Home » Emirados Árabes Unidos » O que fazer em Dubai: 18 melhores atrações
Emirados Árabes Unidos

O que fazer em Dubai: 18 melhores atrações

O que fazer em Dubai: O Burj Khalifa sendo visto da fonte do Dubai Mall no começo da noite.

Na hora de saber o que fazer em Dubai, tenha em mente que a mais conhecida cidade dos Emirados Árabes Unidos é incrível por muitos fatores, que vão desde os seus pontos turísticos mais conhecidos, até as lojas de luxo mais desejadas por turistas do mundo inteiro.

Se você quer ir a Dubai, prepare-se para gastar um pouquinho para ter uma experiência inesquecível, pois ela está longe de ser uma cidade barata.

Dubai é um dos lugares no mundo onde é possível fazer viagens interessantes independente de qual seja o seu objetivo. Você pode ir numa viagem romântica, com a família ou até mesmo sozinho, que ainda assim poderá ter boas experiências.

Neste texto você vai saber melhor sobre o que fazer em Dubai, os principais pontos turísticos de lá e atrações para o seu roteiro de viagem.

O que fazer em Dubai: as 18 melhores atrações

Onde ficar em Dubai: o The Walk, parte do Dubai Mall
O exterior do Dubai Mall

Para este artigo, selecionei os 18 melhores pontos de interesse para conhecer em Dubai.

Nesta lista, incluí alguns dos pontos turísticos mais famosos, mas também alguns achados importantes e que farão sua experiência em Dubai ser diferenciada da que a maioria das pessoas costuma ter.

Por aqui, você vai encontrar dicas sobre:

  1. Burj Khalifa
  2. Dubai Mall
  3. Souk Al Bahar
  4. Sky Views
  5. Dubai Marina
  6. Skydive Dubai
  7. Al Fahidi
  8. Dubai Frame
  9. Palm Jumeirah
  10. The View at the Palm
  11. La Mer Beach
  12. Burj Al Arab
  13. Museum of the Future
  14. Ain Dubai
  15. Dubai Desert Safari
  16. Dubai Miracle Garden
  17. Expo 2020
  18. Tour Abu Dhabi

Saiba mais: Onde ficar em Dubai, os 6 melhores bairros e hotéis.

1. Burj Khalifa

O Burj Khalifa visto da fonte onde tem o show de luzes no Dubai Mall, no final da tarde

Dubai é conhecida pelos seus magníficos arranha céus e não há como pensar na cidade sem falar do Burj Khalifa, que é o maior não só dos Emirados Árabes Unidos, como do mundo.

Com aproximadamente 828 metros de altura, distribuídos em 160 andares comerciais e residenciais, o Burj Khalifa é imponente por fora, mas não apenas pelo seu tamanho. O formato do prédio visto de cima segue o de uma flor chamada hymenocallis, sagrada para a cultura árabe.

Além do visual externo, o que já seria por si só um ótimo ponto turístico para fotos, o Burj Khalifa pode ser visitado, proporcionando também fotos internas e panorâmicas que darão ainda mais brilho às recordações de viagem.

Por lá, você encontrará 3 observatórios panorâmicos nos andares 124, 125 e 148, que são mirantes 360º, permitindo que os seus visitantes possam apreciar a beleza natural (o deserto) e a artificial da cidade (o oceano e os edifícios). Nos andares 154, 153 e 152 ainda fica o lounge mais alto do mundo.

Além disso, se você está um pouco mais disposto a gastar, o edifício sedia ainda o luxuoso Hotel Armani e restaurantes de luxo, ótimo para quem quer uma viagem mais romântica. Uma boa opção nesse sentido é o restaurante Atmosphere localizado no andar 122.

Recomendo comprar os ingressos para o Burj Khalifa antecipados online, pois saem bem mais baratos do que comprando na hora no balcão.

