facebook pixel
Home » Brasil » Rio de Janeiro » O que fazer em Copacabana: 14 lugares para conhecer no bairro
Rio de Janeiro

O que fazer em Copacabana: 14 lugares para conhecer no bairro

O que fazer em Copacabana: um homem andando de bicicleta no calçadão da praia, perto de um posto e cheio de coqueiros durante o pôr do sol

Você está de malas prontas para uma viagem ao Rio de Janeiro e não sabe o que fazer em Copacabana? Ou mora no Rio e quer fazer passeios fora do comum pela região?

Por ser um dos bairros com mais pontos turísticos da cidade, não faltam atrações em Copacabana.

14 lugares para visitar em Copacabana

Foto de William Santos pelo Unsplash

Copacabana é parada obrigatória na hora de montar um roteiro de viagem pelo Rio de Janeiro. E nem só de praia vive o bairro carioca, ele vai muito além disso.

Copacabana está ao lado de outros bairros famosos como Ipanema, Botafogo e Leme. Trata-se do bairro mais populoso da Zona Sul do Rio de Janeiro. A sensação em Copacabana é que o tempo não pára.

A região destaca-se pela boa estrutura de hotéis, restaurantes e transporte público, e ainda pelo alto número de pontos turísticos.

Além disso, Copacabana é um bairro muito acolhedor para todos os tipos de viajantes. Existem ali desde hotéis de luxo até hostels LGBTQIA+ friendly, permitindo boas estadias a todos.

Aproveitem nossa lista de dicas abaixo e se apaixone por Copacabana:

  1. Praia de Copacabana (e Leme)
  2. Forte de Copacabana
  3. Parque Estadual da Chacrinha
  4. Bares
  5. Cafés
  6. Teatros
  7. Beco das Garrafas
  8. Estátuas de Celebridades
  9. Feira Noturna de Copacabana
  10. Mirante do Leme (Forte Duque de Caxias)
  11. Quiosques da Praia
  12. Rooftops
  13. Visitar o Bairro Peixoto
  14. Copacabana Palace

1. Praia de Copacabana (e Leme)

A Praia de Copacabana vista de algum apartamento, cheia de banhistas
Foto de Eelco Böhtlingk pelo Unsplash

A Praia de Copacabana não é incrível só por sua beleza ou pelo seu calçadão ondulado feito de pedras português.

A orla de Copacabana também é ótima para praticar esportes e atividades de lazer.

Aos domingos, a pista em frente a Praia de Copacabana fecha para os carros e fazer uma caminhada pelo calçadão ou andar de bike pela ciclovia a beira mar é uma experiência incrível.

Sem falar da oportunidade de pegar um sol na areia mais famosa do Brasil, que se estende até o Leme, indo do Posto 1 ao Posto 6.

2. Forte de Copacabana

O forte de Copacabana visto do alto, bem de frente
Foto de Chensiyuan

Outra parada obrigatória em Copacabana é o Forte de Copacabana, uma edificação militar construída entre os anos de 1908 e 1914 e que abriga hoje o Museu Histórico do Exército, um dos principais do Rio de Janeiro.

Tour pelo forte

Quem visita o Forte de Copacabana conhece uma das melhores vistas da Praia de Copacabana.

Se você for para lá durante o pôr do sol, as coisas melhoram ainda mais. Apesar de ser uma edificação construída com objetivos militares, nos dias de hoje a sua utilização é também turística.

Por lá existe o Museu Histórico do Exército.

O museu conta com uma exposição permanente capaz de fazer você viajar no tempo e entender melhor como se deu a história do Brasil, desde o império até os dias atuais. Com mais de 15 mil peças, o museu conta com armamentos militares e uniformes.

Comer na Confeitaria Colombo

A tradicional Confeitaria Colombo está no Forte de Copacabana com uma unidade.

A Confeitaria Colombo original fica no Centro do Rio e é lindíssima, mas não tem a vista que esta de Copacabana tem.

Para quem gosta de bolos e doces e se permite sair da dieta por uma boa causa, este lugar deve fazer parte do seu roteiro de viagem sem sombra de dúvidas.

Comer no Café 18 do Forte

O Café 18 do Forte também trará uma ótima experiência caso você prefira outro tipo de alimentação.

