Home » Destinos » Brasil » O que fazer no Rio de Janeiro: 30 atrações com o melhor da Cidade Maravilhosa
Brasil

O que fazer no Rio de Janeiro: 30 atrações com o melhor da Cidade Maravilhosa

O que fazer no Rio de Janeiro: A linda vista do Pão de Açúcar

Muitos turistas chegam ao Rio de Janeiro sem ter planos no roteiro que incluam algo além do Cristo e das praias mais famosas. Por isso, abaixo listamos o que fazer no Rio de Janeiro com todas as suas atrações, as dicas clássicas, as melhores praias e até alguns pontos pouco visitados, mas que valem muito serem incluídos em seu roteiro pela cidade.

O Rio de Janeiro turístico

Onde ficar no Rio de Janeiro: A vista da cidade do alto de Santa Teresa

A cidade do Rio de Janeiro é imensa, intensa e caótica, o que faz com que muitos temam por sua segurança ao visitá-la. Com razão, pois não é nada prudente se perder na cidade mais visitada do Brasil levando em conta que muitos lugares do Rio não são seguros, especialmente a quem não conhece a cidade.

No entanto, o Rio, como uma cidade explicitamente dividida, conta com a maior parte de suas atrações na Zona Sul, a região mais rica e mais segura. Dentro da Zona Sul é possível turistar com mais calma e menos paranóia, sendo o interior de suas principais atrações bastante seguro, com grande policiamento. É só não marcar bobeira e curtir.

Para quem tem pouco tempo na cidade ou prefere visitá-la de forma mais segura e organizada, cogite passear a bordo de um ônibus hop on/hop off. Ele passa por todos os principais bairros e pontos turísticos da cidade.

Promoção de passagem aérea para o Rio de Janeiro

Descubra qual empresa tem as passagens mais baratas saindo de sua cidade nas datas de sua viagem

Para quem está inseguro e prefere visitar os pontos turísticos com tours fechados e com guias explicando cada um dos locais, é super possível e bem organizado, com transfer buscando na porta do seu hotel. Veja em cada uma das atrações como fazer.

O que fazer no Rio de Janeiro: 30 atrações da Cidade Maravilhosa

Iremos dividir as dicas do que fazer no Rio de Janeiro por tópicos de interesse, além de detalhar onde fica cada uma das atrações, como chegar e como adquirir os ingressos.

Os Clássicos

As atrações clássicas do Rio de Janeiro são as mais visitadas do Brasil. Claro que o Cristo e o Pão de Açúcar estão nesta lista, juntamente com o Jardim Botânico e o Parque Lage, que figuram como cenário na maior parte das fotos dos turistas que visitam a cidade. São locais obrigatórios a todos que chegam e querem descobrir o que fazer no Rio de Janeiro. É possível contratar tour fechado com guia num combo incluindo Cristo Redentor, Pão de Açúcar e todas as principais atrações da cidade.

1.     Cristo Redentor

O Cristo Redentor não só resume a Cidade Maravilhosa como é o símbolo do país. Uma estátua de 38 metros de Jesus Cristo, em estilo art-déco, colocada no topo do Morro do Corcovado, virou a grande atração do Brasil e entrou para a lista de 7 maravilhas do mundo moderno, em 2007, após grande campanha nacional.

Lá de cima é possível ver praticamente toda a cidade do Rio de Janeiro. Uma vista lindíssima de onde vale observar o pôr do sol e tirar uma clássica foto de braços abertos na frente da estátua.

Como chegar ao Cristo Redentor?

Existem 4 formas de ir ao Cristo Redentor:

  • De trem: É o método mais famoso e mais bonito. O trem sai do Cosme Velho, um bairro bem seguro na Zona Sul do Rio e passa por dentro da Floresta da Tijuca, em meio ao verde até chegar lá em cima. É a opção mais turística e agradável.
  • De van: É a opção mais prática, pois sai de vários pontos da cidade (sendo todos eles próximos de estações de metrô): do Largo do Machado, da Praça Lido em Copacabana e do Shopping Cittá América, na Barra.
  • Em tours fechados: Para quem quer ser guiado sem preocupações pelo Rio, existe um tour para o Cristo Redentor que busca o turista na porta do hotel. O valor ainda inclui passagem pelo Sambódromo, Catedral Metropolitana, Escadaria Selarón e Arcos da Lapa.
  • Fazendo trilha: A partir do Parque Lage são três horas de subida pela mata.
  • De bicicleta: É possível seguir pela Estrada das Paineiras até a entrada por onde sobrem as vans. Neste segundo caso é preciso pagar a van para fazer a segunda parte do trajeto.

Tanto o trem quanto as vans são opções bastante procuradas, especialmente na alta temporada. O mais prudente é comprar os ingressos com antecedência para não perder o passeio:

Comprar pela internet, além de garantir a sua ida, ainda poupa o tempo perdido nas longas filas das bilheterias.

Leia mais: Onde ficar no Rio de Janeiro: Guia com 12 bairros e regiões seguras da cidade

2.     Pão de Açúcar

O que fazer no Rio de Janeiro: O Pão de Açúcar

O Pão de Açúcar é provavelmente a atração mais legal do Rio de Janeiro. Se eu tivesse que escolher só uma atração para visitar no Rio, seria esta.

Como a atração é formada por dois morros, o da Urca e o do Pão de Açúcar, o turista é levado a viajar em teleféricos aéreos pelos 2 trajetos. Além da vista maravilhosa lá de cima, o passeio de bondinho entre um morro e outro é de tirar o fôlego. O turista se vê pairando no ar ao mesmo tempo em que fica embasbacado com a paisagem lá embaixo. Observar o pôr do sol lá de cima é obrigatório, um dos espetáculos mais lindos de se ver.

O Pão de Açúcar fica no bairro da Urca, bastante tranquilo e seguro, com ótimas vistas da Baía de Guanabara.

Como chegar até o Pão de Açúcar?

Uma vez no bairro da Urca, existem 2 formas de visitar o Pão de Açúcar:

  • De bondinho: É preciso ir até a estação da Praia Vermelha (acessível somente de carro, ônibus ou a pé) e de lá, embarcar no teleférico. É a opção mais incrível e diferente.
  • Em tours fechados: Para um passeio com guia em van fechada, existe tour para o Pão de Açúcar que busca o turista na porta do hotel. O valor do bondinho está incluso no passeio.
  • Fazendo trilha: Aos que tenham um bom preparo físico, comecem a trilha pela Pista Cláudio Coutinho, também na Urca. De lá é possível pegar um desvio que leva ao topo do primeiro morro, o da Urca, a pé. É uma trilha relativamente fácil que dura 40 minutos. O acesso, no entanto, é somente até o Morro da Urca. Caso queira seguir até o Pão de Açúcar, é preciso pagar o bondinho para o percurso final.

Para chegar e sair da Urca com translado pré-agendado e subir o Pão de Açúcar já com o ingresso comprado, existem tours que vendem o pacote para que o turista não pegue fila. Os tours são feitos ao entardecer, que é o melhor horário para visitar a atração.

Caso queira ir até a Urca por conta própria, mas queira adquirir o ingresso com antecedência para “furar a fila”, é só comprar pela internet.

3.     Jardim Botânico

O que fazer no Rio de Janeiro: Percorrer o Jardim Botânico

O Jardim Botânico do Rio é uma das atrações mais visitadas e é uma das áreas mais verdes da cidade, com diversos exemplares de plantas de diversas partes do planeta. Além disso é um lugar muito fotogênico, já tendo aparecido em várias novelas e filmes. Seu corredor de palmeiras-imperiais, plantadas a mando de d. Pedro II, é famosíssimo e muito bonito. Além disso, as ruínas da antiga fábrica de pólvora de antes do Império pode ser visitada.

Como chegar ao Jardim Botânico?

O Jardim Botânico fica no bairro de mesmo nome, também na Zona Sul da cidade. Não conta com estações de metrô, sendo obrigatório chegar lá de carro ou ônibus. Se optar pelo transporte público, use o Google Maps para planejar seu roteiro ou o site Vá de Ônibus, da Fetranspor.

Para quem quer visitar o Jardim Botânico e ainda passar por vários pontos incríveis da Floresta da Tijuca, como a Cascatinha de Taunay e o Açude da Solidão em um tour guiado, é possível. A van busca os turistas no hotel. Para quem quer ir por conta própria é válido comprar pelo site oficial.

4.     Parque Lage

O Parque Lage também fica no bairro do Jardim Botânico e é muito visitado por turistas que passam pela cidade. Já apareceu em vários filmes e até em clipes musicais, como Beautiful, de Snoopy Dogg. É uma atração gratuita e com um visual maravilhoso.

Trata-se de um palacete do século XX, com uma arquitetura italiana magnífica, contando com uma piscina em seu interior e uma vista incrível do Cristo Redentor bem atrás da construção.

Além disso, a Escola de Artes Visuais funciona ali, e é possível passear por seus imensos jardins, que contam com cascatas, lagos, grutas e vastos campos para fazer piquenique na presença de macacos que vivem ali. Só cuidado para eles não roubarem a sua comida!

Como chegar ao Parque Lage?

O Parque Lage é quase vizinho do Jardim Botânico, sendo possível ir caminhando de um a outro. Ao decidir o que fazer no Rio de Janeiro, separe um dia para visitar os dois.

5. Maracanã

Brasileiro que é brasileiro gosta de futebol, não é? Ou pelo menos se empolga durante a Copa do Mundo. E nada melhor do que visitar o templo do futebol do Brasil, que um dia já foi o maior estádio do mundo e já viu 2 finais de copas. O Maracanã é grandioso, e fazer uma visita em seu interior é uma missão importante para quem quer saber o que fazer no Rio de Janeiro. Vá até lá em um tour fechado, com direito a entrada no Cristo Redentor, Pão de Açúcar e ainda um almoço em uma churrascaria. Quer coisa melhor?

6. Passeio de Helicóptero

Caso queira ver todas essas atrações clássicas e mais outras paisagens inesquecíveis de uma forma diferente, o ideal é contratar um passeio de helicóptero. Nós fizemos com o Comandante Nobre e escrevemos um texto bem detalhado com cada um dos pontos vistos lá de cima e o valor de cada passeio. Posso assegurar que foi a forma mais incrível que vi o Rio, cheguei a chorar!

Porto Maravilha

O Porto Maravilha é a nova zona revitalizada na cidade para a época das Olimpíadas de 2016. As obras mais recentes do Rio estão concentradas ali, como o famoso Museu do Amanhã e o Mural Etnias, do Kobra. Onde antes era um lugar perigoso, escuro e sujo, hoje é uma das áreas mais agradáveis e indispensáveis na hora de buscar o que fazer no Rio de Janeiro.

Para saber mais: Faça o trajeto da Pequena África, uma parte histórica do Rio impressionante e que quase ninguém conhece.

