em outras cidades ao redor do mundo. Ainda assim, recomendamos colocar num roteiro por Viena uma visita ao de História da Arte, pois ele abriga obras únicas de artistas famosos como Caravaggio, Rubens, Rembrandt, entre outros. Sem contar que seu interior é simplesmente de tirar o fôlego. É possível comprar com antecedência seu ticket e pular as filas.

Roteiro em Viena: O MuseumsQuartier, ótimo lugar para beber à noite
MuseumsQuartier

Após se embrenhar nesses museus, siga em frente até a praça Maria-Theresen-Platz e termine o dia no MuseumsQuartier. Ali você encontra, adivinhem, mais museus! Entre os maiores estão o Leopold Museum e o Mumok (Museu de Arte Moderna). Mesmo que seu roteiro não inclua uma visita aos edifícios, a praça fechada do MuseumsQuartier é ótima para relaxar, deitar em um de seus bancos ou comer e beber alguma coisa em um de seus restaurantes. A noite ali é bem agradável.

Leia mais: 9 Dicas para encontrar o seguro viagem mais barato para sua viagem

Dia 2

Roteiro em Viena: Os lindos jardins do Palácio Belvedere
Jardins do Palácio Belvedere

Comece o segundo dia de seu roteiro em Viena dedicando-se a visitar mais 2 palácios importantes na capital da Áustria.

Belvedere

Reserve a manhã para visitar o Palácio Belvedere, que possui dois complexos: o Belvedere Superior e o Belvedere Inferior, separados por um magnífico jardim cheio de fontes. A vista de lá é incrível, e ambos abrigam obras de Gustav Klimt, maior pintor austríaco. No Belvedere Superior fica sua obra suprema, O Beijo, que é praticamente a Monalisa da Áustria, cercada de turistas querendo ver de perto. Lindíssimo! É possível evitar as filas comprando seus tickets antecipados.

Depois de passar a manhã toda conhecendo o local e caminhando por seus jardins, almoce ali por perto e pegue o metrô até a estação Schönbrunn, onde fica, pra mim, a melhor atração de Viena.

O Palácio de Schönbrunn

Roteiro em Viena: O Palácio Schönbrunn, magnífico
Palácio de Schönbrunn

Ao colocar o palácio no roteiro, vá até lá sabendo que você irá “perder” o resto do dia todo, pois o lugar é enorme! A começar por seu belíssimo palácio, que era o reduto de verão dos Habsburgo. Dentro dele o turista tem a oportunidade de conhecer os aposentos reais e a história da família real, que remete até ao Brasil, pois ali nasceu a Imperatriz Leopoldina, esposa de D. Pedro I.

O tour pelo Palácio Schönbrunn consegue ser ainda mais interessante que o de Hofburg, com explicações super organizadas e sucintas. O áudio-guia é muito bem feito. Caso prefira, dá pra fazer o tour também com um guia do início ao fim do passeio.

Roteiro em Viena: Os labirintos do Schönbrunn
Os labirintos do Palácio de Schönbrunn

Além do palácio em si, o jardim é outra história. Imenso e magnífico! Durante a primavera e o verão fica repleto de rosas e flores, e ainda possui diversos jardins à parte, com labirintos super divertidos. Para coroar a visita, suba até o alto da colina ao fundo do palácio, onde fica o Gloriette, um lindo edifício aberto lá no topo. De lá se encontram as melhores vistas da região. Imperdível!

A noite em Viena

Roteiro em Viena: Caminhada de dia pelo Donaukanal e à noite para beber
À noite aí é bastante badalada, principalmente do outro lado do canal

Para fechar o dia, vá até a margem do Donaukanal, um canal do rio Danúbio (use a estação de metrô Schottenring, das linhas U2 e U4). À noite, tome um drink junto com as outras dezenas de pessoas que estarão nos restaurantes ali na borda curtindo o fim do dia. Durante o verão o espaço fica bem cheio, principalmente na altura da rua Rotenturmstrasse, mas na margem oposta.

Dia 3

Roteiro em Viena: a Karlskirche em Karlsplatz
A linda igreja de Karlskirche em Karlsplatz

Comece o terceiro dia indo até a Cripta Imperial de Viena, que fica dentro da Igreja dos Capuchinhos. Em seu subsolo estão enterradas 142 pessoas da família dos Habsburgo e da aristocracia, o mais antigo deles datando de 1633. Os maiores nomes da família real austríaca estão descansando ali, como Franz Joseph I e sua esposa Sisi. A igreja por fora é bem simples, como toda igreja franciscana.

Roteiro em Viena: O Museu Albertina
Museu Albertina

De lá, siga até o Museu Albertina. Um dos museus mais importantes da Áustria e do mundo. Em sua coleção possui quadros que vão desde Monet a Picasso, além de exposições temporárias muito interessantes. O prédio em si é um escândalo também e foi restaurado depois de ter sido danificado durante a Segunda Guerra Mundial. Para entrar no Albertina sem enfrentar filas, compre seu ingresso com antecedência.

Roteiro em Viena: o Naschmarkt
O Naschmarkt

De lá vá até o Naschmarkt, o mercado municipal de Viena, e escolha uma das mais variadas opções de pratos para almoçar. Tem de tudo, comida vienense, asiática, indiana, o que imaginar. É um lugar bem interessante para comprar suvenires também.

Descanse um pouco no Karlsplatz, uma linda praça em Viena em que fica a Karlskirche, ou Igreja de Carlos em português, uma igreja um tanto diferente e bastante fotogênica.