Uma casa com excelente serviço de cozinha brasileira, o Café 18 também oferece opções de drinks, almoço, brunch e opções vegetarianas.

O Café 18 do Forte, assim como a Colombo, permitá à você ter uma das melhores vistas para o mar de Copacabana, uma das mais belas da cidade do Rio de Janeiro.

3. Parque Estadual da Chacrinha

Pessoas passeando por entre as árvores do Parque Estadual da Chacrinha

O Parque Estadual da Chacrinha está entre os passeios favoritos das crianças e idosos.

Se você está em busca de turismo ecológico no Rio de Janeiro, o Parque Estadual da Chacrinha é um dos melhores atrativos na região de Copacabana.

Como o parque está em uma área de preservação ambiental, é um dos lugares da Zona Sul do Rio de Janeiro onde o ecossistema está mais intacto, possibilitando conhecer uma beleza incrível e respirar ar puro.

4. Bares

Com bares e botecos premiados espalhados por todo o bairro, Copacabana é um ótimo point boêmio da cidade do Rio de Janeiro.

No bairro é possível ter um ótimo happy hour ou aproveitar da vida noturna com bons petiscos e cerveja gelada.

Entre as opções mais recomendadas, temos:

Pavão Azul

O Pavão Azul é um bar tradicional que oferece pratos excelentes e típicos da gastronomia luso-brasileira.

Uma boa pedida é experimentar as pataniscas (uma espécie de bolinho de bacalhau) e usar o bar como ponto de encontro com amigos. Por lá você encontra cerveja gelada, ambiente aconchegante e uma mostra da vida carioca. Fica na esquina da Rua Barata Ribeiro com a Rua Hilário de Gouvêia.

Adega Pérola

O Adega Pérola é um bar com tradição em petiscos em Copacabana.

Fica na rua Siqueira Campos, 138, e é um dos melhores bares da cidade.

Trata-se de uma boa opção para quem procura por vinhos e cervejas de garrafa no Rio de Janeiro. Além disso, o lugar também conta com cozinha luso-brasileira especializada em frutos do mar.

Os Imortais

Os Imortais é outro boteco clássico da vida boêmia do Rio de Janeiro que não decepciona ao servir cerveja gelada e bons petiscos.

Destaque para os chopps, cervejas importadas e para os bolinhos de carne seca.

Fica na Rua Ronald de Carvalho, próximo ao posto 2.

Boteco Belmonte

O Boteco Belmonte é outro bar tradicional no bairro de Copacabana, muito bem avaliado por seu atendimento e por boa comida brasileira.

O Boteco Belmonte é a escolha de muitas pessoas que estão atrás de uma boa feijoada e carnes diversas no Rio de Janeiro.

Além disso, lá o clima é super descontraído e o boteco funciona das 11h à 01 da manhã. Perfeito para quem fala em happy hour, mas acaba virando a noite!

Fica na Rua Domingos Ferreira, 242.

Bar do Adão

O Bar do Adão tem diversas filiais no Rio de Janeiro, mas estabeleceu sua rede na Rua Duvivier, na altura do posto 2 de Copacabana.

Entre os principais destaques do cardápio do Bar do Adão estão os pasteis de carne seca e de camarão, muito elogiados pela maior parte dos clientes que passam por lá.

Aproveite para se deliciar também com cerveja gelada e aproveite para ter uma boa conversa com os amigos.

5. Cafés

Uma das melhores coisas na hora de saber o que fazer em Copacabana é ir tomar café em uma de suas gostosas padarias, como esta
Foto de Roman Kraft pelo Unsplash

Na hora de saber o que fazer em Copacabana, tenha em mente que a região também é muito conhecida pelos seus cafés.

Desde padarias no estilo tradicional a brunchs e cafés da tarde de requinte, Copacabana tem opções para todas as pessoas.

Pérgula (Copacabana Palace)

O Pérgula é um dos principais pontos de encontro em Copacabana. O restaurante está localizado no interior do esplendoroso Copacabana Palace.

O Pérgola fica em frente à famosa piscina do hotel, onde tantos famosos já tomaram sol.

O brunch do restaurante é um de seus pontos fortes.

Ele conta com buffet de frutos do mar, cavaquinha grelhada, badejo, vieiras, salmão, ostras frescas e mais. Além de risotos, uma deliciosa torta de damasco com brie e saladas.