7.     Museu do Amanhã

O Museu do Amanhã, desde sua inauguração em 2015, se tornou uma das atrações mais visitadas na hora de escolher o que fazer no Rio de Janeiro. Projeto do espanhol Santiago Calatrava, o Museu do Amanhã possui uma arquitetura muito peculiar e ainda conta com a linda vista da Baía de Guanabara. Seu interior conta com exposições sobre o futuro do planeta e o que devemos fazer para ajudá-lo. Tudo bastante impactante e de alto nível.

Ir em tour fechado com guia pelo museu é uma boa escolha, com translado do hotel para o museu incluso.

8.     MAR (Museu de Arte do Rio)

O MAR, Museu de Arte do Rio, também está localizado na Praça Mauá, ao lado do Museu do Amanhã, e conta com exposições ligadas à cidade, além de ter as melhores vistas para o Museu do Amanhã e a região revitalizada do porto.

Como chegar ao Museu do Amanhã e ao MAR?

A região tem opções fartas de transporte púbico, que é a melhor opção para visitá-la. É possível chegar aos museus de ônibus, metrô (estação da Uruguaiana), ou de VLT. Esta última, a melhor opção para explorar o Porto Maravilha.

Além dessas, existe um tour por dentro do Museu do Amanhã com guia exclusivo, que inclui ingresso e translado do hotel até o museu.

9.     Mural Etnias

O que fazer no Rio de Janeiro: Visitar o Mural Etnias, no Porto Maravilha

O Mural Etnias fica na Zona Portuária, em frente aos seus galpões, e é um dos maiores murais do mundo. Feito pelo artista paulistano Kobra, que tem obras espalhadas por todo o mundo, o mural apresenta 5 rostos humanos, cada um representando indígena de um continente diferente. A parede inteira é cheia de cor e vida, com vários objetos geométricos inseridos nas figuras humanas.

Como chegar ao Mural Etnias?

Existem 2 formas de chegar lá:

  • A pé: A partir do Museu do Amanhã são 10 minutos de caminhada por um trecho plano e tranqüilo, repleto de turistas.
  • De VLT: O Veículo Leve sobre Trilhos, símbolo da nova região portuária, tem uma estação bem em frente ao mural. O bilhete é válido para reembarcar em até uma hora de intervalo se usado no mesmo sentido de viagem.

10.     AquaRio

O AquaRio é o maior aquário da América do Sul. Faz parte do projeto de revitalização do Porto Maravilha e conta com inúmeros tanques repletos de peixes, crustáceos, entre outros. É uma visita bem cara e, mesmo sendo o maior da América do Sul, é um espaço bastante apertado para o número de pessoas que entram ali todos os dias. E infelizmente, os animais ficam em aquários bastante pequenos, o que gera certo desconforto.

Como chegar no AquaRio?

A melhor forma de chegar no AquaRio é usando o VLT, mas também é possível ir de carro, pois conta com estacionamento próprio, ou caminhando pelo Porto Maravilha. A caminhada é longa.

Tours guiados por todo o Boulevard Olímpico com ida para o AquaRio também é disponibilizado, com a entrada inclusa no valor do passeio.

Praias

É possível ir ao Rio e não pegar uma praia? Até é, mas difícil vai ser o turista não querer nem dar uma passeada pelo calçadão a beira-mar ou assistir ao mágico pôr do sol da Pedra do Arpoador. Ainda assim, eu desafio qualquer um a enfrentar o calor de 40 graus do Rio sem cogitar dar um mergulho (ou como a gente diz, um tchibum) em uma de suas lindas praias oceânicas.

11.      Copacabana

Onde ficar no Rio de Janeiro: A praia de Copacabana, a mais conhecida do Brasil

Copacabana é provavelmente uma das praias mais conhecidas do mundo. Imensa, é freqüentada pela maioria dos turistas que chegam à cidade. Possui um enorme banco de areia e é bastante acessível, com 3 estações de metrô distribuídas pelo bairro. Mas, por ser acessível e muito conhecida, ela está constantemente cheia.

12.Leme

Caso queira um pouco mais de tranqüilidade em um local mais reservado, vá para o Leme, que é bem do lado e não tão cheio. O acesso não é tão simples por não contar com estação de metrô própria. Caminhando leva-se 20 minutos desde a Estação Cardeal Arcoverde.

13. Ipanema

Ipanema dispensa apresentações. Difícil achar quem não conheça o bairro depois que a música “Garota de Ipanema” foi lançada pelo mundo.

A praia de Ipanema é tão cheia quanto a de Copacabana, mas mais tranqüila, com uma faixa de areia menor e com belas vistas para as Ilhas Cagarras.

14.Arpoador

No cantinho à esquerda da praia de Ipanema fica o Arpoador, um pedaço de areia muito acolhedor e seleto, onde os locais gostam de freqüentar. Para coroar o panorama, a Pedra do Arpoador emoldura a praia, sendo um ponto altamente procurado no pôr do sol, quando todos sentam ali para ver o astro rei se despedindo atrás do Morro Dois Irmãos. O visual é tão lindo que é de praxe bater palma no fim do espetáculo. Aproveite!

15. Prainha e Grumari

Para quem quer curtir praias mais afastadas e ter um cantinho de sol só pra você ao saber o que fazer no Rio de Janeiro, não deixe de fora as praias praticamente virgens de Prainha e Grumari. Elas ficam longe da zona turística do Rio, mas existe um tour que leva até Grumari e a famosa Pedra do Telégrafo no mesmo dia, buscando no hotel.

Arquitetura e Paisagem

Várias atrações, por diferentes partes da cidade, unem o melhor da arquitetura carioca com as paisagens mais icônicas da cidade. Museus históricos, casas de pessoas famosas e enormes espaços para conhecer a cidade a pé ou pedalando, com vistas incríveis e muita história envolvida.

16.Aterro do Flamengo

Onde ficar no Rio de Janeiro: O Aterro do Flamengo, fechado aos domingos para carros

O Aterro do Flamengo é o quintal de muitos cariocas no dia a dia. Com seu amplo espaço, de frente para a Baía de Guanabara e com lindas vistas para o Pão de Açúcar, o Aterro conta com pistas de skate, quadras de esportes, bicicletas para alugar e pistas inteiras fechadas durante os domingos para os pedestres e ciclistas.

Além disso, o Aterro conta com o MAM, Museu de Arte Moderna, com sua arquitetura famosa e suas lindas exposições. Aproveite a ida ao Aterro e embarque em um maravilhoso passeio pela Baía de Guanabara a bordo de um barco com direito a guia. É um dos melhores passeios do Rio, com saídas todos os dias da Marina da Glória. Uma ótima opção para colocar em seu roteiro de o que fazer no Rio de Janeiro.

Como chegar ao Aterro do Flamengo?

As estações de metrô do Largo do Machado e Catete são as melhores opções para quem quer passear pelo Aterro. De lá é possível seguir caminhando até o Parque.

17.IMS

O que fazer no Rio de Janeiro: O Instituto Moreira Salles, na Gávea

O Instituto Moreira Salles, ou IMS, é a antiga casa do banqueiro Walther Moreira Salles, pai dos cineastas Walter Salles (de Central do Brasil) e João Moreira Salles.

Com a lindíssima arquitetura de Olavo Redig de Campos e jardins projetados por Burle Marx, o IMS apresenta hoje o maior acervo fotográfico do Brasil, com constantes exposições fotográficas dos mais variados temas. Fica na Gávea.

Como chegar ao Instituto Moreira Salles?

A melhor forma de chegar ao IMS é de carro, pois a Gávea não possui metrô e os pontos de ônibus são distantes da entrada do instituto. Caso vá de ônibus, será preciso fazer uma caminhada.

18.Parque das Ruínas

O que fazer no Rio de Janeiro: Visitar o Parque das Ruínas, no bairro de Santa Teresa

O Parque das Ruínas fica em Santa Teresa e apresenta uma incrível vista da cidade, quase numa visão em 360 graus. É um centro cultural que abriga várias exposições e apresentações, localizado nas ruínas da antiga casa de Laurinda Santos Lobo, uma grande aristocrata carioca que viveu entre os séculos XIX e XX. Um lugar lindíssimo e obrigatório a quem procura o que fazer no Rio de Janeiro fora do eixo mais popular.

Como chegar ao Parque das Ruínas?

O bairro de Santa Teresa não é dos mais acessíveis, mas os turistas estrangeiros amam pelas lindas vistas da cidade e de seu casario antigo bem preservado.

Para chegar ao Parque das Ruínas, a melhor maneira é de carro. Existe uma linha de ônibus (007) que passa pelo Centro do Rio e deixa perto do centro cultural.

Caso queira usar o famoso bondinho de Santa Teresa, vá ao terminal na Rua Lelio Gama, próximo ao Largo da Carioca, e peça para descer do bonde no Largo do Curvelo, seguindo caminhando de lá até o Parque.

Também é possível todo o caminho a pé, subindo pelo bairro da Glória ou pela Lapa, mas saiba que a subida é puxada e o caminho não é seguro. Caso prefira, faça um tour fechado pelo bairro de Santa Teresa com van saindo do hotel em que estiver hospedado, tudo muito seguro e com guia.

19.CCBB

O que fazer no Rio de Janeiro: O CCBB, no Centro do Rio

O Centro Cultural Banco do Brasil, ou CCBB, é um espaço cultural mantido pelo Banco do Brasil e o museu mais visitado do país. Fica no prédio da antiga sede do próprio banco, construído em 1906, num edifício lindíssimo, com uma incrível cúpula em seu pátio interno. Suas exposições são sempre bastante procuradas e costumam ficar cheias.

Como chegar ao CCBB?

O CCBB fica no Centro do Rio e é atendido por várias linhas de ônibus. A estação do metrô mais próxima é a Uruguaiana. Não aconselho ir de carro, pois o tráfego do centro é intenso e os estacionamentos podem estar cheios e são caros.

Trilhas

É possível fazer trilhas também no Rio! E todas elas contam com cenários e vistas inacreditáveis da Cidade Maravilhosa. Com caminhadas para públicos diferentes que vão dos menos inexperientes aos que já trilham tudo mundo afora, damos dicas das melhores trilhas urbanas no cenário carioca.

20.Morro Dois Irmãos

O que fazer no Rio de Janeiro: Subir o Morro Dois Irmãos
Foto do nosso amigo Fabio Pastorello, do blog Viagens Cinematográficas

O Dois Irmãos é o morro famoso visto das praias de Ipanema e Leblon. É um morro com dois picos diferentes, cujo acesso é pelo Morro do Vidigal, a comunidade mais tranqüila do Rio. A vista de lá é inenarrável de tão linda.

Como chegar ao Morro Dois Irmãos?

A caminhada se inicia pela Avenida Niemeyer de onde é preciso pegar um moto táxi na subida do Vidigal até o começo da trilha. Ou então subir tudo caminhando, o que pode ser puxado. A trilha em si dura uns 50 minutos e é bastante fácil.

21.Pedra Bonita

A Pedra Bonita apresenta outros ângulos da Cidade Maravilhosa tão bonitos quanto os clássicos. De lá é possível ver o Morro Dois Irmãos de costas, a Pedra da Gávea e a Praia de São Conrado. Nossos amigos do Viagens Cinematográficas fizeram a trilha e contam tudinho, como chegar, onde estacionar e como fazer a trilha.