2. Dubai Mall

O interior do Dubai Mall, com suas cachoeiras artificiais

Se você tem um orçamento um pouco mais generoso e não sabe o que fazer em Dubai, ir às compras pode ser uma excelente opção.

O Dubai Mall é a principal opção nesse sentido – com mais de 1200 lojas e 120 restaurantes, é o maior shopping center do mundo. Lá é possível encontrar todas as lojas que você imaginar, como Louis Vuitton, Dolce & Gabbana e Chanel. Há ainda algumas lojas que são consideradas fast fashion e, para o nível de Dubai, mais populares como a Zara, H&M e Mango.

Por fim, para quem está com a família, o Dubai Mall também pode ser uma boa fonte de diversões para as crianças. Por lá, você pode encontrar atrações como um aquário, salas de jogos e pistas de patinação no gelo.

Confira mais sobre algumas das atrações do Dubai Mall:

Dubai Aquarium

Não gosto de aconselhar visitas à locais que se baseiam em turismo com animais, mas o Dubai Aquarium é uma das melhores opções para passeios em família. Este é um dos maiores aquários do mundo, com mais de 33 mil animais marinhos alocados em cerca de 10 milhões de litros de água. Dentre esses animais estão arraias, tubarões, e diferentes espécies de peixes.

Como se já não bastasse, ao fazer a sua visita pelo aquário, você também pode escolher fazer um “upgrade” em seu ingresso e fazer um mergulho em um dos tanques, alimentar os peixes, ou até mesmo fazer uma tour dentro do aquário em um submarino que possui o chão transparente.

Dubai Fountains

O show das águas em Dubai, do lado externo do Dubai Mall

Uma das mais belas imagens a se ver tanto de dia quanto à noite são as fontes de Dubai. O belo lago artificial que faz parte do exterior do shopping possui fontes e forma um maravilhoso espelho d’água ao seu redor.

Ao serem ligadas, as fontes formam uma espécie de cortina d’água, que possui um contraste perfeito seja com a luz do dia ou com a luz artificial noturna. Entretanto, as fontes de Dubai não estão ligadas em todos os horários do dia e, por isso, para visitá-las, o ideal é realizar um planejamento prévio. O ideal também é chegar bem antes e achar um canto bom para assistir, pois fica completamente cheio.

Durante o dia, o show das fontes acontecem às 13h30 e às 14h nas sextas feiras; nos outros dias da semana acontecem às 13h e depois às 13h30.

Já durante à noite, o espetáculo fica ainda mais bonito com o uso de luzes, a fonte fica ligada todos os dias entre 18 e 23h, com acionamentos de 30 em 30 minutos.

Se você quiser melhorar ainda mais a experiência, é possível fazer um passeio noturno de barco pela fonte. Nesse passeio, os barcos saem minutos antes da apresentação e tem como ponto de parada uma localização ideal para apreciar o show.

Dubai Mall Waterfalls

“O que o dinheiro não faz, ele manda fazer”, esse é um dos lemas que parece nortear a cidade de Dubai. Como mais uma amostra disso, há uma cachoeira artificial no meio do principal shopping da cidade.

Com 30 metros de largura e 20 de altura, a cachoeira está numa área comum localizada na parte interna do shopping.

Dubai Ice Rink – Pista de patinação

Você já pensou em ter uma experiência de patinação no gelo em pleno deserto? Pode parecer um bocado sem sentido, mas isso é possível quando se está no Dubai Mall. Os ingressos mais baratos para a patinação no Dubai Ice Rink custam por volta de 25 dólares e já incluem o equipamento.

Dubai Dino

No principal centro comercial de Dubai também é possível encontrar um local ótimo para crianças e amantes dos filmes da série “Jurassic Park”. No Dubai Dino, você pode ver um fóssil ded dinossauro real cuja idade é de aproximadamente 155 milhões de anos.

A visitação é gratuita.