The Bakers

O The Bakers é pra quem aprecia uma boa sobremesa.

Costuma-se dizer pelo Rio de Janeiro que lá se encontra a melhor tartellete de morango.

Há outras ótimas opções de doces na casa. O éclair de chocolate, por exemplo, é de dar água na boca, sem falar do cheesecake impecável que eles possuem.

Ele fica aberto durante o café da manhã, brunch e almoço e é localizado na Rua Santa Clara, 86.

Pão & Companhia

O Pão & Companhia é outro belo café/padaria em Copacabana. O local oferece café da manhã, brunch e almoço.

Além do delicioso pão francês, a casa conta com um dos melhores biscoitos de polvilho do Rio de Janeiro. Além disso, possui quiches e bolos muito saborosos.

Fica na Rua Raimundo Correia, 9.

Cafeína

Cafeína tem uma variedade de bolos e tortas da casa imbatível. Dizem, no Rio de Janeiro, que o gâmbio de banana de lá é sensacional.

Ponto também para os cafés; o expresso com chantilly, aliás, é um de seus carros-chefes.

O estabelecimento está na Rua Constante Ramos, 44 e oferece café da manhã e brunch.

6. Teatros

Os teatros estão sempre na lista de quem quer saber o que fazer em Copacabana.

A região é conhecida pelos seus vários teatros. Eles vão desde os históricos, como o Princesa Isabel, que jogou ao mundo vários famosos que eram até então desconhecidos, aos mais pomposos, como o Theatro NET Rio.

Sempre bom ficar de olho na programação.

Sala Municipal Baden Powell

A Sala Municipal Baden Powell é localizada no antigo Cine Ricamar.

Foi projetada para ser um espaço exclusivamente musical. Conta com uma programação diversa e bons shows a preços populares.

Teatro Glaucio Gill

O Teatro Glaucio Gill é bem versátil. O local possui um núcleo de experimentação para atores e companhias em início de carreira.

Com capacidade para 150 lugares, o Teatro Glaucio Gill recebe espetáculos e atrações diversas em Copacabana.

Teatro Princesa Isabel

O Teatro Princesa Isabel é palco de shows e peças teatrais desde sua abertura em 1961.

Bem pequenino, mas com estilo colonial e palco italiano, trata-se de um símbolo da resistência à especulação imobiliária na região.

SESC Copacabana

O SESC Copacabana é outro importante espaço cultural de Copacabana e da cidade, sendo palco de múltiplas apresentações.

No formato teatro de arena, junto a ele está uma galeria de arte, o que faz dele um dos principais teatros da Zona Sul carioca.

Theatro NET Rio

O Theatro NET Rio conta com duas salas e pode receber até 700 pessoas na maior delas.

Com o objetivo de ser o “palco de todas as artes”, o teatro já recebeu importantes músicos, atores e exposições de várias nacionalidades em seus quase 50 anos de história.

7. Beco das Garrafas

O Beco das Garrafas é literalmente um beco na Rua Duvivier.

Ali é onde vários artistas se apresentam e já foi ponto de encontro de grandes nomes como Elis Regina (cuja primeira apresentação foi ali), Sérgio Mendes e Wilson Simonal.

Tendo a bossa nova como seu gênero mais tradicional, o recinto é um dos símbolos da cultura pop carioca. Quem busca a cultura efervescente deve visitar esse lugar para conhecer as suas atrações.

8. Estátuas Importantes na orla da praia

A estátua de Carlos Drummond de Andrade sentada perto do Posto 6 de Copacabana
Foto de Edmund Gall

Ao longo da orla da Praia de Copacabana, há várias estátuas de personalidades famosas no calçadão, entre elas:

Carlos Drummond de Andrade

A estátua de Carlos Drummond de Andrade é a mais famosa de Copacabana.

O imortal escritor mineiro está sentado em um banco na Avenida Atlântica próximo ao Posto 6.

Muitos turistas que visitam a cidade aproveitam para pegar uma brisa marítima e tirar fotos com este ícone da poesia brasileira.

Dorival Caymmi

Cantor dos mares, Dorival Caymmi tem uma estátua também na Avenida Atlântica, próxima do Forte de Copacabana.