22.Parque da Catacumba

O que fazer no Rio de Janeiro: O Parque da Catacumba
Cleber e Fabio nossos amigos do Viagens Cinematográficas, no Parque da Catacumba

O Parque da Catacumba fica na Lagoa e possui uma vista privilegiada da região. Ali, décadas atrás, ficava a Favela da Catacumba, que foi incendiada e, desalojada pela prefeitura, teve seus moradores realocados para onde hoje fica a Cidade de Deus.

É uma das trilhas mais acessíveis do Rio, com um lindo caminho cheio de esculturas de vários artistas.

Como chegar até o Parque da Catacumba?

A melhor forma é de carro, mas é possível ir andando do metrô General Osório (Saída Lagoa) ou então alugar uma bicicleta e ir pedalando pela ciclovia da Lagoa, num passeio bem legal.

Para beber e se divertir

O Rio de Janeiro combina com boemia e vários cantos na cidade são excelentes paradas para beber um chopp e beliscar um petisco de boteco entre uma turistada e outra. Vários lugares da cidade agrupam as mais diferentes pessoas, com objetivos diferentes, sejam eles para tomar uma cerveja, dançar ou ouvir um samba, assistir ao pôr do sol ou virar a noite. É só escolher seu favorito, pegar sua caipirinha e decidir pelo sabor do seu pastel.

23.Lapa

A Lapa é o bairro mais boêmio do Rio de Janeiro. E é talvez o único local da cidade onde é mais seguro circular durante a noite do que de dia. Com vários bares e restaurantes, a Lapa apresenta a noite carioca mais típica, com rodas de samba, espaços dedicados à cultura brasileira, petiscos cariocas e cervejas em conta. Além disso, é lá que ficam os Arcos da Lapa e a Escadaria Selarón.

24.Baixo Gávea

O Baixo Gávea, ou BG para os mais íntimos, conta com vários bares e restaurantes em torno da Praça Santos Dumont, que atraem um público mais jovem e também várias celebridades. Um clima bem despojado e pertinho do Jardim Botânico, que pode entrar no mesmo dia ao montar o roteiro do que fazer no Rio.

25.Praça São Salvador

A Praça São Salvador é uma das poucas praças cariocas não gradeadas. Conta com um coreto e é bastante freqüentada por pessoas de todas as idades. Além disso, está sempre no circuito cultural, com apresentações circenses, musicais e teatrais.

Aos domingos a praça é palco de uma feirinha de roupas, artesanato e comidas todos os domingos, com direito a apresentação de chorinho e samba. E durante toda a semana os bares ficam bastante movimentados, em especial na quarta, quando tem jogos de times cariocas.

26.Mureta da Urca

Onde ficar no Rio de Janeiro: Urca, um dos bairros da Zona Sul carioca

A Mureta da Urca atrai todos os tipos de público e faz qualquer um se apaixonar pelo Rio. É o nome dado a área em frente ao Bar Urca, que serve um dos pasteis mais famosos da cidade. Assistir ao pôr do sol se despedindo atrás do Corcovado é um item obrigatório a quem busca o que fazer no Rio de Janeiro. Não há nada mais prazeroso do que sentar na mureta, pedir uma cerveja e comer um pastel.

Para os que querem gastar menos e ter a mesma experiência, o melhor é ficar na região da “pobreta”. Lá na entrada do bairro, em frente ao Urca Grill, o espaço virou uma alternativa a quem quer pagar preços mais em conta pela cerveja.

Passeios Alternativos

Toda cidade no mundo possui aquelas jóias raras que somente os locais conhecem. Conheça um pouco mais da história do Brasil visitando o interior de uma igreja da época colonial totalmente revestida em folhas de ouro (sim, em pleno Rio!), uma das bibliotecas mais lindas do mundo pela Business Insider, entre outros.

27.Mosteiro de São Bento

O que fazer no Rio de Janeiro: O Mosteiro de São Bento, na Zona Portuária do Rio

O Mosteiro de São Bento fica na Zona Portuária do Rio e possui uma incrível vista da Baía de Guanabara e do Museu do Amanhã. Mas, mais que isso, ele apresenta uma arquitetura simplesmente incrível! Fundado por monges em 1590, o mosteiro possui um exterior simples, mas um interior de cair o queixo. Suas paredes são forradas com folhas de ouro!

Missas em canto gregoriano são rezadas todos os sábados. Um lugar imperdível!

28.Real Gabinete Português

O que fazer no Rio de Janeiro: Visitar o Real Gabinete Português de Leitura, no centro da cidade

O Real Gabinete Português de Leitura é inacreditável! Um dos lugares que mais gosto no Rio e que sempre levo os amigos turistas quando vêm me visitar. É uma biblioteca no centro da cidade fundada em 1837, com uma arquitetura belíssima e com um interior que remete a Hogwarts. Fora de Portugal, é o local com mais livros lusófonos do mundo. Machado de Assis era frequentador assíduo do local.

29.Palácio do Catete

O que fazer no Rio de Janeiro: O Palácio do Catete, onde vários presidentes moraram

O Palácio do Catete era a antiga residência presidencial, quando o Rio ainda era capital do país. Com a construção de Brasília, o edifício virou o Museu da República, com várias informações sobre a república, passando por todos os seus presidentes até Juscelino Kubitschek.

Por ter sido o local histórico onde Getúlio Vargas tirou sua vida, o museu ainda mantém o quarto do jeito que ele deixou em 1954.

Uma boa ao visitar o palácio é passear por seus jardins, bem bonitos e que dão acesso ao Aterro do Flamengo.

30.Feira de São Cristóvão

Oficialmente chamado de Centro Luiz Gonzaga de Tradições Nordestinas, a Feira de São Cristóvão apresenta o melhor da cultura do Nordeste brasileiro. Em seu pavilhão, é possível provar vários pratos em restaurantes típicos, dançar e comprar produtos oriundos de vários estados nordestinos. Apresentações de bandas do Nordeste também são bem comuns. Um lugar que agrupa a alma nordestina em pleno Rio de Janeiro.

Bate e Volta para outras Cidades

Não só a capital, como o Estado do Rio de Janeiro possui diversas cidades belíssimas, com praias paradisíacas e muita história envolvida. Muita gente acrescenta na hora de decidir o que fazer no Rio de Janeiro viagens de bate e volta para cidades próximas que atraem muitos turistas por suas belas praias e até mesmo palácios imperiais.

Os principais são:

Para quem não sabe como ir por não ter um veículo próprio e não quer ir até a rodoviária do Rio, que é  um tanto caótica, estes passeios bate e volta para os locais mais procurados fora da Cidade Maravilhosa são perfeitos. Todos os tours listados têm translado e almoço inclusos.

ORGANIZE SUA VIAGEM!

PASSAGEM AÉREA

Use o Kayak para descobrir qual empresa tem as passagens aéreas mais baratas para sua viagem.

HOSPEDAGEM

No Booking.com estão cadastradas as melhores opções de hotéis e albergues. Reserve com direito a cancelamento gratuito e viaje com mais tranquilidade.

Já no Hotéis.com você pode parcelar o pagamento das diárias em até 12x!

AIRBNB

Já experimentou alugar um apartamento no Airbnb? Ganhe até R$180 em créditos para usar em sua primeira reserva no site.

SEGURO VIAGEM

Use nosso Comparador de Seguro Viagem. Com nossa parceria com a Seguros Promo, vamos te ajudar a encontrar os melhores planos de seguro para o seu destino. Use o cupom VIDACIGANA5 e receba 5% de desconto na hora do check out.

ROAD TRIP

Alugue um veículo com a RentCars.com para sua viagem. Compare os preços de diferentes locadoras, pague em Reais, sem IOF e parcelado em até 12 vezes.

Sobre o Autor

Larissa

Larissa é nascida em Niterói/RJ, mas já estudou em Nova York e morou na Nova Zelândia por um ano antes de iniciar a volta ao mundo que terminou em 2016. Sonhando em viajar desde que se entende por gente, mantinha um caderno cheio de recortes de jornais e revistas sobre o Egito quando tinha 7 anos de idade. Hoje esse caderno é virtual e engloba vários destinos. Os “recortes” são produzidos por ela e pelo Carlos, semanalmente, no Vida Cigana.

203 Comentários

Todos os comentários serão moderados previamente conforme as políticas do blog. Serão publicados e respondidos apenas após aprovação.

Clique aqui para deixar um comentário.

  • Achei a Feira de São Cristóvão o melhor lugar para ficar de noite.

    Motivo: Segurança no local, música ao vivo (pagode e forró), opções de comidas e fácil acesso ao centro.
    Amei a feira.

    Não achei a Lapa um lugar seguro igual a feira.

  • Excelentes recomendaciones para orientar a quienes no conocemos Río y tenemos la expactativa de que econtrar en la ciudad, gracias por la ayuda y tomarte el tiempo para escribir.

    • Oi Débora, o passeio de trem é bem mais legal que o de van, e os valores são bem parecidos, não difere muito.
      O trem sai do Cosme Velho e a van sai do Largo do Machado, Copacabana, Barra ou direto das Paineiras.

  • Boa tarde, Parabéns pelas dicas, são ótimas!!!
    pretendo ir em janeiro tem algum restaurante bom na zona sul com espaço kids?
    tem alguma sugestão de hotel (zona sul) que não seja tão caro ?
    obrigada

  • Bom dia, estou indo ao Rio semana que vem. Sou de Fortaleza, aqui existem varias empresas que oferecem passeio Bate e volta, vi que no Rio também. Aqui essas empresas abordam os turistas na Beira mar, alguem poderia me indicar onde posso entrar em contato com essas empresas? …alguém indicaria algumas para mim? Obrigada!!!

    • Olá boa tarde amore
      Então eu sou nascida e criada no Rio, (sepetiba) porém nunca fui em nenhum ponto turístico no máximo que fiz foi ir no zoológico quando pequena.
      Gostaria de aproveitar as férias dos meus filhos para fazer algo diferente.
      O que vc me indicaria? Meus filhos tem 4 e 6 anos.

  • Olá, Larissa!
    Simplesmente apaixonada pelas suas dicas!
    Conheço a região dos Lagos e vou ao Rio com meu esposo dia 04 a 08/12, ficaremos em Copa, logo me indica uns barzinhos bacana por gentileza!
    Sucesso! Bjs

    • Oi Cássia, barzinhos legais no Rio posso recomendar o Pavão Azul, em Copa, que é muito famoso, o Belmonte, Brewteco, gosto muito da Casa Porto (tem uma batida de maracujá maravilhosa), o ARP (com drinks maravilhosos), o Canastra em Ipanema, o Ximenes na Lapa.