3. Souk Al Bahar

O lado externo do Souk Al Bahar, com o logo do TimeOut Market na fachada

Um “souk” é um mercado central. Existem vários em Dubai.

O Souk Al Bahar está localizado na Downtown Dubai, uma das melhores regiões da cidade, próximo tanto ao Dubai Mall quanto ao Burj Khalifa. Por lá, você consegue encontrar bons restaurantes de gastronomia árabe e lojas com itens tradicionais da cultura local.

Cafés tradicionalmente arábicos também são uma boa pedida.

Você pode chegar a esse ponto saindo a pé do bairro de Downtown Dubai ou por meio da estação de metrô Burj Khalifa/Dubai Mall.

  • TimeOut Market: Dentro do Souk Al Mahar, você ainda pode encontrar o TimeOut Market, com mais de 17 bares e restaurantes de culinária dos mais variados tipos no terraço do mercado. Você pode experimentar boas opções de jantares árabes, hambúrgueres ou sobremesas com vista para o maior arranha-céu do mundo, o já citado Burj Khalifa.

4. Sky Views

A vista do Burj Khalifa direto do Sky Views
A vista do Sky Views

O Sky Views é um hotel de 5 estrelas localizado em 2 luxuosas torres que fornecem muito mais do que a experiência de acomodações luxuosas. De lá é possível ter as melhores vistas do Burj Khalifa e de Dubai.

  • Observatório Sky View: a cerca de 220 metros do chão, você caminhará por um piso de vidro e terá uma visão panorâmica dos principais arranha-céus da cidade, inclusive do Burj Khalifa;
  • Caminho pela borda: sabe aquela expressão “á beira do abismo”? Essa caminhada pode ser compreendida desta forma, com a exceção de que o abismo é o centro de Dubai a seus pés. Nesse passeio, o visitante caminha do lado de fora do edifício, sem nenhuma barreira entre eles, o horizonte árabe e o céu. Claro, essa caminhada é realizada utilizando todos os equipamentos de segurança necessários.
  • Sky Slide: um tubo transparente liga os andares 53 e 52 do edifício em sua parte externa. Por ele, o visitante desce do andar superior ao inferior “deslizando”. Haja adrenalina!
  • Ponte suspensa: uma ponte de vidro suspensa liga uma torre à outra, possui um deck de observação com uma bela vista para o Burj Khalifa e tem uma piscina de borda infinita para os hóspedes e um terraço ao ar livre.
  • CeLaVi: no 54º andar da torre 2 está localizado o restaurante CeLaVi. Bastante aclamado pelos clientes, o CeLaVi também conta com um bar a céu aberto e um salão de vidros para eventos. Além disso, há um balanço perfeito para fotos com o Burj Khalifa ao fundo.

5. Dubai Marina

Dubai Marina à noite, com barcos passeando na marina
Foto de Iwona Castiello pelo Unsplash

O Dubai Marina é um bairro localizado à beira da marina artificial de Dubai, a maior do mundo.

É a região mais cara da cidade, com vários hotéis e restaurantes e cafés renomados. Também é a área mais voltada a estrangeiros, com cadeia de restaurantes americanas.

Ali também se encontram murais de vários artistas famosos, como o brasileiro Kobra.

É na marina que iniciam-se os passeios de iate para conhecer a orla de Dubai ou até mesmo navegar pelo Golfo Pérsico. Assim, você pode optar por passeios rápidos pela própria baía de Dubai ou então buscar a opção de cruzeiros que promovem jantares noturnos.

A praia mais famosa de Dubai fica ali e se chama JBR Beach, mas ela possui um problema: caso você não esteja em um dos hotéis a beira mar, terá que se espremer nos cantos minúsculos reservados a meros mortais.