Nela, o artista baiano segura um case com o violão, que sempre o acompanhou.

Clarice Lispector

A escritora Clarice Lispector está sentada, junto a seu cachorro Ulisses na entrada da Mureta do Leme, no Caminho dos Pescadores Ted Boy Marino.

A localização do monumento é bem simbólico, já que a poetisa morava bem ali perto.

Siqueira Campos (Monumento aos 18 do Forte)

Além disso, há ainda uma estátua erguida de Siqueira Campos, um político brasileiro que participou do Levante dos 18 do Forte, cuja motivação era mostrar a insatisfação pela política do café com leite.

Siqueira Campos foi alvejado na frente da antiga Rua Barroso, que mudou seu nome para Rua Siqueira Campos anos depois.

9. Feira Noturna de Copacabana

A Feira Noturna de Copacabana funciona desde 1980 e reúne mais de uma centena de barraquinhas. Lá, os moradores e turistas encontram pinturas, esculturas, roupas e acessórios, assim como objetos de decoração e artesanato em geral.

Para os turistas que estão a procura de lembrancinhas para levar para casa, a feira da praia precisa entrar na sua lista do que fazer em Copacabana.

Ela está no calçadão do meio da pista da Avenida Atlântica, entre as ruas Miguel Lemos e Almirante Gonçalves, mais precisamente entre os postos 4 e 5.

10. Mirante do Leme (Forte Duque de Caxias)

Foto de Rodrigo Soldon

O Mirante do Leme fica no topo do Morro do Leme, e oferece uma ampla vista das Praias do Leme e Copacabana aos visitantes.

A visão lá de cima é muito bonita, principalmente no pôr do sol.

Ótimo ponto de encontro para casais e famílias. Aproveite para tirar uma foto e tomar uma água de coco gelada enquanto aproveita a paisagem a sua frente.

11. Quiosques da Praia

Um casal escolhendo o que comer em frente ao quiosque da Nestlé
Foto de Eduardo Pazos

Há excelentes quiosques a beira mar, facilitando e muito a vida de quem quer pegar uma prainha e depois aproveitar a vida noturna do Rio.

Ótimas opções para beliscar uma comidinha gostosa e uma bebida gelada, seja cerveja ou água de coco.

Os quiosques são numerados partindo do Forte do Leme (Posto 1) até o Forte de Copacabana (Posto 6).

12. Rooftops

Divulgação

Os rooftops são boas escolhas para quem quer admirar Copacabana do alto e curtir a vida noturna da cidade. Há duas opções principais, com serviços de lanches e restaurantes ótimos para amigos e casais.

Moon Lounge

O Moon Lounge, é um rooftop dentro do hotel JW Marriot.

Oferece uma linda vista para a orla das praias de Copacabana e Leme. No local, os visitantes encontram tapas de dar água na boca e uma equipe muito atenciosa no atendimento.

Deck Bar

Já o Deck Lounge Bar é o rooftop do hotel Pestana Rio Atlântica.

É um point boêmio bem sofisticado na capital do Rio de Janeiro. Com uma excelente vista da orla de Copacabana, ótimos drinks e apresentação de DJs, sem sombra de dúvidas, vale a visita dos turistas.

13. Visitar o Bairro Peixoto

O Bairro Peixoto é um achado em Copacabana. Tão diferente de Copa que nem parece Copa.

Composto por apenas cinco ruas e prédios com no máximo 15 metros de altura, o lugar ainda possui uma linda praça ao centro, a Edmundo Bittencourt.

O Bairro Peixoto é um pequeno bairro dentro de outro. Perfeito para uma caminhada no fim da tarde, já que conta com um ar de tranquilidade.

Seu nome vem do antigo proprietário dos terrenos que o compõem, o comerciante português Comendador Paulo Felisberto Peixoto da Fonseca.

Dentre as dicas da região, contamos com 2 feirinhas:

Feira de artes e Artesanato do Bairro Peixoto

A Feira de Artes e Artesanato do Bairro Peixoto possui um diferencial das outras feiras: todo o dinheiro arrecadado é revertido para aulas e atividades para a sua própria população.

A praça, por exemplo, vai se transformar em um ambiente ecológico graças às vendas. Além disso, há o projeto de revitalizar os canteiros e implantar lixeiras recicláveis no bairro.

