Home » Destinos » Brasil » 21 melhores praias do Rio de Janeiro [e Niterói]
Brasil

21 melhores praias do Rio de Janeiro [e Niterói]

As 21 melhores praias do Rio de Janeiro: a Praia de Ipanema vista da Pedra do Arpoador durante o pôr do sol, simplesmente magnífica

Vamos fazer uma lista com as melhores praias do Rio de Janeiro e mais 2 em Niterói para que você possa curtir o que tem de melhor no litoral da cidade.

Para falar da cidade do Rio de Janeiro é sempre obrigatório falar de suas praias. A Cidade Maravilhosa e seu litoral são inseparáveis.

No Rio de Janeiro a orla vai de um lado ao outro da cidade. O trecho clássico de praias vai do Leme ao Pontal.

Com inúmeras praias, tanto urbanas como selvagens, o Rio de Janeiro tem em sua costa um pedaço de areia para cada tipo de visitante.

Abaixo vamos descrever aquelas que consideramos as melhores praias da cidade. Assim você poderá escolher qual combina mais com o estilo da sua viagem.

As Melhores Praias do Rio de Janeiro +2 em Niterói

As praias estão entre as maiores atrações turísticas do Rio de Janeiro. A lista está organizada conforme a localização das praias no litoral da cidade.

Assim, a sequência com as melhores praias do Rio de Janeiro inclui:

  1. Praia do Arpoador
  2. Praia de Ipanema
  3. Praia do Diabo
  4. Praia do Leblon
  5. Praia do Vidigal
  6. Praia Vermelha
  7. Praia do Leme
  8. Praia de Copacabana
  9. Praia de Joatinga
  10. Praia da Barra da Tijuca
  11. Praia da Reserva
  12. Praia do Recreio
  13. Praia do Pontal
  14. Praia da Macumba
  15. Praia do Secreto
  16. Prainha
  17. Praia de Grumari
  18. Praia do Perigoso
  19. Praia do Meio, Funda e do Inferno
  20. Praia de Itacoatiara
  21. Praia de Camboinhas

Repare como ao final, eu ainda incluí duas praias em Niterói, como bônus. Ambas são imperdíveis!

Que os cariocas não ouçam (sou niteroiense), mas Itacoatiara é mais bonita do que qualquer praia do Rio.

1.    Praia do Arpoador

O Arpoador é umas das melhores praias do Rio de Janeiro. Nesta foto é a praia em dia de mar calmo, com várias piscinas naturais na areia.

A Praia do Arpoador é um cantinho de Ipanema muito frequentado por locais.

Ela fica ao lado da Pedra do Arpoador, um dos locais mais cinematográficos do Rio. De lá dá pra assistir a um dos pores do sol mais bonitos do mundo.

O Arpoador é uma praia perfeita tanto para famílias como para surfistas.

Em dias de mar calmo, chegam a formar piscinas naturais na areia. Em dias de mar mais agitado, dá pra pegar ondas boas ali perto da pedra.

Para quem quer aprender a surfar, ali na praia também tem escolinhas de surf. É ótimo ter aulas num lugar tão bonito e de fácil acesso no Rio de Janeiro.

2.    Praia de Ipanema

A Praia de Ipanema vista do alto de um dos prédios da orla

A Praia de Ipanema é uma das melhores praias do Rio de Janeiro e, provavelmente, uma das mais famosas do mundo, devido à eterna música Garota de Ipanema.

Um dos bairros mais gostosos (e exclusivos) do Rio pra se viver, Ipanema conta com estações de metrô muito bem localizadas. A facilidade no transporte é um bônus muito bem vindo a quem está indo à praia.

A praia de Ipanema começa no Posto 8 e vai até o Posto 10 (os postos são onde ficam os salvavidas e alguns possuem chuveiro e banheiro para quem precisar usar – são pagos). O posto 9 é conhecido por ser frequentado pela comunidade LGBT do Rio e do mundo inteiro.

Praia gostosa, com água limpa e areia clara, ali você vai encontrar de tudo nas inúmeras barracas de praia. Aproveite!

3.     Praia do Diabo

Vista da Praia do Diabo
Foto de Paulo Henrique pelo Unsplash

A Praia do Diabo fica na sombra de suas irmãs maiores, Arpoador e Ipanema. Muitos visitantes nem sabem que ela existe, mas ela está bem ali, do lado menos frequentado da Pedra do Arpoador.

Pequena, mas com a faixa de areia perfeita para jogar volei ou pegar sol sem ser incomodado, as águas da Praia do Diabo são revoltas, o que faz dela um ótimo local para surfistas.