6. Skydive Dubai

A vista do Hotel Atlantis, em Palm Jumeirah, do helicóptero
Foto de Christoph Schulz pelo Unsplash

Uma outra boa opção se você não sabe o que fazer em Dubai e quer ter uma experiência diferenciada é sentir um friozinho barriga ao estar nos céus da cidade. Acredito que não haja lugar melhor no mundo do que este para realizar esta experiência, pois Dubai é uma cidade muito mais atraente vista dos céus.

O paraquedismo é uma prática que vem ganhando bastante espaço entre os turistas da cidade e não é para menos, você pode escolher de onde saltar, se quer fazê-lo por cima do deserto ou da ilha artificial Palm Jumeirah.

O Skydive está localizado na região de Dubai Marina.

7. Al Fahidi

Uma casa emirate no bairro de Al Fahidi

Com tanta tecnologia e arranha-céus, pode ser que você fique um pouco farto de tanta agitação do centro de Dubai e sua orla. Por isso, uma boa forma de fugir da modernidade e conhecer um pouco mais sobre a história inicial e cultura da cidade, uma opção é conhecer o pequeno distrito de Al Fahidi, onde a cidade de Dubai nasceu.

Localizado em Bur Dubai, as construções do bairro são majoritariamente em teca, pedra, sândalo e gesso, materiais comuns no século XIX, época em que o bairro foi construído.

Nele, está localizado o Museu de Dubai, localizado dentro do Forte de Dubai a fim de defender a cidade de piratas que sitiavam sua costa. Além disso, por lá está situada a maravilhosa Mesquita Al Farooq.

Nós fizemos uma visita guiada pelo bairro junto com um guia local, e simplesmente amamos. Além de conhecer a história do povo, soubemos sobre detalhes como vestimenta, arquitetura, e ainda provamos quitutes locais.

Além disso tudo, é em El Fahidi que ficam os melhores mercados para levar coisas para casa.

Mercados Populares (Souks)

O guia turístico explicando sobre diferentes temperos no Mercado de Especiarias (Spice Souk)

Se você quer conhecer mais sobre a cultura de um povo, nada melhor do que conhecer seus mercados populares, que em países árabes se chamam souk.  

  • Gold Souk: o gold souk é um mercado popular no qual o que está em venda é justamente ouro e outros metais preciosos. E põe ouro nisso. Nele são vendidos ouros de 18 e 24 quilates. Caso você queira obter algum item, certifique-se de compra-lo em lojas credenciadas e lembre-se, o ouro aqui é vendido por peso, e não por peça.
  • Spice Souk: os árabes são conhecidos por seus temperos maravilhosos. Aqui, é possível adquirir diversas especiarias árabes que irão de ajudar a relembrar suas maravilhosas férias ao fazer um almoço de domingo em sua casa.

Os preços nos souk são sempre negociáveis e os mercantes estão sempre dispostos a te ajudar em uma pechincha. Negocie à vontade, pois nenhum preço original é o justo.

Travessia de barco Al Fahidi – Deira

Os barquinhos típicos de Dubai, em Dubai Creek

A cidade teve início à beira do Creek, um canal portuário. À sua margem sul está o Al Fahidi, enquanto sua porção norte está o bairro de Deira.

Apesar de haverem pontes que ligam as duas regiões, você pode pegar o caminho turístico, a travessia por pequenos barcos típicos, os Abras. Os navegadores dos abras não são difíceis de encontrar, eles ficam espalhados pela margem do canal para levar turistas e moradores de um lado para o outro.

Contratar o serviço também não é nada difícil, basta pagar cerca de 2 dirham (cerca de 3 reais) e sentar onde quer que você encontre lugar.

O passeio é muito indicado por quem o faz e, apesar de ser bem simples considerando o luxo emirate, você terá uma incrível experiência vendo de fora toda a movimentação portuária da cidade.

8. Dubai Frame

Dubai Frame vista de baixo para cima

A Dubai Frame é um observatório de 150 metros de altura e está localizada no parque Zabeel, em um ponto estratégico da cidade. Seu topo possui uma visão de 360º de Dubai que te permite observar tanto a parte antiga da cidade, quanto a parte moderna.