Feira Livre do Bairro Peixoto

A Feira Livre do Bairro Peixoto trata-se de uma feira orgânica que acontece sempre aos sábados, das 8h às 13h.

Lá, os visitantes encontram uma grande variedade de frutas, legumes e folhagens produzidos na Região Serrana do Rio de Janeiro.

Onde ficar em Copacabana

Foto de Nad Hemnani pelo Unsplash

Os melhores hotéis de Copacabana normalmente estão localizados na Av. Atlântica, bem na Orla. Mas há outras boas opções pelo bairro.

Se hospedar em Copacabana vai adiantar bastante a sua viagem, já que é uma região muito bem localizada, com vários atrativos e cercada de transporte público.

Nas nossas dicas de hotéis, temos:

  • O Windsor Palace Hotel: um hotel quatro estrelas que fica bem próximo da praia. Ele possui um terraço, na cobertura, com piscina e vista para o mar, que é possível ver de alguns quartos.
  • O Mirasol Copacabana Hotel: um hotel quatro estrelas próximo à praia e com vista para o Cristo Redentor. Conta ainda com uma piscina na cobertura com vista para o mar, quartos com decoração contemporânea e banheira de hidromassagem.
  • Ritz Copacabana Boutique Hotel: um hotel quatro estrelas, ele está a menos de meio quilômetro da praia, conta com piscina ao ar livre e vista da cidade. Conta ainda com serviço de aluguel de bicicletas e carros à disposição.
  • O Copacabana Palace: com descrição exclusiva para ele abaixo.

14. Belmond Copacabana Palace

É impossível não falar em Copacabana sem citar o Copacabana Palace, um dos principais símbolos do Rio de Janeiro e um dos melhores hotéis do mundo.

Um hotel que recebe ricos e famosos há mais de 100 anos, o hotel impressiona por suas acomodações de luxo e imponência, tanto por fora quanto por dentro.

Entretanto, não são só os hóspedes que podem desfrutar de momentos no Copacabana Palace.

O preço é salgado (por volta de 850 reais por casal), mas é possível obter uma experiência de day use de até 8h no hotel, aproveitando de suas instalações para relaxar. Se você pode, aproveite!

Salve estas dicas de Copacabana no Pinterest!

As melhores dicas na hora de querer saber o que fazer em Copacabana. São 14 atrações no bairro mais famoso do Rio, dentre pontos mais turísticos e os mais alternativos.
O que fazer em Copacabana? Em nossas 14 dicas estão as mais óbvias, como a Praia e o Forte de Copacabana, muitas dicas de bares e cafés, e outros lugares menos conhecidos, como o Bairro Peixoto.
 
Tem alguma dúvida? Veja mais dicas no Instagram @vidaciganablog

ORGANIZE SUA VIAGEM!

HOSPEDAGEM

No Booking.com estão cadastradas as melhores opções de hotéis e albergues. Reserve com direito a cancelamento gratuito e viaje com mais tranquilidade.

SEGURO VIAGEM

Use nosso Comparador de Seguro Viagem. Com nossa parceria com a Seguros Promo, vamos te ajudar a encontrar os melhores planos de seguro para o seu destino. Use o cupom VIDACIGANA5 e receba 5% de desconto na hora do check out.

ROAD TRIP

Alugue um veículo com a RentCars.com para sua viagem. Compare os preços de diferentes locadoras, pague em Reais, sem IOF e parcelado em até 12 vezes.

Sobre o Autor

Larissa

Larissa é nascida em Niterói/RJ, mas já estudou em Nova York e morou na Nova Zelândia por um ano antes de iniciar a volta ao mundo que terminou em 2016. Sonhando em viajar desde que se entende por gente, mantinha um caderno cheio de recortes de jornais e revistas sobre o Egito quando tinha 7 anos de idade. Hoje esse caderno é virtual e engloba vários destinos. Os “recortes” são produzidos por ela e pelo Carlos, semanalmente, no Vida Cigana.

Deixe seu comentário

Todos os comentários serão moderados previamente conforme as políticas do blog. Serão publicados e respondidos apenas após aprovação.

Clique aqui para deixar um comentário.

House Sitting

vida cigana blog youtube house sitting

vida cigana blog youtube house sitting
abbv