  • Larissa, boa tarde. Parabéns pelo site, adorei suas dicas. Vou estar em Copacabana nesse final de semana, porém gostaria de conhecer alguma praia da Barra da Tijuca. Irei de uber com minha família. Você poderia nos indicar alguma praia por lá? Acredita que vale a pena esse deslocamento para conhecer a barra? Obrigada. Thamires 😉

    • Oi Thamires, a Barra fica longe, mas as praias são mais vazias e valem a pena por isso. Recomendo a Praia do Pepê, que é bem no início da Barra de quem vem da Zona Sul, e a da Reserva, imensa e quase deserta, bem bonita!
      Só faça um roteiro 1 e 2, pois, como todo carioca, a gente aqui fiscaliza a previsão do tempo todos os dias e acho que neste final de semana vai chover 🙁

    • Estou acompanhando a previsão também, desde semana passada. Cada dia muda. Entrei agora e vi que está pior do que ontem quando dizia que no sábado não iria chover. Poxa, agora todos os dias chove. Qualquer coisa deixo a Barra para uma próxima visita, paciência. Muito obrigada pela ajuda 💕

    • Olá boa tarde amore
      Então eu sou nascida e criada no Rio, (sepetiba) porém nunca fui em nenhum ponto turístico no máximo que fiz foi ir no zoológico quando pequena.
      Gostaria de aproveitar as férias dos meus filhos para fazer algo diferente.
      O que vc me indicaria? Meus filhos tem 4 e 6 anos.

  • Boa tarde Larissa, tudo bem?
    Gostei muito das suas dicas…
    Irei no Rio de Janeiro dia 02/11 a 03/11, mais estou com um pouquinho de receio (violência), sei que temos que tomar cuidado em qualquer lugar, mais infelizmente a mídia detona o Rio…

    • Oi Marcílio, realmente, a mídia detona o Rio rs
      Existem cidades brasileiras bem mais perigosas do que o Rio, claro que aqui não é o paraíso, mas ficando esperto, não usando celular na rua, já é meio caminho andado.
      Nós vivemos aqui e andando nos lugares certos fica tudo bem, não deixe o medo te impedir de vir não!

  • Olá Larissa!!
    Adorei seu post! Cheguei de mudança no Rio a trabalho essa semana e, com certeza, irei utilizá-lo para fazer a minhas programações do final de semana! Você pode me ajudar com dicas do que fazer a noite sozinha? Estou morando no Flamengo.
    Abs!
    Karine

    • Oi Karine, moramos aqui do ladinho, em Laranjeiras, mas fazemos quase tudo no Flamengo, é um bairro ótimo!
      O Flamengo é um bairro bem residencial e não tem uma vida noturna propriamente dita, mas tem cinema (São Luís), tem vários restaurantes bons (nós gostamos do Mitsuo Japinha), tem a Praça São Salvador (o lugar mais recomendado caso você goste de tomar uma cerveja e ver a vida noturna do bairro, lá funciona até umas 2h e é bem legal. Além disso, todo domingo na praça tem roda de chorinho de manhã e uma feirinha).
      Botafogo também é um bairro maravilhoso e mais descolado, do lado do Flamengo. Lá tem boates e casas noturnas, como a Casa da Matriz e o Bukowski. E vários restaurantes e cinemas também. Nosso cinema favorito é lá, o Itaú Cinemas. Passa mais filmes alternativos e tem um café e uma livraria bem legais.

  • Oie, Larissa
    primeiramente parabéns pelo blog, de alguma forma me elucidou bastante para compor um futuro roteiro, quero organizar por lugares e melhores horários.
    Já estive no rio na região dos lagos, e dessa vez resolvi me inserir na rota turísticas. Chegarei dia 25/01/2020 a 30/01, ficarei em copa, e alugarei carro.
    Queria indicações de (museus, bibliotecas, igrejas) tanto os mais conhecidos, como aquelas preciosidades que só quem reside conhece rs
    Acha que consigo nesses 5 dias ver o essencial? Aproveitando praia em todos eles, juntamente com as rotas culturais, de asa delta, cristo, pão de açúcar… bares/boates gls? Aliás qual me indicaria, se em Ipanema, ou Centro? Se conhecer, é claro.
    Estava a pensar em escalar por localidades, e não deixar nem mesmo o dia que chego de fora, chegarei 1h da tarde, e o voo de volta é à noite. Dormindo 3h por noite rs
    Ah, e também lugar que valha a pena sair pra correr/andar de bike no período da manha, bem cedo, que seja seguro, e que possua como destino final praia.
    ah, quanto a asa delta gostaria muito de saber valores, local… se souber eu agradeceria muito.
    Perdoe-me pela bíblia narrada rs e caso contenha erros ortográficos, é em motivo do adiantado da hora.

    • Oi Andressa, que missão essa de encaixar tudo em 5 dias! Acho que não dá não, o ideal seria ter prioridades do que vc quer fazer e depois, se der tempo, encaixar outras coisas.
      Aí no post tem várias opções de museus, bibliotecas e igrejas que consideramos imperdíveis e mesmo assim, pouco visitadas. Todos eles valem muito a pena! O bom é acordar cedo todos os dias, ir a praia, ficar até meio dia, almoçar e fazer as outras coisas.
      Sobre bares e boates, depende muito do seu perfil. Os bares e boates da Lapa são mais pé sujo e mais raiz, se quiser saber como é a vida boêmia carioca, esse é o lugar. Agora, em Ipanema as coisas são bem mais caras e no padrão mais playboy, aí fica a seu critério.
      Correr e andar de bike eu sempre recomendo o Aterro do Flamengo, pedalando até a Praia do Leme, ou então pedalar da Praia de Copacabana até o Leblon, aí você terá praia no trajeto inteiro.

    • Andressa tambem estou nessa situação… ficarei de 29/12 até 02/01 e ainda não programei nenhum passeio rs

  • Oi Larissa, suas dicas são ótimas.

    Desde 2016 passo minhas férias no RJ, já visitei muitos lugares e confesso que ainda não vi metade das belezas da cidade. Sou de Manaus, mas amo o RJ. Você listou alguns lugares que ainda não vi e ano que vem quem sabe eu consiga visitar.

  • Larissa, amei o seu blog e as suas dicas. Irei pro Rio dia 09/11
    Queria dicas de rodas de samba e cerveja gelada.
    E também se possível, sobre algum lugar pra dançar um funk. Kkkk
    Eu li sobre o Fernando, guia da favela, queria saber sobre a segurança e um contato dele se possível. Obrigada 😊

    • Oi Carla! Então, sobre rodas de samba, tem a da Pedra do Sal nas segundas e sextas (nas segundas é melhor); tem o Samba do Trabalhador, no clube Renascença, na Tijuca às segundas; e o da moda agora é o Samba Independente dos Bons Costumes, na Fundição Progresso às quintas.
      Sobre baile funk, em qualquer comunidade vc encontra, mas eu não posso recomendar que vc vá lá, pq não é seguro. Não conheço bailes funk no asfalto, não saberia te indicar…
      Sobre o Fernando, no comentário que cito ele tem a página do facebook e também o email dele: rocinhahistorica@favelasustentavel.org

  • Olá,sou de Lisboa vou para o Rio dia 9 de novembro, quero fazer praia ,vou ficar na barra Tijuca,mas quero obviamente visitar os principais pontos turísticos,e se possível em Van ou seja passeios organizados ,a Larissa indica -me onde posso fechar os passeios? Obrigado Jorge Ferreira

    • Oi Jorge, tem esse passeio aqui que leva em alguns pontos da cidade e busca no hotel de van, incluindo hoteis na Barra da Tijuca. Dá uma olhadinha 😉
      E tem esse tour também busca no hotel e abrange a região do Centro do Rio, Lapa e Santa Teresa.
      Para quem quer conhecer um roteiro mais alternativo do Rio pela Pequena África, mais samba em seu local de origem, esse tour aqui é bem recomendado.

  • Oi, Larissa.
    Curti demais as suas dicas!

    Ficarei 3 dias no RJ e depois partirei para arraial, mas acho que estou mas empolgado com a capital mesmo. rs

    Ficarei em copacaba e quero ir no Cristo, na mureta da urca e conhecer a noite na Lapa.
    Como o tempo é curto, queria otimizá-lo, o que recomenda nos períodos da tarde por exemplo?

    Sobre a Barra da Tijuca, acha inviável conhecer a tarde, é melhor ir lá a noite?

    E a Pedra da gávea, quero muito conhecer, sabe dos meios? É simples de se chegar lá?

    • Na tarde eu recomendaria o Cristo e o entardecer na Mureta da Urca. De manhã praia e a noite, a Lapa.
      Não tem nada pra ver na Barra a noite não, a Barra é a Miami brasileira, tudo é preciso ser feito de carro e as coisas são muuuuito distantes uma das outras.
      Sobre a Pedra da Gávea, é bom fazer com guia e saiba que a trilha é bem puxada e perigosa pra quem não está acostumado a escalar. Caso queira algo mais leve, suba o Pão de Açúcar pela trilha Cláudio Coutinho, ou a Pedra Bonita.

  • Continuando ….
    qual o melhor roteiro pra otimizar nosso tempo ??
    lembrando q ficaremos em tres casais no hotel orla copacabana de 14 a 17 novembro.
    Forte copacabana, Corcovado, Cristo redentor, Pao de acucar, escadaria selaram, maracana, cinelandia, lagoa rodrigo de freitas, sambodromo, arcos da lapa, aqua-rio, museu do amanha, catedral metropolitana, Buzios.

    • Oi Ênio, tudo bem?
      Não montamos roteiros personalizados, escrevemos as dicas justamente para que os leitores possam ver o que mais interessa a eles, e como eles podem organizar a viagem sozinhos.
      Algumas coisas terão que ser cortadas, pois vocês só terão 3 dias. Sugiro que Búzios seja tirado do roteiro, a Cinelândia não tem muito pra ver a não ser a Fachada do Teatro Municipal e a Biblioteca Nacional, o Sambódromo nessa época do ano não é nada além de uma rua aonde passam carros, AquaRio acho caro e cruel com os animais. De resto, dá pra encaixar direitinho…

  • Ola Larissa td bem ?
    Eu, minha esposa e dois casais de amigos vamos visitar sua cidade maravilhosa agora em novembro.
    Ficaremos hospedados de 14 a 17 de novembro no hotel Orla hotel Copacabana.
    Listamos alguns pontos q gostariamos de visitar nesses dias, como podes nos ajudar em termos de tour, para q possamos visitar esses locais otimizando nosso tempo.
    Aguardamos ansiosos…

  • Oi Larissa, tudo bem. Vou pro RJ com um amigo e vamos ficar num hostel em Copacabana, próximo a estação do metrô. Vamos passar 6 dias na cidade e são tantos pontos turisticos que não sei por onde começar. Pode nos ajudar com sugestões?

    Valeu, obrigado!!

    • Oi Luiz… eu não tenho como montar um roteiro, até pq depende muito do clima e do que vcs gostam mais em uma viagem. Tudo que eu coloquei no texto são coisas que gosto e que valem a pena. O ideal é jogar as atrações no google maps e ver a distância entre cada um para poder dividir os dias. Já adianto que Cristo e Pão de Açúcar já tomam metade de um dia.