Sua coloração dá a impressão de que essa moldura é feita de ouro, embora saibamos que não é o caso. O “porta-retrato” é apenas um observatório, onde você compra um ingresso e pode ver uma pequena exposição sobre a construção do edifício.

Depois, basta entrar num elevador e subir por cerca de 150 metros, onde poderá aproveitar a paisagem e tirar muitas fotos. Inclusive, esse é um ponto que pode proporcionar algumas boas imagens da sua viagem caso você não tenha medo de altura, pois conta com um piso envidraçado, como vários mirantes ao redor do mundo tem feito.

9. Palm Jumeirah

A palmeira vista de um helicóptero
Foto de Eslam Tawakol pelo Unsplash

A Palm Jumeirah é composta por várias ilhas artificiais no Golfo Pérsico que vista de cima forma uma palmeira. Sua exuberância faz com que a ilha esteja entre os principais cartões postais da cidade.

Repleta de luxo, Palm Jumeirah contém shoppings, hotéis à beira mar, edifícios, condomínios suntuosos e praias privadas.

Nela, está localizado o complexo Atlantis Dubai, um resort que contém mais de 20 restaurantes, 1500 suítes, spa, academia, praias abertas ao público, um centro de mergulhos (que inclui mergulho com golfinhos), o aquário Lost Chambers e o famoso parque aquático Aquadventure.

  • Parque Aquático Aquadventure: Como falamos, o Aquadventure faz parte do Resort Atlantis e contém atrações aquáticas para toda a família. Lá, há uma praia artificial segura para descanso e lazer em família, além dos inúmeros brinquedos para se esbaldar. Um dos tobogãs está instalado em uma pirâmide de três níveis, que requer um pouco mais de coragem para encarar. Dentro da pirâmide há um aquário repleto de animais marinhos, incluindo tubarões.

10. The View at the Palm

O que fazer em Dubai: a Palm Jumeirah vista do alto do The View at the Palm

Ainda falando sobre a Ilha Jumeirah, já explicamos que de cima ela contém o formato de uma palmeira. Ou seja, com um tronco e pequenas ilhas que formam as folhas.

Claro que em um local tão belo, repleto de vistas exuberantes também teria um observatório dedicado aos turistas. Assim, o The View at The Palm é um mirante localizado numa torre no Nakheel Mall.

Localizado no nível 52 da torre, a 240 metros do chão, a vista de 360 graus permite ao observador um olhar gracioso de Palm Jumeirah. É a melhor forma de ver a ilha sem fazer skydiving ou voando em helicóptero.

11. La Mer Beach

A Praia de La Mer no Golfo Pérsico, com águas cristalinas

A praia de La Mer é a minha favorita de Dubai. Tem acesso mais fácil e tudo o que você precisa num dia de praia existe ali, como restaurantes, bares, banheiros com ducha, murais de arte urbana e até parque aquático, o Laguna WaterPark.

Além da praia no Golfo Pérsico é linda e tranquila. Ali também fica um shopping a céu aberto que conta até com um cinema. As lojas e restaurantes têm opções para pessoas de todos os gostos e bolsos.

A La Mer como um todo é excelente, cuja experiência pode se assemelhar com a de ir a algumas praias europeias, claro que com algumas diferenças culturais importantes. Um exemplo disso é a proibição de roupas de banho fora das praias, e também não é permitido tirar fotos dos ambientes ali.

12. Burj Al Arab

O Hotel Burj Al Arab visto do helicóptero, em formato de vela de barco
Foto de Roman Logov pelo Unsplash

O Burj Al Arab é outro edifício-símbolo não só da cidade, mas também dos Emirados Árabes Unidos.

Se você já viu uma foto com um prédio em formato de vela com um oceano ao fundo, você certamente sabe do que eu estou falando.