Para quem quer nadar e ficar de boa, recomendo ir para o outro lado da pedra, pra Praia do Arpoador.

4.    Praia do Leblon

A Praia do Leblon vista da areia, com o Morro Dois Irmãos no fundo
Foto de Raphael Souza pelo Unsplash

O bairro do Leblon tem o metro quadrado mais caro do Brasil. Ali vive a alta sociedade carioca, os protagonistas das novelas do Manoel Carlos.

A Praia do Leblon possui dunas de areia devido a escavação do canal do Jardim de Alah, em 1938.

Ali você terá acesso ao mesmo mar das praias de Ipanema e do Arpoador, mas é recomendável ficar longe do canal. É esgoto saindo dali.

E aconselho que vá cedo também para curtir a praia.

No Leblon costuma ter menos tempo de sol que em Ipanema e Arpoador, pois a faixa de areia fica bem do lado do Dois Irmãos. O morro joga sombra na areia um pouco antes do pôr do sol.

5.    Praia do Vidigal

A Praia do Vidigal vista de um dos prédios da comunidade

Seguindo em direção ao Mirante do Leblon, uns metros mais adiante fica a lindinha Praia do Vidigal. A faixa de areia tem o mesmo nome da comunidade que fica ali em frente.

A favela do Vidigal é uma das mais famosas e acessíveis aos turistas do Rio de Janeiro.

A praia é bastante frequentada por moradores do bairro e por hóspedes dos grandes hotéis que ficam ali no entorno, como o Sheraton.

Tem um visual único, com umas pedras bem grandes no limite entre a areia e o mar.

6.     Praia Vermelha

A Praia Vermelha com o Pão de Açúcar ao fundo
Foto de Gabriel Vicente Veiga

A Praia Vermelha é a primeira das praias do Rio de Janeiro banhadas pelo Oceano Atlântico.

Ou seja, contando a partir do Centro, as que ficam antes dela são banhadas pela Baía de Guanabara e, portanto, não são limpas. A Praia Vermelha é a primeira que é própria para o banho.

Localizada no ilustre bairro da Urca, a Praia Vermelha possui um visual inacreditável, pois fica bem ao lado do Pão de Açúcar.

Ali também é um dos lugares mais bonitos da cidade para ver o nascer do sol. Quer coisa mais romântica do que sentar na areia ao lado do Pão de Açúcar e ver o dia começando?

A Urca não dispõe de estações de metrô. Para chegar até lá de transporte público, você só poderá contar com os ônibus. Se estiver hospedado por perto, experimente ir de bicicleta, que é um passeio e tanto.

7.    Praia do Leme

A Praia do Leme e de Copacabana vistas da Mureta do Leme, um mirante especial

A Praia do Leme é uma das que mais gosto também. Fica no cantinho de Copacabana, na encosta da Ponta do Leme.

No Leme o mar é mais agitado do que nas praias do lado de Ipanema. Por ali muitos surfistas ficam na encosta da mureta para pegar ondas.

Mas não é uma certeza. Tem dias em que a praia está bem tranquila.

Aqui também vale a dica de ir cedo também. O sol ali se põe mais rápido devido a proximidade dos edifícios altos da orla.

E não deixe de visitar a Mureta do Leme, cheio de quiosques e com a vista mais privilegiada de Copacabana, acima do mar. Aproveite para ver por ali a estátua de Clarice Lispector com seu cachorro. A escritora foi uma ilustre moradora do bairro.

Sem estações de metrô também, no Leme suas opções são ir de ônibus ou bicicleta.

8.    Praia de Copacabana

A Praia de Copacabana vista de um dos prédios da Avenida Atlântica

A Praia de Copacabana é a mais famosa do Brasil. Não há dúvida quanto a isso.

Imensa, de se perder a vista, a praia começa no Posto 2 e vai até o Posto 5 da Zona Sul.

Com o banco de areia todo delimitado pelo seu famoso calçadão de pedras portuguesas, Copacabana é a praia mais frequentada também.

Por ser a mais turística, eu não curto muito. A praia está sempre lotada, repleta de turistas. Por ali se concentram a maior parte das hospedagens no Rio.

Na Praia de Copacabana também é onde acontece o reveillón da cidade, o maior do mundo. Um evento que já aglomerou quase 4 milhões de pessoas em suas areias. Ali sempre se apresentam artistas ilustres na virada e conta com fogos que duram 17 minutos.

9.     Praia da Joatinga

Praia da joatinga com trecho da faixa de areia visível
Foto do Vagnão, do Melhores Momentos da Vida

A Praia da Joatinga fica no bairro do Joá, um dos menores bairros do Rio, mas um dos mais luxuosos.