  • Falta um Lugar importante
    O Palácio Imperial D.Pedro ll.
    Na ” belíssima quinta da
    Boa Vista ” em São Cristóvão. Tem como guardião a reitoria da UFRJ.

  • Larissa,
    Gostei demais de seu blog! Muito claro e explicativo. Vou ao Rio agora em outubro e também estarei hospedada no Flamengo. Já anotei várias dicas aqui, mas ainda gostaria de perguntar algumas coisinhas:
    – do Flamengo à Urca, leva-se quanto tempo de Uber? É realmente melhor subir ao Pão de Açúcar à tarde e tomar uma cerveja ao anoitecer, sem grandes problemas quanto à segurança?
    – alguma sugestão para a noite no bairro do Flamengo mesmo? Estarei no Scorial…
    – uma pessoa me chamou para ir até Niterói. Você recomendaria?

    Obrigada.

    • Oi Maria, não sei se vc já veio, desculpa a demora, estávamos viajando e fica difícil responder os comentários.
      – Do Flamengo a Urca de Uber é bem rápido, menos de 10 minutos de carro. E sim, a Urca é um dos bairros mais seguros do Rio, não precisa se preocupar MESMO!
      – Olha, o Flamengo é um bairro bem residencial e carece de atividades noturnas, mas existem opções boas de restaurante, como o Bar Belmonte, o Mitsuo Japinha, o Restaurante Brou, Café Lamas (que é histórico), e a Praça São Salvador, que é bem agitada de noite, indo até umas 2h da manhã na maioria dos dias.
      – Sim, em Niterói tem bastante coisa pra ver, adoro o MAC, Praia de Icaraí (pra passear), Fortaleza de Santa Cruz e, se puder, a Praia de Itacoatiara (a mais bonita da região, na minha opinião)

  • Oi! Larissa!
    Estou indo com uma amiga no 03/01 até 10/01, iremos ficar em Copacabana, ela já vai na segunda vez e para mim será primeira vez no RJ, queria saber de lugares e pontos turísticos pouco freqüentado… Pois sou amante da fotografia e adoro tirar fotos de paisagens, arquiteturas, por do Sol… Vida noturna… Lugares fora do tradicional que o pessoal indica para quem nunca e está conhecendo a cidade pela primeira vez…

    • Oi Rae, tem várias dicas de locais alternativos no post, dá uma olhadinha. Existem muitos lugares bonitos para fotografar. Indicaria o Gabinete Português de Leitura, o IMS, o pôr do sol no Arpoador é maravilhoso, Parque das Ruínas, e até mesmo a ilha de Paquetá, muito legal e tranquila pra tirar fotos!
      Vida noturna eu recomendo a Lapa, a Praça São Salvador e nas terças, o Canastra em Ipanema.

  • Olá, Letícia adorei as dicas
    Eu e meu marido vamos ao rio agora na sexta, e eu nao sei onde começar rsrs. Que dicas você me daria vamos ficar 5 dias e vamos ficar no hotel Copacabana
    Obrigadaaaa

  • Oi larissa! Tudo bem?
    Estou indo de carro para o rio passar 3 dias em Copacabana. Pensei no primeiro dia: praia, Pão de Açúcar e muro da urca para uma cervejinha.
    Segundo dia: Cristo, escadaria selaron e lapa para cervejinha 😂
    Terceiro dia: Maracanã

    Você acha que em modos “turismo rj o planejamento é bom?
    Tenho dúvida sobre o carro, se é bom ir de carro, melhor uber, ou metrô
    E nesse ponto Tbm, vi no seu comentário falando de depois do Cristo ir para a lapa descendo por Santa Tereza. Como seria isso? Caminhada? Ou é Longe?? Muito obrigada

    • Oi Carol, desculpa não ter respondido antes, mas estávamos na estrada, em outro país, e fica complicado responder comentários. Sempre bom que eles sejam feitos com certa antecedência pra gente poder responder a tempo.
      Espero que sua estada no Rio tenha sido incrível! Sobre a descida por Santa Teresa, é por bonde! Vc pega no bonde nas Paineiras e vai até a Lapa, mas depende da hora!

    • Oi Maria, não sou das melhores pessoas pra dar dicas de balada, e depende muito do que vcs gostam, mas eu conheço a Casa da Matriz, o Bukowski, além de terça feira no Canastra, em Ipanema, em que o pessoal fica na rua até 1h da manhã.

  • Olá Larissa, adorei suas dicas e com base nelas estou tentando montar um cronograma de passeio. Irei ao Rio no dia 04/10 e ficarei até o dia 08/10. Terei 3 dias livres para passeio. Ficarei hospedada em Copacabana (no Hotel Atlântico Copacabana). Vc poderia me ajudar indicando quais lugares são mais perto dos quais eu quero ir? Assim poderia montar melhor meus passeios, pois não faço ideia de como fazer esses passeios. Os lugares que gostaria de visitar são: O Cristo, O pão de açúcar, o Jardim botânico, o Arpoador e o Bairro de Santa Teresa.

    Ah, parabéns pela iniciativa e o ótimo trabalho!!!

    • Oi Rafaela, desculpa pela demora, estávamos viajando e fica complicado de responder comentários. Pedimos pra que peçam dicas com certa antecedência pra que a gente dê conta.
      Espero que sua estada no Rio tenha sido incrível!

  • Olá, Larissa!
    Estarei no Rio em Outubro, em um dos dias irei para Búzios. Queria saber se você indica alguém confiável para me trazer de volta ao Rio na madrugada?! Meu voo será as 5h da manhã e eu não faço ideia de quanto tempo leva a volta de Búzios até o Galeão e se é confiável usar o app BlaBlaCar para isso.

    • Oi Luana, desculpe a demora, acredito que você já deva ter vindo ao Rio. Estávamos viajando e fica complicado responder comentários na estrada, por isso pedimos para que as perguntas sejam feitas com certa antecedência.
      Espero que tudo tenha corrido bem em sua viagem!

    • Oi Felipe, taí uma coisa que precisamos nos atualizar, sobre baladas rs
      Não saímos pra esse tipo de evento tem bastaaaaante tempo. Vou deixar seu comentário aqui para caso alguém possa te ajudar e vou perguntar a alguns amigos tb!

  • Boa noite tudo bem? Nossa que achado pra mim…. Estou indo para o rio em outubro eu e minha filha.
    Vou primeiro para regiao dos lagos do dia 4 ao dia 9 outubro.
    do dia 9 ao dia 12 para RJ cidade maravilhosa.
    Estou com muitas dúvidas vamos lá rsrsr

    1- Melhor forma: segura e barata de ir do aeroporto rj até cabo frio?

    Chego no RJ dia 9 de manhã e vou embora dia 12 após almoço.

    2- Não sei se vou conseguir conhecer tudo mais eu queria ir aos seguintes locais em RJ, deixei até já meio junto, queria q vc me falasse se esta correto, e me ajudasse na logística, aceito sujestões caso ache que é impossível, quais priorizar?

    *CENTRO: *museu do amanha *museu de artes *centro cultural BB *real gabinete portugues *igreja candelaria *real gabinete portugues da leitura
    *ZONA PORTUARIA : *mural etinias, *mosteiro de são bento
    *ZONA SUL: jardim botânico, *parque laje
    *LAPA: *escadaria selarium *parque ruinas

    3 CRISTO, melhor horário e meio de ir?, pensei em fazer ele primeiro no dia 9 como vou ter metade do dia só.

    O que me diz, vou estar hospedada no rio no centro.

    • Oi Lorena, desculpa pela demora, estávamos viajando e fica complicado dar a devida atenção aos comentários, por isso pedimos que as dúvidas sejam escritas com certa antecedência.
      Espero que a viagem de vcs tenha sido maravilhosa!

  • Ei Larissa, tudo bem?
    Adorei as suas dicas e sua organização! 😉
    Estarei no Rio no próximo final de semana e estou com uma dúvida cruel: como ir ao rock in Rio? estarei no Leme, o que me indicaria?

    • Oi Brunella, desculpe a demora, estávamos viajando e não tivemos como responder os comentários na estrada.
      Espero que sua estada no Rio tenha sido incrível!

    • Oi Maria de Fátima! Acho que a melhor forma de ir ao Cristo de Copacabana com sua mãe idosa seria de Uber até a entrada do trenzinho do Corcovado, que sai do Cosme Velho. Para isso o ingresso teria que ser comprado antes, pois ele esgota dependendo da época do ano.
      Outra dica é contratar um tour fechado com outros turistas, em que uma van buscaria vcs no hotel e levaria até o Cristo e depois faria um passeio por outros pontos turísticos da cidade.

  • bom dia, Larissa

    Estou indo para o Rio, para assistir o jogo no maracanã e terei apenas dois dias livres, e gostaria de dicas para conhecer o Cristo, pao de acucar e copacabana. voce acha que é possivel, qual dica voce poderia me dar?

    • Oi Michellyne, desculpe a demora, estávamos viajando e fica complicado responder comentários na estrada, por isso pedimos que as perguntas sejam feitas com certa antecedência.
      Espero que sua viagem tenha sido incrível e que o jogo tenha valido a pena!

  • Muito obrigado mesmo por todas essas informações! Ajudou demais!

    Agora uma pergunta: Quais os 3 ou 4 bares e 3 ou 4 restaurantes que não podemos deixar de conhecer? Porque, sabe como é, pra gente, viajar é conhecer a culinária do local hahaha

    • Oi Paulo, recomendaria o Bar do Mineiro, em Santa Teresa; a Casa Porto, na Praça Mauá; o Bar do Omar (tá bem em alta); Pavão Azul em Copacabana; o Bar Urca e eu indicaria o Be+Co, em Botafogo, muito bom!

  • Oi Larissa, ótimas dicas, parabéns! Enfim, eu e minha namorada viemos para o rock in rio e gostaríamos de conhecer varios lugares no Rio, porém essa mudança repentina de tempo nos pegou de surpresa. A chuva não estava nos nossos planos, principalmente de curtir a praia etc… agora estamos quebrando a cabeça e sem saber o que fazemos, pra onde vamos… Nunca viemos ao Rio e não conhecemos nada. O que vc nos sugere, diante esse tempo chuvoso?

    • Oi João, durante o Rock in Rio estávamos viajando e ficou complicado responder comentários na estrada, por isso pedimos para que as perguntas sejam feitas com antecedência. Todos os museus e igrejas poderiam ser visitados em dias de chuva, eram a melhor opção.
      Espero que vcs tenham conseguido se divertir e passear pela Cidade Maravilhosa!

  • Olá Larissa, Tudo bem?

    Estou planejando minha primeira viagem para o Rio. Gostaria de saber quantos dias seriam ideias, incluindo idas para Arraial do Cabo, Cabo Frio e Búzios.
    Amo mar então é claro que gostaria de aproveitar ao máximo as praias cariocas.