Roteiro em Viena: A Ópera de Viena
Opera de Viena

Do museu vá até a Opera de Viena (Wiener Staatsoper), bem pertinho dali. É possível visitar o belíssimo teatro por dentro em um tour guiado. Dê uma olhada no site oficial da Opera.

Por último, reserve o final do dia para visitar o Secession, um histórico museu em Viena que marca o rompimento da arte acadêmica a fim de tornar o movimento artístico mais livre de regras (algo como a Semana de Arte de 22, que aconteceu no Brasil). O líder do movimento foi, justamente, Gustav Klimt, e no prédio podem ser vistas várias de suas obras.

Dia 4

Roteiro em Viena: O Prater e sua antiga roda gigante
Prater

No quarto e último dia comece visitando o Sigmund Freud Museum, caso psicologia seja um assunto que te interesse. O museu é um tanto desfalcado e ainda luta para ter o espaço reconstruído na forma como era à época em que Freud ali vivia, visto que Freud e sua família tiveram que se mudar às pressas para Londres para fugir do nazismo. O hall de entrada ainda é original e a recepção do seu consultório possui a mobília original doada pela filha de Freud ao museu.

Roteiro em Viena: Sigmund Freud Museum
Sigmund Freud Museum

Depois siga ao Mozarthaus, uma das casas onde Mozart morou em Viena. O museu é bem moderno, mas também deixa bastante a desejar. Os cômodos não possuem mobília e não se sabe ao certo o que funcionava em cada um deles. Eu sou muito fã de Mozart e meu filme favorito é Amadeus (para quem não viu, fica a dica), então precisei ir até lá para ver o que tinha, mas confesso que me decepcionei.

Na hora do almoço aproveite para provar o autêntico schnitzel no lendário Figlmüller. O restaurante fica numa ruela e foi fundado em 1905. Uma dica, reserve uma mesa lá antes de ir. Nós demos muita sorte de termos conseguido sentar assim que chegamos, mas vimos filas e mais filas na porta do restaurante e muitas pessoas sendo dispensadas por não haver lugar. E vá com fome, os pratos são enormes!

Roteiro em Viena: Mozathaus
Mozarthaus

Dali, siga até a Haus der Musik, ou Casa da Música em português, e descubra um dos melhores museus sobre música do mundo. E ele é interativo, sendo ótimo tanto pra adultos quanto pra crianças. É possível observar e entender também a fabricação de instrumentos musicais e aprender um pouco sobre os grandes músicos que nasceram na Áustria.

Roteiro em Viena: Eu e a Ângela, do blog Apure Guria surtando no Prater
Eu e Ângela, do blog Apure Guria, surtando no Prater

Para finalizar, vá até o Prater, o parque de diversões mais antigo do mundo. Ele foi aberto em 1766 e sua icônica roda gigante é um dos símbolos de Viena. Ela aparece no filme Antes do Amanhecer (outra preciosa dica), na cena do beijo. Funciona desde 1897! Aproveite e aprecie a linda vista de toda a cidade ao pôr do sol do alto do brinquedo. Compre antecipado pelo Get Your Guide para não pegar filas, que dependendo do dia e da hora, são enormes!

Dica bônus como Opção para o Dia 4

Roteiro em Viena: Bate e volta em Bratislava
Bate e volta em Bratislava, a capital da Eslováquia

Num roteiro em Viena, fazer um bate e volta para Bratislava pode cair bem também, caso as atrações do Dia 4 listado acima não tenham te entusiasmado. Bratislava é a capital da Eslováquia e fica a somente 1 hora de distância de Viena. A cidade é uma graça e é possível conhecê-la superficialmente em 1 dia. Foi o que nós fizemos em nossa passagem por Viena. Aproveite a visita à Eslováquia para economizar, em Bratislava tudo é muito mais barato do que na Áustria!

Vida Cigana + Apure Guria em Viena

A Ângela do Apure Guria esteve com a gente em Viena, fazendo somente passeios gratuitos, e fez um vídeo super divertido por lá!

Salve este texto no Pinterest!

Tudo que você precisa saber para montar seu roteiro em Viena, a capital da Áustria, em 2, 3 ou 4 dias.
Todas as dicas das melhores atrações a serem incluídas em seu roteiro em Viena, em 2, 3 ou 4 dias.

ORGANIZE SUA VIAGEM!

HOSPEDAGEM
No Booking.com estão cadastradas as melhores opções de hotéis e albergues. Reserve com direito a cancelamento gratuito e viaje com mais tranquilidade.
AIRBNB
Já experimentou alugar um apartamento no Airbnb? Ganhe R$100 em créditos para usar em sua primeira reserva no site.
SEGURO VIAGEM
Com a Seguros Promo é possível comparar a cotação de diversas companhias, garantindo o melhor custo/benefício na contratação. Use o cupom VIDACIGANA5 e receba 5% de desconto em seu seguro viagem
ROAD TRIP
Alugue um veículo com a RentCars.com para sua viagem. Compare os preços de diferentes locadoras, pague em Reais, sem IOF e parcelado em até 12 vezes.

Sobre o Autor

Larissa

Larissa é nascida em Niterói/RJ, mas já estudou em Nova York e morou na Nova Zelândia por um ano antes de iniciar a volta ao mundo que terminou em 2016. Sonhando em viajar desde que se entende por gente, mantinha um caderno cheio de recortes de jornais e revistas sobre o Egito quando tinha 7 anos de idade. Hoje esse caderno é virtual e engloba vários destinos. Os “recortes” são produzidos por ela e pelo Carlos, semanalmente, no Vida Cigana.

1 Comentário

Clique aqui para deixar um comentário.

House Sitting

rbbv abbv

publicidade