O pequeno bairro é formado por um conjunto de mansões, muitas delas de celebridades. A praia faz parte de um desses condomínios, mas o público em geral pode frequentar.

Na Joatinga o problema todo surge pela dificuldade de acesso. O bairro do Joá conta com só 1 linha de ônibus, que deixa o viajante bem longe da praia.

Para chegar até lá, na prática, só de carro. E depois de estacionar o carro ainda precisa fazer uma trilhazinha no meio das pedras. Mas vale muito a pena.

E um aviso: na Praia da Joatinga, em período de maré alta a faixa de areia desaparece. Fique atento à tabela de marés para programar sua visita.

10.     Praia da Barra da Tijuca

A Praia da Barra da Tijuca vista do Quebra Mar, com suas águas cristalinas e prédios altos
Foto de VinnyWiki

A Praia da Barra da Tijuca é a maior praia do Estado do Rio. Desde o ínicio, onde está o seu Posto 1, até o Posto 8 tem mais de 14 kilômetros de extensão.

Sendo tão comprida, é uma praia que tem espaço pra todo mundo, por isso é ótima!

Mas para frequentar a Praia da Barra, vale um conselho: vá preparado para lidar com os ventos. Por ser bem maior, o ar costuma correr mais solto por ali. Não por acaso, a Barra é bastante propícia a prática de surf, kitesurfing e windsurfing.

Ainda assim, a Praia da Barra é muito tranquila, uma das melhores para um pós praia também. Há inúmeros quiosques e bares para curtir até o fim do dia.

O destaque fica para o trecho inicial da praia, também chamado de Praia do Pepê, que fica mais perto da estação de metrô. Por ali não deixe de confirir os bares e restaurantes da Rua Olegário Maciel.

11.     Praia da Reserva

A Praia da Reserva vazia com águas limpas e céu azul
Foto de Ursula Hille

A Praia da Reserva é a uma extensão da Praia da Barra da Tijuca, mas fica dentro da Reserva Ambiental de Marapendi. Daí recebe seu nome.

A faixa de areia conta com 8 kilômetros de extensão e é bem vazia, pois não conta com construções ao seu redor. É uma área protegida, afinal. Neste trecho a Lagoa de Marapendi separa a praia da área residencial do bairro.

Pra chegar ali, só de carro ou de bicicleta caso esteja hospedado na Barra da Tijuca.

Avantagem é encontrar uma praia limpíssima, com águas super claras. Mas fique atento que a Reserva conta com poucos quiosques e, por isso, é bom levar um lanche por segurança.

12.     Praia do Recreio

A Praia do Recreio com a Pedra do Pontal ao fundo com a faixa de areia em primeiro plano, água e a pedra
Foto de Halley Pacheco

A Praia do Recreio surge logo após a Praia da Reserva. Fica no trecho onde a cidade volta a ter moradias de frente para a orla, ocupando os postos 9 e 10.

A Praia do Recreio se estende até a Pedra do Pontal, aquela mesma da música do Tim Maia que fala “do Leme ao Pontal”, que descreve o trecho “clássico” de praias do Rio de Janeiro.

Como fica bem mais distante das praias mais concorrido, a Praia do Recreio costuma ser mais frequentada por locais e alguns poucos turistas, em sua maioria estrangeiros.

O bairro conta com algumas hospedagens ecológicas bem bacanas, com aulas de surfe incluídas, além de ter uma boa concentração de restaurantes e quiosques.

13.     Praia do Pontal

A faixa de areia da Praia do Pontal que liga a Pedra do Pontal, cheia
Foto de Diego Baravelli

A Praia do Pontal ocupa o espaço localizado entre a Pedra do Pontal e a Pedra da Macumba.

O trecho é formado por uma pequena península que se une à Pedra do Pontal. Possui um visual incrível!

É um local que atraí muitas pessoas que querem escalar a pedra. E vale a pena. Lá do alto a vista é ainda mais bonita.

A Praia do Pontal costuma ficar bem cheia, em especial nos finais de semana e feriados. Para organizar sua viagem de modo mais tranquilo, prefira ir durante a semana.

14.     Praia da Macumba

A Praia da Macumba com águas limpas e vista para a Pedra do Pontal. Perceba como a Praia do Pontal está cheia na esquerda da foto
A Praia da Macumba com vista para a Pedra do Pontal

A Praia da Macumba vai da Pedra da Macumba até o Canal de Sernambetiba.