Este edifício é um hotel, cujas estadias custam alguns milhares de reais por diária. No entanto, o acesso ao Burj Al Arab não se restringe apenas aos hóspedes, mas também a visitantes, que podem fazer reservas em restaurantes e bares, também caríssimos, lá dentro.

E se você não pretende realizar nenhuma refeição por ali, não há problema. Você pode vislumbrar o hotel enquanto estiver passeando pela Sunset Beach e aproveitar para registrar essa maravilha arquitetônica na memória e pelas lentes de fotografia.

13. Museum of the Future

O Museu do Futuro na parte externa, repleto de caligrafia árabe, todo prateado

Inaugurado em Fevereiro de 2022, o Museu do Futuro de Dubai é uma das mais recentes aquisições turísticas da cidade. A construção chama a atenção pelo seu formato um tanto quanto exótico, mas que também já embute explicações.

Um prédio com o exterior repleto de caligrafia árabe feita em metal, por cima de uma colina verde e com um buraco no centro. A escrita árabe na fachada são citações do Sheik Mohammed, primeiro-ministro do país sobre 3 itens fundamentais na construção de um mundo mais forte, bem como seus países e cidades: futuro, capacidade de imaginação e inovação.

O Museu do Futuro de Dubai é composto por 7 andares e conta com diferentes exposições que explicam e demonstram alguns dos setores mais importantes para o presente e para o futuro de forma bem interativa.

Nesse sentido, é importante dizer que o Museum of The Future se destaca pela presença de ideias, serviços e produtos que realmente sejam inovadores e tragam novas experiências e reflexões para os visitantes.

14. Ain Dubai

A roda gifante Ain Dubai vista de uma praia em Dubai Marina

Dubai não fica de brincadeira quando pretende construir uma nova atração ou ponto turístico. Assim como o maior arranha-céu fica em Dubai, a maior roda gigante também!

A roda gigante Ain Dubai está localizada na ilha de Bluewaters não é uma roda gigante qualquer. Afinal, a mesma contém 48 cabines que oferecem diferentes experiências a seus turistas, como:

  • Cabines de observação: aqui é possível vislumbrar o belo horizonte emirate.
  • Cabines sociais: além da paisagem de tirar o fôlego, também possui um bar com bebidas inclusas pra quem opta por esse pacote.
  • Cabines VIP: essas cabines são capazes de materializar a opulência de Dubai em um único ponto. São reservadas para eventos privados, e seu preço varia de acordo com a imaginação (e bolso) do cliente.  

15. Dubai Desert Safari

Dubai cresceu no meio do deserto e ainda preserva grande parte dele no seu território. Então, se você está no meio do deserto, por que não fazer um safári?

O deserto de Dubai é um espetáculo por si só, com paisagens e experiências que vão fazer a sua viagem à cidade ainda mais completa. Os roteiros variam bastante, tendo opções para quem tem dinheiro para gastar, mas também para quem está com o orçamento um pouco apertado.

Tem o passeio com pôr do sol por meio das dunas, e também os em que é possível dormir no deserto em grande estilo, entre outros. Podem ser feito com veículos 4×4 ou em camelos.

Parte dos roteiros incluem comodidades como jantar e danças típicas.

16. Dubai Miracle Garden

O Dubai Miracle Garden, repleto de flores de todas as cores

O Dubai Miracle Garden é um maravilhoso jardim que entrou para o livro dos recordes em 2016 como maior jardim de flores naturais do mundo.  

O jardim é repleto de esculturas e desenhos florais em diversos formatos: o Airbus Emirates A380 (que é um avião da Emirates repleto de flores), um urso de pelúcia gigante, uma moça flutuante, um castelo, um parque no lago e até mesmo uma vila smurf.

Para os fotógrafos de plantão, adjacente ao A380 tem um lindíssimo túnel de flores em formato de coração. Nele, os contrastes das flores dão toques especiais a cada foto tirada ao longo do corredor.