  • Oi Larissa, super curtir suas dicas! Eu estou indo para o RJ em novembro, iria acompanhada de uma amiga, mas ela acabou dando pra trás e terei que ir sozinha já que, infelizmente, a passagem não é reembolsável. Ficarei hospedada em Copacabana. Pra eu que estarei sozinha, quais as dicas de segurança que você poderia dar? Dizem que lá eles reconhecem quem é turista, como não aparentar ser uma? kkkkk Obrigada. 🙂

    • Oi Mel, desculpa a demora! Então, as dicas que eu daria seria não usar celular na rua, só em locais fechados, e andar atenta. Fora isso, eu não vejo esse problema todo que mostram na TV. O Rio é perigoso sim, mas existem lugares bem piores. Sobre reconhecer turista, só os gringos mesmo, mas mesmo assim não vejo tantos casos assim de turistas assaltados. O problema do Rio está basicamente longe da Zona Sul da cidade, que é a área nobre. Essas notícias horriveis acontecem em comunidades pobres afastadas das áreas turísticas.

  • Oi Larissa, estarei no Rio no final de novembro, vamos ficar na Barra, o que você indica de passeios? Na verdade é melhor ficar hospedado na barra ou em Copacabana?

  • Oiii, ameii suas dicas!! Eu e meu esposo estamos indo pro Rio pela primeira vez, chegaremos no dia 01/10 pela manhã, dia 02 teremos o dia inteiro livre e dia 03 vamos pro Rock In Rio. Estaremos hospedados na Barra da Tijuca (É uma localização viável e perto dos lugares???) Gostaria muito de conhecer o Cristo e Pão de Açúcar. Alguma dica de como organizar nosso passeio e lugares top pra conhecer? Obrigadaa 🙂

    • Oi Priscyla, a Barra não é perto das atrações turísticas mais famosas não. Para ir visitar o Cristo e o Pão de Açúcar, vc teria que ir até a estação de metrô do Jardim Oceânico e descer na estação Largo do Machado (para o Cristo) ou Botafogo (Pão de Açúcar). Do Largo do Machado saem as vans para o Cristo e de Botafogo vc pode pegar um Uber até o Pão de Açúcar.
      Sobre a Pedra do Telégrafo, a melhor forma é ir em tour fechado, pois é beeeem longe e é bom ter um guia.

  • Ola Larissa, estou indo ao rio no mês de novembro para um congresso, irei me hospedar na urca, perto do evento. Sera a primeira vez no rio e so terei 3 dias livres. Queria te perguntar se é um lugar perigoso, ademais tem algum lugar perto que indica ? gosto bastante de lugares não tradicionais, que tenha mais personalidade. bjs, Otimo post.

    • A Urca é um bairro maravilhoso, o único da Zona Sul que não tem favela e onde mora o Roberto Carlos hehehe
      Lá é tudo de bom e muuuuito tranquilo. O Pão de Açúcar fica na Urca e à noite o melhor a se fazer é sentar na mureta da Urca para ver o pôr do sol enquanto bebe uma cerveja e come pastel.
      Como vc vai estar na Zona Sul, estará perto da maioria das atrações. Eu iria à Praia do Arpoador em alguma das manhãs, Museu do Amanhã, mas a maioria das atrações que eu escrevi no post estarão ao seu alcance. Tem também no post as dicas de passeios alternativos, caso não queira ir nas atrações batidas.

  • Boa tarde Larissa, amei as dicas. Em Outubro viajo para a cidade maravilhosa, vou me hospedar em Copacabana entre os dias 14/10 (a noite) e 18/10 (até as 11:00). Os lugares que gostaria de conhecer são: Cristo, pão de açúcar, Santa Tereza – escadaria selarón, praia vermelha, forte de Copacabana, urca, aquario, jardim botânico, arpoador, lapa, maracanã, praias de Copacabana, Leblon e Ipanema. Vc acha que exagerei na quantidade de lugares que escolhi? Alguma dica de como posso otimizar o tempo colocando esses passeios em ordem de dias?

    • Oi Bruna! Exagerou um pouquinho hehehe
      Eu faria em um dia pela manhã o Cristo, desceria por Santa Teresa, Escadaria Selaron (vá durante o dia!), Lapa de noite.
      No outro eu colocaria a Praia do Arpoador/Ipanema e dps do almoço um passeio pelo Jardim Botânico e Parque Lage, de noite indo beber na Mureta da Urca.
      No outro, tomaria café na Confeitaria Colombo do Forte de Copacabana, iria a praia depois e iria ver o pôr do sol no Pão de Açúcar.
      Não iria no AquaRio, além de caro, é deprimente ver aqueles bichos naquela situação, e o Maracanã ficaria bem inviável, pois é a única atração daí que fica na Zona Norte, o que demoraria no trajeto.

  • Oi Larissa, ótimas dicas, obrigado.

    Larissa estou indo para o Rio mês que vem para o Rock in Rio, vou com um amigo, vamos ficar hospedados no Parque do Flamengo o que me diz do local ? Queremos conhecer alguns lugares depois do festival, recomenda levar quanto em dinheiro para gastar com comida e pontos turisticos vamos ter 3 dias tirando dois q vamos no festival, pelo que vi pagamos meia em mt coisa pois somos estudantes. Me ajuda com a quantia de qnt levar estamos mt em dúvida… Obrigado 😀

    • Moramos nessa região da cidade, Lucas, adoramos! E é um lugar bem servido de metrô, tem 4 estações: Glória, Catete, Largo do Machado e Flamengo, depende da altura em que ficarão.
      Sobre a quantia, o Rio é uma cidade cara em relação aos padrões brasileiros. Comida é algo caro, coloca aí uns 50 reais por refeição, no mínimo. E a quantia depende muito do seu estilo de viagem, fica meio difícil especular sem saber o que cada um gosta…
      A maioria das atrações tem meia entrada sim, não precisam se preocupar. Só tragam a comprovação!

  • Bom dia!! Larissa estarei indo ao Rio em novembro para um Congresso, vou ficar no Midas Rio Convention Suítes, pois ganhei a estadia, gostaria de saber se é melhor táxi ou Uber, pois tenho medo de Uber, mas em contrapartida é mais barato, vc aconselha?? vou chegar a noite no aeroporto Tom Jobim.
    Vou ter somente 2 dias para passear, gostaria muito conhecer o Cristo e o Pão de açucar..
    qual melhor meio de se locomover??

    • Sim, Uber muito melhor, eles estão com um espaço bem organizado no Galeão (aeroporto Tom Jobim) e irão te atender bem. Não precisa ter medo. Táxi aqui não é confiável, além de ser mais caro.
      Agora, vc estará looooonge ein! Nossa senhora! Acho melhor se locomover só de Uber mesmo, caso tenha verba. Ou então ir do seu hotel de Uber até a estação de metrô Jardim Oceânico, de lá ir até a estação Largo do Machado, de onde sai a van para o Cristo (tem cabine de venda de ingressos no largo).
      Para o Pão de Açúcar vc teria que pegar o Uber até a Estação Jardim Oceânico, ir de lá até a estação Botafogo, e de lá pegar outro Uber até o Pão de Açúcar.

  • Oi Larissa, ótimas dicas obrigado.

    Eu e minha namorada vamos visitar o Rio em outubro, e tenho curiosidade sobre os Tour da Rocinha, o que vc pode me dizer sobre esse tour?

    Obrigado.

    • Oi Vinícius, então, é de extrema importância saber com quem exatamente você vai fechar esse tour. Não pela segurança (também), mas pela pegada histórica da coisa. Não recomendamos os chamados “turismo de safari”, onde agências entram na favela em jeeps como se as pessoas fossem animais. Recomendamos tours feitos por locais, moradores que nasceram e foram criados ali. Esse tour aqui é feito pelo Fernando, nascido e criado lá e formado em história pela PUC. Ele irá mostrar pra vcs a Rocinha digna de ser vista. No texto tem o whatsapp e a página do facebook dele pra vcs entrarem em contato.

  • Adorei o post, poderia me dar sugestões de passeios próximos a barra da Tijuca?
    Iremos para o Rock in Rio porem teremos o domingo e segunda para passear, mas não tenho idéia onde

    • Oi Eveline, então, na Barra o que vcs irão aproveitar melhor são as praias. Todas muito boas e mais vazias que as da Zona Sul. Além disso, podem fazer um passeio a Ilha da Gigoia, uma ilha em meio ao “pântano carioca”. Lá tem uns restaurantes bem legais pra ir durante a noite. De resto… a Barra é conhecida por ser a Miami do Rio, lá estão concentrados muitos shoppings e é o que geralmente os locais fazem. Tudo lá é bem afastado e as pessoas fazem tudo de carro.

    • Olá tudo bem ? Adorei suas dicas, e estou planejando ir em janeiro 2020, ainda está seguro, tomando os devidos cuidados?

  • Oi Larissa, Boa tarde. Adorei as dicas. Vou para o Rio dia 31/10/2019 (chego no Rio as 16hs) e retorno dia 05/11/2019, gostaria que me orientasse a montar um roteiro. Vai eu, meu esposo e minha filha de 1 ano (devido ela ser bem pequenininha não é qualquer programa que dá pra fazer). E como vamos ficar poucos dias queria aproveita o maximo. Obrigada… beijos

    • Oi Dayene, nós não montamos roteiro personalizado, listamos as atrações no blog justamente para os leitores verem o que mais os agrada e montar da forma que preferirem. Dá uma olhadinha no que vcs mais gostam de fazer e divida os dias, de manhã praia e de tarde algum outro lugar.

  • Oi Larissa…ótimas dicas. Conheço o Rio, mas tem tempo que não vou (última vez em 2012). Estou indo agora dia 22/09 até 25/09. Chego domingo 14h. Pode dar algumas dicas pro domingo a tarde até quarta de noite? Ficarei, com a patroa, num hotel em Copa. Bjs e mais uma vez, obrigado!!

    • Oi Gustavo, muita coisa mudou de lá pra cá, mas muita coisa também continua a mesma!
      Aproveitem as praias (Leme e Arpoador), visitem os museus do Amanhã, MAR (só lembrem que a maioria não abre nas segundas), passeiem pelo Boulevard Olímpico, tomem uma cerveja na mureta da Urca. Todas as opções do post são ótimas e que eu super recomendo! O Jardim Botânico também é um lugar muito bonito e que rende lindas fotos!
      Boa viagem e aproveitem o Rio!

    • Oi Larissa, achei muito legal suas dicas. Sou de Recife e eu e meu marido estamos prendendo irmos ao Rio no dia 01/11 e voltarmos no dia 04/11. Estamos pensando em ficar hospedados em Copacabana. Queria saber se daria tempo de fazemos uns passeios legais. Queria ajustar meu tempo e dinheiro. Poderia me dar umas dicas???

    • Oi Patrícia, sim, sempre dá para fazer passeios legais, depende do que vcs estão procurando. Copacabana é o bairro mais procurado do Rio, então lá vcs estarão bem localizados e com várias estações de metrô na porta. E estarão bem perto da praia também, então não tem erro.