Por mais que esteja localizada bem ao lado da Praia do Pontal, ela consegue ter um ar bem diferente, mais rústico, dificil de encontrar em outras praias do Rio de Janeiro.

Numa área com poucas edificações, a Praia da Macumba fica numa área de camping dentro de uma mata abundante, nos pés do Morro do Rangel.

É uma praia que eu gosto bastante, bem tranquila, mesmo com o mar um pouco mais agitado, o que beneficia os surfistas.

A dica especial é programar a ida bem cedo para aproveitar o nascer do sol. Ver o sol aparecendo por trás da Pedra do Pontal é maravilhoso.

15.     Praia do Secreto

A Praia do Secreto vista de seu paredão de pedra com a piscina de águas cristalinas na direita
Foto de VinnyWiki

A Praia do Secreto é uma das melhores praias do Rio de Janeiro – ao menos para quem está atrás de boas fotos para o Instagram.

Um dos lugares mais instagramáveis ultimamente no Rio, a praia começou a ficar badalada há pouco tempo.

Normalmente poucas pessoas vão até lá, porque para chegar ali é preciso fazer uma trilha entre as pedras.

Além disso, a Praia do Secreto é daquelas em que a faixa de areia só aparecem em períodos de maré baixa. Confira a tábua das marés antes de ir.

A vantagem do esforço é encontrar uma piscina natural de tons de azul de dar inveja ao Caribe que se forma entre duas rochas. É um oásis em pleno Rio.

A trilha para o Secreto começa no Mirante do Roncador.

16.     Prainha

A Prainha vista da estrada que dá acesso a ela, com águas agitadas, uma montanha atrás cheia de verde e a faixa de areia na direita
Foto de Lívia Buhring

A Prainha é mais uma das praias rústicas do Rio. Fica localizada entre a Praia do Secreto e a Praia de Grumari. Com um pequeno estacionamento e somente 2 quiosques, é bom chegar cedo para não se estressar.

Mesmo antes de chegar, a vista da pista que leva até a Prainha é sensacional. De lá dá pra ver toda a faixa de areia de cima.

A Prainha, como boa parte das praias da Zona Oeste, é ótima para surfe, especialmente no trecho mais próximo das pedras, onde as ondas se formam.

17.     Praia de Grumari

Vista da Praia de Grumari
Foto da nossa amiga Angie, do Apure Guria!

A Praia de Grumari é outra das praias rústicas do Rio e uma delícia.

Grumari é uma das melhores praias do Rio de Janeiro porque faz até a gente esquecer que ainda estamos na cidade grande.

Cercada por uma mata fechada, fica em meio às montanhas do Parque Natural Municipal de Grumari. Para chegar até lá, só indo de carro ou fazendo trilha a partir de Barra de Guaratiba.

Bem grandinha, mas sem muita infraestrutura, numa ida a Grumari o ideal é levar um lanchinho pra ficar bem tranquilo durante o dia.

Fora isso, é só aproveitar suas águas cristalinas e areias brancas.

Um setor da praia, depois das pedras, é destinado a quem faz nudismo.

18.     Praia do Perigoso

A Praia do Perigoso vista de cima, com a Pedra do Elefante ao fundo
Foto de Daniela Lopes Segadilha

A Praia do Perigoso é lindíssima, um verdadeiro paraíso escondido e de acesso limitado.

Para chegar a Praia do Perigoso, só fazendo uma trilha que começa na Praia da Barra de Guaratiba. A indicação exata é na Estrada da Praia de Guaratiba, 300.

Uma escadaria irá levar até um trecho entre umas casas, para depois entrar em mata fechada. A trilha inteira até a Praia do Perigoso leva uma hora de caminhada.

No meio do caminho, dependendo do percurso que fizer, dá pra chegar na Pedra da Tartaruga. Da Pedra é possível ver a praia do alto. Na Pedra da Tartaruga também é possível fazer rapel, mas é preciso reservar com antecedência.

A Praia do Perigoso é a primeira das Praias Selvagens do Rio. Neste grupo de praias o acesso só é possível fazendo trilha.

A recompensa é, com sorte, pegar uma das melhores praias do Rio de Janeiro deserta. Algumas pessoas costumam acampar ali.

19.     Praia do Meio, Funda e do Inferno

As praias do Meio, Funda e do Inferno também fazem parte das Praias Selvagens do Rio.

As três são acessíveis somente por trilha (a mesma trilha para a Praia do Perigoso). Depois de passar pela Praia do Perigoso, o visitante pode caminhar mais meia hora até a Praia do Meio. De lá, mais meia hora até a Praia Funda, e desta, mais 10 minutos até a Praia do Inferno.