As atividades de entretenimento são familiares e variam em cada temporada. Além disso, o jardim possui restaurante, cafeteria e quiosques.

17. Expo 2020

Uma das instalações da Expo 2020, que aconteceu em Dubai no ano de 2021/2022

A Expo 2020 foi a primeira exposição universal sediada no Oriente Médio, mais precisamente em Dubai. A exposição ocorreria inicialmente no ano de 2020 mas, devido à pandemia causada pela COVID 2019, ela foi adiada até o ano seguinte. Considerada uma das maiores exposições da história, sua abertura foi em 1 de outubro de 2021 e só teve fim no dia 31 de março de 2022.

O evento ocorreu entre as cidades de Dubai e a capital Abu Dhabi e sua infraestrutura foi montada com material sustentável distribuídos ao longo de 3,8 km².

A exposição foi dividida pelos subtemas da feira: mobilidade, oportunidade e sustentabilidade.

Ao fim da expo, a infraestrutura incrível não foi perdida. No local, será produzido um novo projeto de 3 milhões de km². Por lá estará sediado o chamado “Distrito 20”, um conjunto com um novo espaço urbanístico da cidade, onde haverá parte da estrutura usada para fins residenciais e outra para fins comerciais.

18. Tour Abu Dhabi

A Mesquita Sheik Zayed, toda branca com colnas douradas, muito linda
Foto de Junhan Foong pelo Unsplash

Abu Dhabi é a capital dos Emirados Árabes Unidos e a cidade mais rica do país. Fica a um pouco mais de 1 hora de distância de Dubai e muitas pessoas incluem um bate e volta, o que vale muito a pena.

Abu Dhabi conta com a lindíssima Mesquita Sheik Zayed, que vale a visita por toda a sua beleza. Na capital fica também a única filial do Museu do Louvre fora de Paris.

Outra atração da cidade é a Ferrari World Abu Dhabi, um parque de diversões da famosa escuderia de Formula 1, a Ferrari.

Se em Dubai você já vê ostentação, em Abu Dhabi ela é ainda maior.

Tem alguma dúvida? Veja mais dicas no Instagram @vidaciganablog

ORGANIZE SUA VIAGEM!

HOSPEDAGEM

No Booking.com estão cadastradas as melhores opções de hotéis e albergues. Reserve com direito a cancelamento gratuito e viaje com mais tranquilidade.

SEGURO VIAGEM

Use nosso Comparador de Seguro Viagem. Com nossa parceria com a Seguros Promo, vamos te ajudar a encontrar os melhores planos de seguro para o seu destino. Use o cupom VIDACIGANA5 e receba 5% de desconto na hora do check out.

CARTÃO DE DÉBITO INTERNACIONAL

Abra uma conta online na Wise e peça o seu cartão de débito para economizar em suas viagens internacionais.

ROAD TRIP

Alugue um veículo com a RentCars.com para sua viagem. Compare os preços de diferentes locadoras, pague em Reais, sem IOF e parcelado em até 12 vezes.

Sobre o Autor

Larissa Pereira

Larissa é nascida em Niterói/RJ, mas já estudou em Nova York e morou na Nova Zelândia por um ano antes de iniciar a volta ao mundo que terminou em 2016. Sonhando em viajar desde que se entende por gente, mantinha um caderno cheio de recortes de jornais e revistas sobre o Egito quando tinha 7 anos de idade. Hoje esse caderno é virtual e engloba vários destinos. Os “recortes” são produzidos por ela e pelo Carlos, semanalmente, no Vida Cigana.

Deixe seu comentário

Todos os comentários serão moderados previamente conforme as políticas do blog. Serão publicados e respondidos apenas após aprovação.

Clique aqui para deixar um comentário.

House Sitting

vida cigana blog youtube house sitting

vida cigana blog youtube house sitting
cartão wise
abbv