  • Olá Larissa, amei as dicas! Estou indo para o rock in rio, e de quebra passarei meu aniversário no rj também. Você teria alguma dica de onde comemorar em plena terça feira? Lugar que tenha musica ao vivo e cerveja gelada é uma boa pedida.
    ahhh, ficarei hospedada em Copacabana!!

    • Olha, terça feira costuma BOMBAR no Canastra, em Ipanema. É um bar em que as pessoas ficam conversando no meio da rua, num clima bem legal. Não tem música ao vivo, mas é bem cheio e popular. Se for com amigos, melhor ainda!
      Um lugar que eu amo no Rio é a Casa Porto, fica um pouco mais longe, no Largo de São Francisco da Prainha. É a imagem do Rio, com samba num prédio antigo conservado e lindíssimo, comida maravilhosa e cerveja barata.

  • Oii, amei as dicas!
    Vou pro Rio em outubro com uma amiga e vamos ficar na casa do tio dela que mora na vila militar, não tenho muita noção, você sabe se é muito afastado de tudo, se tem algo lá perto legal pra conhecer?
    valeuuu, bj

    • Oi Rafael, a vila militar é longe mesmo. Tem muita coisa pra fazer na Zona Norte, mas os pontos turísticos mais famosos do Rio, como os que listamos neste texto, estão concentrados na Zona Sul e no Centro.

  • Adorei o post! Estou receosa em visitar o Rio pelo tanto que falam da violência, mas vou tentar aproveitar. O “problema” é que vou ficar em Queimados, a família do meu marido é de lá. Consigo aproveitar esses passeios estando em Queimados? Rs

    • Oi Ana, noooossa, Queimados é longe demais! Olha, você vai ter que planejar bem o dia e aguentar ficar na rua o dia todo, pra poupar tempo. O deslocamento será de trem + metrô ou ônibus e levará quase 2h até a Zona Sul do Rio. E Queimados não é dos lugares mais seguros, não! Fique atenta 😉

  • Boa tarde, Larissa!
    Eu, meu namorado e um casal de amigos vamos para o RJ em outubro, especialmente para o Rock in Rio.
    Eles já estiveram no RJ algumas vezes, mas eu ainda não conheço. Iremos ficar 3 dias e hospedados em Botafogo. É uma região segura? Fácil acesso?
    Quero muito conhecer as praias do Rio e talvez alguma trilha para ver a cidade do alto. Qual voce indica?
    Muito obrigada.
    Incrivel seu trabalho.

    • Oi Débora, adoooro Botafogo! Moramos do ladinho, em Laranjeiras. Botafogo é cheio de bares e restaurantes super legais, boates, tem shopping e metrô. Podem ficar sossegados. Claro que sempre tem que ficar de olho, mas não é de se preocupar.
      Praias do Rio e amo a do Arpoador e a do Leme. São menos cheias que as de Ipanema e Copacabana. O Arpoador é encantador.
      A trilha do Dois Irmãos é a mais fácil e acessível, fica no final do Leblon, tem que passar por dentro da favela do Vidigal, mas é uma das mais seguras do Rio. Pena que não iremos estar no Rio nesse período, super curtiria fazer a trilha com vocês!

  • Olá Larissa ! Eu, esposa e três filhos estaremos indo ao Rio neste final de semana, onde chegaremos às 12h00 da sexta e sairemos na segunda às 17h00. O único evento já acertado é o jogo Fla X Santos no Maracanã às 17h00 do sábado. Você poderia nos orientar sobre qual passeio ficaria melhor na sexta (após 12h00) e sábado (até as 12h00) ? Meus filhos têm mais de 16 anos, então quais os passeios você indica ?

    • Oi Rogério, depende muito do gosto de vcs.
      Se o tempo estiver bom, eu iria na sexta no Pão de Açúcar + Mureta da Urca e no sábado de manhã na Praia do Arpoador ou Leme.
      Caso seus filhos não curtam muito isso, vocês podem ir à Praça Mauá visitar o Museu do Amanhã e o Boulevard Olímpico.
      Mas a maioria desses passeios do texto funcionam nas sextas e sábados, só ver o que mais agrada a vocês.
      Boa viagem e bom jogo!

  • Muito bacana suas dicas, eu vou conhecer o rio pela primeira vez, vou ficar do dia 9 a 11 novembro…Me recomende lugar para se hospedar no centro, passeios culturais e lugar para beber e curtir samba.

    • Oi Anderson, no centro super indicamos o Belga Hotel que fica praticamente do lado do Museu do Amanhã e da Praça Mauá. Para beber e curtir samba, eu indico a Casa Porto, também ali do lado, é incrível! Comida maravilhosa, cerveja em conta, batida de cachaça com maracujá e gengibre, e samba incrível! Ali do lado, todas as segundas tem o samba da Pedra do Sal, um dos melhores da cidade. Para curtir a noite, a Lapa é sempre uma pedida também, mas ultimamente eu estou frequentando demais a região do Largo de São Francisco da Prainha, que é do lado da Praça Mauá, onde fica a Casa Porto e a Pedra do Sal. Passeios ali no centro indico o tour pelo Centro e Santa Teresa, bairros bem focados na vida boêmia e no samba.

  • Olá Larissa, tudo bem? Então eu mais meu esposo estamos ansiosos para conhecer o Rio. Vamos mês que vem, e estou completamente perdida de onde começar, são tanto lugares rs. Você poderia me ajudar, por onde começamos ? vamos ficar hospedado em Copacabana, e de tudo quero ir visitar a parte do Lagos, de preferência búzios. Qual a melhor forma para se locomover transporte seguro, o que nos indicaria ?? Me ajude por favor! Desde já te agradeço ❤️

    • Oi Fernanda! Conhecemos esse tour para Búzios e este outro para Arraial do Cabo, ambas cidades na Região dos Lagos. Eles buscam e devolvem no hotel. Caso queira ir sozinha, é só ir até a rodoviária do Rio, a Novo Rio, e procurar os ônibus da 1001, que levam até lá. Aí, até a rodoviária, é bom ir de Uber, pq o entorno não é seguro. Caso vá em alta temporada, compre as passagens pela internet, pq elas costumam vender rápido.

  • Larissa, que achado esse blog <3 Adorei as dicas!
    Estou planejando uma viagem em família pro Rio em outubro. Chegaremos num domingo e voltaremos no sábado.
    Acha que vale a pena dividir a a estadia (um pouco no Rio e outro tanto em Arraial)?
    É tranquilo alugar um carro e ir do Rio até Arraial em questões de segurança?
    Desde já, agradeço pela ajuda.

  • Olá Larissa , amei suas dicas . Eu e meu namorando vamos visitar o Rio pela primeira vez , vamos ficar 5 dias . Estamos pensando em ficar em Jacarepagua , não conhecemos nada . Essa localização é boa ? Segura ? e fica fácil acesso aos pontos turísticos ? Obrigada desde já !

    • Não! Como vcs acharam Jacarepaguá? rs
      É muito longe, fora do circuito turístico, e não é dos bairros mais seguros. Não tem pq se hospedar em Jacarepaguá, não.

    • Boa tarde, moro em vila valqueire ( perto de Jacarepaguá) Ném vá para la rsrsrsr( praça seca, cidade de Deus , curicica, tanque , mato alto , freguesia , taquara ) ta perigoso demais !

  • olá larissa, muito boas suas dicas. estarei indo em outubro com minha esposa e ficaremos 5 dias, ficaremos em um hotel na regiao do CENTRO, por ser a primeira vez estamos planejando uma forma de visitar alguns desses lugares nos 5 dias que ficaremos. estava pensando em tirar um dia pra visitar cada grupo de alguns lugares que sejam proximos um do outro. quais desses ficam próximos? separei dessa forma…

    Museu do amanhã
    Aquário
    Mural etnias
    Igreja mosteiro de são bento

    Gávea C.R Flamengo
    Jardim botânico

    Cristo redentor

    Copacabana
    Pão de açúcar

    • Oi Thiago, você dividiu bem as regiões, acho que ficou ótimo. Agora pq vc quer visitar o clube do Flamengo? hahaha
      Brincadeiras a parte, eu incluiria o Parque Lage e uma caminhada pela Lagoa no mesmo dia que o Jardim Botânico, são lugares muito bonitos.

  • Obrigado Larissa pelas dicas. Sou de Curitiba e vamos pela segunda vez para a cidade maravilhosa. Eu amo o Rio. Sou apaixonado por esta cidade. Dia 24/07 Rio estarei aí.

    • Depende se você vai ao Maracanã em dia de jogo ou somente ver o estádio, e se vai por conta própria ou pagar um tour fechado.
      Só a entrada para o Cristo (74) + Pão de Açúcar (99) + Maracanã (60) dá 233 reais.

  • Oi Larissa amei o blog nos vamos ao Rio no final de Outubro e vamos ficar em Ipanema estou a procurar de guias turisticos tem alguem que possa indicar?
    e tambem pode indicar restaurantes bons e baratos

  • Uma dúvida: há interligação entre trem e metrô na Central do Brasil? É preciso pagar nova passagem ao sair do trem e pegar metrô?
    Obrigada!

    • Oi Karina, sim, tem conexão entre o trem e metrô na Central, mas caso você não tenha o Bilhete Único, terá que pagar passagens separadas.

  • Perfeito, adorei o teu poster, objetivo, explicativo, tirou bastante dúvida e me ajudou muito a organizar a minha viagem. Muito obrigado.

  • Oi Larissa, você bem indica o TOURON para fazer bate e volta a partir do Rio de Janeiro? É uma empresa segura? obrigada. Estou no Rio e gostaria de ir a Arraial do Cabo. Obrigada

  • Oi Larissa! De muita ajuda o seu roteiro para quem vai ao rio pela primeira vez. Vou em Outubro para o Rock in Rio e queria saber os lugares que você não recomenda ir nesse período.

  • Oi Larissa; estou indo ao Rio em abril e gostaria de saber o que fazer no domingo, tirando os pontos turisticos que já conheço, o que é legal ? pensei em ir conhecer alguma praia, Búzios ou Arraial do Cabo, mas aí deve ter muito trânsito , né? o que vc me recomenda?

    • Oi Daniela, se for no feriado, vai ter transito sim voltando da Região dos Lagos. Domingo o Aterro e a Avenida Vieira Souto ficam abertos para pedestres e ciclistas, é bem agradável.

  • Oi Larissa, irei ao rock in Rio em outubro, vou aproveitar e conhecer a cidade. Gostaria de saber o motivo pelo qual você não citou a pedra do telégrafo no texto, vou me hospedar em Copacabana, como faço para ir de Copacabana para a pedra do telégrafo?

    • Oi Thayná, eu visitei a Pedra do Telégrafo no mês passado e ainda não atualizei o texto para incluí-la.
      Eu fui até lá com o @riodaytours (perfil no instagram) ou então contata pelo whatsapp: 21 996645853, eles te buscam onde você estiver e levam de volta, além de guiarem pela trilha.