A trilha não é fácil. É um percurso que só aconselho a quem tem alguma experiência. Lembre-se que depois você irá ter que voltar tudo a pé, da mesma forma.

Nestas praias o mar pode bater bastante. Em períodos de maré alta ou dias de ressaca, a faixa de areia some. Consulte a tábua das marés e a previsão do tempo para o Rio de Janeiro antes de ir.

20.     Praia de Itacoatiara

A Praia de Itacoatiara vista do alto do Costão, com a praia lá embaixo

A Praia de Itacoatiara fica em Niterói, cidade vizinha do Rio.

Itacoatiara é um dos bairros mais afastados do Centro, localizado nos limites da cidade. Quem vai até lá saindo do Centro do Rio de carro, leva pelo menos uma hora para chegar. Mas vale cada minuto.

Pra mim, a Praia de Itacoatiara é ainda melhor do que as praias do Rio de Janeiro. Tem um toque selvagem, mas conta com muita infraestrutura ao redor.

Em Itacoatiara a praia costuma ter ondas fortes. Mas para quem quer ficar na segurança, basta optar pela Prainha de Itacoatiara, que fica no canto direito da praia. A Prainha é uma piscina natural localizada entre as pedras.

Por falar em pedras, no lado esquerdo da praia fica outra atração local, o Costão de Itacoatiara. A pedra gigantesca é possível de ser escalada numa trilha de fácil para mediana. A recompensa é poder ver toda a praia e até o Rio de Janeiro lá do alto.

21.     Praia de Camboinhas

A Praia de Camboinhas durante o pôr do sol, com a silhueta do Rio lá ao fundo

Camboinhas é outras das praias de Niterói que recomendo a visita também para quem está hospedado no Rio de Janeiro.

A Praia de Camboinhas é gigantesca. Mesmo que esteja muito cheia, sempre terá bastante espaço pra você.

O mar de Camboinhas tem as águas mais escuras do que as praias vizinhas, como Itacoatiara, por exemplo. Não sei explicar o porquê. Mas o mar é uma delícia em dias de calmaria.

O bairro de Camboinhas só é acessível aos carros. Ao chegar lá parece que o visitante está entrando em um condomínio particular. Durante sua visita, aproveite os inúmeros quiosques a beira mar com ótimos pratos a base de peixe.

Salve estas dicas do Rio de Janeiro no Pinterest!

Uma lista completa com as melhores praias do Rio de Janeiro, que vai desde a Praia Vermelha, no bairro da Urca, até a Praia do Perigoso, em Sernambetiba. Veja as dicas de como chegar e as características de cada uma para saber qual combina mais com você.
As melhores praias do Rio de Janeiro que cita a orla toda, desde a Urca a Sernambetiba, passando pela zona Sul até a Zona Oeste. Cada um dela com características distintas, perfeita pra você escolher quais visitar.
 

ORGANIZE SUA VIAGEM!

HOSPEDAGEM

No Booking.com estão cadastradas as melhores opções de hotéis e albergues. Reserve com direito a cancelamento gratuito e viaje com mais tranquilidade.

CONTA GRÁTIS NA EUROPA

Abra uma conta online no Banco N26 para ter um cartão com saldo em euros para suas viagens internacionais.

SEGURO VIAGEM

Use nosso Comparador de Seguro Viagem. Com nossa parceria com a Seguros Promo, vamos te ajudar a encontrar os melhores planos de seguro para o seu destino. Use o cupom VIDACIGANA5 e receba 5% de desconto na hora do check out.

ROAD TRIP

Alugue um veículo com a RentCars.com para sua viagem. Compare os preços de diferentes locadoras, pague em Reais, sem IOF e parcelado em até 12 vezes.

Sobre o Autor

Larissa

Larissa é nascida em Niterói/RJ, mas já estudou em Nova York e morou na Nova Zelândia por um ano antes de iniciar a volta ao mundo que terminou em 2016. Sonhando em viajar desde que se entende por gente, mantinha um caderno cheio de recortes de jornais e revistas sobre o Egito quando tinha 7 anos de idade. Hoje esse caderno é virtual e engloba vários destinos. Os “recortes” são produzidos por ela e pelo Carlos, semanalmente, no Vida Cigana.

2 Comentários

Todos os comentários serão moderados previamente conforme as políticas do blog. Serão publicados e respondidos apenas após aprovação.

Clique aqui para deixar um comentário.

House Sitting

vida cigana blog youtube house sitting

vida cigana blog youtube house sitting
abbv