  • Olá Larissa estou indo ao Rio próxima sema . Vou me hospedar da barra da Tijuca . Queria aproveitar ao máximo a cidade do Rio o que faço em 3 dias? Já visitei o Cristo Redendor e o Pão de Açúcar em outra viagem . Me de um roteiro

    • Oi Loleta, nós não montamos roteiros personalizados, mas neste texto em específico existem diversas opções para quem vem pro Rio. Você pode ver quais te agradam mais e que seriam mais proveitosos em relação ao deslocamento e escolher o que fazer 😉

  • Querida Larissa

    Adorei tuas dicas,muito claras e bem escritas!Muito obrigada pela gentileza!
    Amanhã chegamos no Rio!Vou explorar mais o aterro do Flamengo Que conheço pouco!Bjus
    Cláudia

  • Oie Lariss, mto obg por essa matéria toop. Quero ir ao Rio pelo período de maio. Cmo é o clima por aí? Passarei uns 3 dias na cidade e não queria deixar de conhecer arraial do Cabo, como consigo chegar lá da forma mais barata e segura? Mto obg.

    • Oi Vanessa, aqui no Rio é calor praticamente sempre! Até no inverno dá para ir a praia. Costumamos dizer que aqui só existe 2 semanas de frio. Para ir a Arraial, a forma mais fácil e barata é ir até a Rodoviária Novo Rio e comprar a passagem lá direto para a saída mais próxima. Veja os horários no site da 1001. Vá de Uber até a rodoviária e não terá erro.
      Caso queira ir de forma mais segura, melhor contratar um transfer para levar e trazer de Arraial.

  • Bom dia Larissa, final deste ano estamos pretendendo ir para o Rio, com meu irmão. Adoramos ar livre e praias e queríamos saber dicas para hospedagem, e quais praias não devemos deixar de ir para surfar e curtir a noite também.

    • Oi Maria Antonia! Temos um texto só sobre os melhores lugares para se hospedar no Rio de Janeiro. Damos várias opções nos melhores bairros da cidade.
      Sobre as praias, as que eu mais gosto na Zona Sul é a do Leme e a do Arpoador. Para surfe, recomendo a do Leme (próximo a mureta do Leme), a do Diabo e a do Arpoador, Praia do Pepino e do Joá. Já na Zona Oeste, não deixe de ir na Praia da Reserva, da Macumba e na Prainha!
      Para curtir a noite, temos nesse mesmo tempo que você comentou, Lapa, Baixo Gávea, Ipanema, Botafogo…

  • Oi larissa. Estamos indo para o rio agira em março e vamos ficar no flamengo.
    Gostaria de dicas, iremos ficas 3 dias, quais os principais lugares, onde comer e se é seguro a região do flamengo?

    • Oi Helena, vários leitores vindo ficar no Flamengo! É o bairro em que moramos e adoramos! Aqui é super tranquilo e seguro, não trocamos por nada. Sobre lugares para comer, super recomendamos o Balaio, na Travessa dos Tamoios, e o café Le Deux, muito gostoso!
      Para visitar, eu ALTAMENTE recomendo alugar uma das bicicletas do Itaú e pedalar no Aterro a partir da Avenida Oswaldo Cruz, até o Leme. É um passeio maravilhoso e vc pode terminar na praia.

    • Oi Luisa, não aconselho não… Procure a @riodaytours no instagram ou pelo whatsapp do Sérgio: 21 966485853. Diga que foi a Larissa do Vida Cigana que te recomendou, ele pode te dar um desconto. Eles são muito bons e você iria acompanhada. As trilhas do Rio podem ser bem perigosas para quem vai sozinha.

  • Bonjour Larissa,
    Nous partons en famille (5 personnes) le 11/02 Février à Rio pour 10 jours, pour découvrir cette ville attirante, atypique. Je viens de lire tout ton blog et prendre des notes, il est parfait ce blog et m’a permis d’ajouter des visites que je n’avais pas pensé avant de découvrir ton blog. Nous sommes en location Airbnb sur Leblon et pensons nous déplacer avec les transports en commun et découvrir de nous-mêmes, est ce possible avec tout ce qu’on peut lire ou entendre sur l’insécurité ?

  • Ola adorei as dicas,estou indo dia 30.01.19, estou preocupada em questao seguranca ,pode me da dicas o que fazer com seguranca como horarios mais tranquilos, e lugares, se ainda posso usar uber ,bonde tranquilo, e de santa tereza esta funcionando. vou ficar em copacaba.abraco

    • Oi Liana, voltamos ao Rio semana passada e estamos tranquilo. Lógico que é preciso ficar com a atenção redobrada, não dar bobeira com bolsa e celular, mas ontem mesmo, por exemplo, fui à praia de Uber, voltei de noite, usufrui dos bares de Ipanema, tudo bem tranquilo.
      O bonde de Santa Teresa está funcionando sim, e já vi amigos passeando nele essa semana.
      O Rio é perigoso sim, mas acredite que muita coisa é exagero da mídia.

    • Oi Michelle, desculpe a demora, provavelmente vc já esteja no Rio. Sobre lugares gratuitos: Parque Lage; a parte ali do Boulevard Olímpico, sem entrar nos museus; as praias, lógico; Aterro; IMS; Parque das Ruínas; CCBB; as trilhas; os points noturnos; Mosteiro de São Bento; Real Gabinete Português.

  • Ótima informação! Adorei! Vou com meu esposo de férias em agosto! Quero conhecer todos esses lugares. Vamos ficar em Copacabana, tem alguma dica sobre a localização? Algum lugar para comer mais em conta ali perto ? E outra coisa .. a segurança.. O que você recomenda podemos andar de uber é seguro ? De ônibus? De metrô? .. Desde já agradeço.

    • Oi Elisa, em Copacabana existem as mais variadas opções para comer, os mais baratos são os restaurantes com self-service ou prato feito. Se me lembro bem, na esquina da Rua Tonelero com a Anita Garibaldi tem um restaurante chamado Tipicamente que era bem barato e os pratos eram imensos.
      Andar de Uber é seguro sim, assim como de metrô (que é beeem geladinho). Nunca tive problemas com nenhum transporte no Rio, mas vale redobrar a atenção em ônibus e metrô.

  • Larissa, bom dia. Estarei no Rio em Janeiro de 2019. Estive observando nas pesquisas na internet o quanto alimentação ficou cara no Rio, principalmente comida a quilo. Vou ficar no Flamengo e por exemplo liguei para um restaurante a quilo e me falaram que o quilo está R$74,90. Fiquei espantado. Vc poderia me indicar lugares bons e baratos para comer no Rio de Janeiro?

    • Oi Clésio, realmente, os preços no Rio são absurdos, ainda mais visitando outros estados no Brasil. Sobre comida barata, é difícil mesmo, geralmente elas ficam por essa faixa. Moramos no Flamengo (mas estamos fora do país agora) e sabemos bem como é… Nós costumávamos ir no Sabor Local, na Marquês de Abrantes; no Balaio, na Tv dos Tamoios (adoramos!); e no Restaurante da Praça, na Praça São Salvador. São as opções mais em conta que consigo lembrar.

  • Lariii, ameii !! Sou de Recife, estou indo c meu esposo no mês de junho, inclusive, vamos deixar nosso São João pra curtir o Rio. Acredito que tenha um forrozinho pra dançar né !? Beijo grandeee 😘

    • Oi Tamyris! Bom saber que você vai curtir o São João do Rio! Não deixe de ir na Feira de São Cristóvão, que tem forró praticamente 24h por dia e vá também na festa junina da Ilha de Paquetá, que fica mais popular a cada ano!

  • Faltou algumas coisas aí como a Praia da Barra da Tijuca , Grumari e Reserva que pra mim vale muito mais a pena que o Leme já que nada mais é do que uma extensão da praia de copa. A Floresta da Tijuca e a Vista Chinesa é algo que qualquer turista não pode deixar nunca de visitar TB entre outros

    • Oi Machado! Nós vamos acrescentando outras atrações de acordo com a nossa ida a esses lugares. Ainda não fomos nestes outros locais citados por você e não escrevemos sobre lugares que não visitamos ainda, para não passar uma imagem para os leitores sem conhecer bem. Assim quando voltarmos ao Rio, colocaremos suas dicas na lista, obrigada 🙂

  • Olá,gostei mto da maneira como nos fizeste viajar pelo Rio,sinto que já fiquei a conhecer esses lugares.Vou ao Rio com a Minha familia em Outubro de 2019 e Gostaria de ter um guia para passear connosco,Pode me ajudar ou indicar alguém ?Para poder ter uma viagem segura e bem aproveitada.obrigada

    • Oi Patricia, tudo bem? Como sua viagem é só no final do ano que vem, aconselharia você a entrar em contato conosco novamente no meio de 2019, pois com tanta antecedência assim é possível dos planos mudarem e indicarmos alguém que não esteja mais trabalhando nessa área até lá. Tem como você nos lembrar no ano que vem, lá para maio/junho, que retornamos a você? Obrigada

  • Bah Larissa, adorei as dicas e a forma com que passa a informação. Ja fui ao Rio de Janeiro a trabalho, de férias,mas nunca tinha olhado com estes olhos a cidade maravilhosa. Consegui chegar a conclusão que preciso voltar urgentemente para vivenciar estes lugares. Abs

  • Já favoritei, estou indo em fevereiro, nunca fui em praia. Vai ser minha primeira vez na praia e na cidade maravilhosa . Na verdade eu e minha esposa . Iremos ficar em Copacabana . Acha que fiz uma boa escolha ? Copacabana é perigoso? Alguma dica ?

    • Oi Weslei! Nossa, que maravilhoso saber que será sua primeira vez numa praia, não irá se arrepender! O Rio é lindo demais!
      Então, Copacabana é o bairro mais turístico da cidade e acredito que para um turista seja uma boa opção sim, mais barato que Ipanema, mas ainda assim com tudo ao redor. Só fique de olho, Copacabana não é dos lugares mais seguros, especialmente perto do metrô da Siqueira Campos. Mas fiquem tranquilos pois a maioria dos turistas se hospeda ali. Atenção redobrada e tudo certo!

    • Olá tudo bem ? Adorei suas dicas, e estou planejando ir em janeiro 2020, ainda está seguro, tomando os devidos cuidados?

  • Valeu Larissa, muito boa a matéria, vou aproveita-la bem na minha proxima ida ao Rio em fevereiro.
    Nas últimas 3 vezes que fui, nas Olimpiadas, Rock In Rio e Carnaval, eu priorizei a noite, agora vou curtir um pouco dessas atrações descritas por ti.

    • Oi Rafael, obrigada por seu comentário! Irei inclusive adicionar outras dicas, existe tanta coisa legal e diferente pra fazer no Rio que a gente nem imagina! Curta bem a cidade maravilhosa! 🙂

  • Uau, esse aqui é para favoritar e fazer tudo na próxima vez que retornarmos ao Rio. Adorei e obrigado pela indicação e companhia.

House Sitting

vida cigana blog youtube house sitting

vida cigana blog youtube house sitting
rbbv abbv
Banner Seguros Promo

publicidade

hospedado por infinite cloud computing