Home » House Sitting » Quanto custa viajar por house sitting?
House Sitting Planejamento

Quanto custa viajar por house sitting?

quanto custa viajar por house sitting vida cigana

Sempre falamos de como é possível através de house sitting conseguir hospedagem gratuita em todo o mundo e diversas vezes nós já escrevemos reforçando a idéia que house sitting pode ser o caminho para que qualquer pessoa alcançar aquela viagem tão sonhada. Mas afinal, quanto custa viajar por house sitting?

Reduzir a zero os custos de hospedagem não só diminui enormemente os custos de nossa viagem como faz com que nossa despesa para viver e viajar pela Nova Zelândia seja inferior ao que gastaríamos para morar no Brasil.


 Quer entrar no mundo de house sitting? Faça seu cadastro no Trusted Housesitters!


Você sabe quanto custa viver no Brasil?

Para entender como isso é possível, primeiro tente imaginar o valor que você gasta apenas para se manter em sua casa. Some seus gastos mensais com aluguel, contas de luz, água, internet e celular, taxas bancárias, manutenção do carro, gasolina (ou passagens de ônibus), alimentação e qualquer outro tipo de despesa fixa que você tenha. Muita gente nem para pra pensar nisso, mas ter esse valor em mente é o primeiro passo para conseguir administrar seu dinheiro e planejar uma viagem.

E quanto custa uma viagem para a Nova Zelândia?

Nós, quando viajamos, fazemos o planejamento baseados em um valor fixo de dólares por dia de viagem para cada pessoa – o mesmo utilizado por Guias de Viagem renomados, como a Lonely Planet, por exemplo.

Com esse sistema, basta multiplicar o valor estimado por dia pelo número de dias da viagem e somar o resultado ao preço da passagem aérea para chegar ao orçamento final.

No caso da Nova Zelândia, a Lonely Planet estima entre 75USD e 100USD o custo de uma viagem em economia extrema, ou até 200USD para quem deseje algum conforto.

Nós estamos gastando 18USD.

Não acredita? Nós vamos demonstrar com números.

O custo de viver um mês inteiro em uma só cidade.

Para entender os valores é preciso dizer que o último mês de Março nós passamos inteiramente no House Sitting de Manapouri. Foram 31 dias sem pagar hospedagem e com dois carros, de graça, na garagem.

Manapouri fica bem isolada do resto do país e não tem muita infraestrutura. Com isso, gastamos muito com gasolina, pois cada vez que precisávamos ir ao supermercado ou a um restaurante, tínhamos que dirigir 20km até a cidade mais próxima, sendo 40km cada viagem de retorno, portanto.

Não só isso, mas por conta do trabalho, íamos ao menos uma vez por semana fotografar em Queenstown (350km ida e volta). Além de duas vezes termos encarado a estrada até Milford Sound (280km) e outras duas até Invercargill (290km).

O isolamento de Manapouri também colabora para a inflação dos preços cobrados por aqui nos restaurantes, supermercados e postos de gasolina. Enquanto em Auckland pagávamos 1,54 NZD pelo litro de gasolina, aqui não encontramos por menos de 1,96 NZD (quase 30% mais caro).

Em compensação, além de não termos despesa com estadia, também não precisamos colocar a mão no bolso para conhecer as atrações da região, já que a única que pagaríamos, o cruzeiro pelo Milford Sound, conseguimos também de graça, como explicamos no post sobre ele.

E afinal, quanto custa viajar por house sitting?

Entendidas as considerações acima, vamos aos números:

MARÇO/2015VALOR (NZD)PORC. %
HOSPEDAGEM0,000,00%
SUPERMERCADO553,3935,63%
RESTAURANTE324,0020,86%
GASOLINA630,8740,62%
CELULAR40,002,58%
TAXAS BANCÁRIAS5,000,32%
TOTAL GASTO (2 PESSOAS)1553,26100,00%
DIAS31
CUSTO POR DIA (NZD)50,11
CUSTO POR DIA (USD)37,49
CUSTO POR PESSOA (USD)18,75

Em 15/Abril de 2015 1NZD=0,74USD=R$2,32

Mil e quinhentos dólares neozelandeses por mês pode parecer muito (não é), mas repare este valor é para duas pessoas e é o equivalente àqueles 18USD por dia, por pessoa, que falamos anteriormente.

Estamos gastando menos para conhecer a Nova Zelândia (mesmo vivendo em uma cidade cara como Manapouri) do que nos custou nossas viagens para a Bolívia ou para a Guatemala, dois dos países mais baratos que já conhecemos, onde gastávamos de 25USD a 30USD por dia cada um.

Ainda falta alguma coisa para te convencer que house sitting é a melhor opção possível para economizar em suas viagens?

ORGANIZE SUA VIAGEM!

PASSAGEM AÉREA
Use o Kayak para descobrir qual empresa tem as passagens aéreas mais baratas para sua viagem.

HOSPEDAGEM
No Booking.com estão cadastradas as melhores opções de hotéis e albergues. Reserve com direito a cancelamento gratuito e viaje com mais tranquilidade.

AIRBNB
Já experimentou alugar um apartamento no Airbnb? Ganhe até R$180 em créditos para usar em sua primeira reserva no site.

SEGURO VIAGEM
Com a Seguros Promo é possível comparar a cotação de diversas companhias, garantindo o melhor custo/benefício na contratação. Use o cupom VIDACIGANA5 e receba 5% de desconto em seu seguro viagem

ROAD TRIP
Alugue um veículo com a RentCars.com para sua viagem. Compare os preços de diferentes locadoras, pague em Reais, sem IOF e parcelado em até 12 vezes.

Sobre o Autor

Carlos

Carlos nasceu em Petrópolis/RJ. Quando tinha 20 anos decidiu que, sozinho, viajaria para o lugar mais distante que pudesse com o primeiro dinheiro que conseguiu acumular. Após muita pesquisa e economia, saiu do país pela primeira vez e rodou por quatro países. De ônibus. Nos anos seguintes dificilmente havia um em que não estivesse planejando outra viagem. Hoje o produto destas pesquisas é compartilhado publicamente aqui, no Vida Cigana.

6 Comentários

Todos os comentários serão moderados previamente conforme as políticas do blog. Serão publicados e respondidos apenas após aprovação.

Clique aqui para deixar um comentário.

  • Bom dia pessoal do V.C

    A possibilidade de não conseguir migrar da primeira house sitting para a segunda e alta? Nao gostaria de ficar sem teto rs.

    • Oi Michael, depende da sua flexibilidade em relação aos destinos. Migramos do primeiro para o segundo emendando um no outro, mas estávamos abertos a qualquer cidade. Mas isso não ocorreu sempre.

  • Olá. Assim como disse o Alex, o site e os textos são inspiradores. Tenho vontade de conhecer o que existe fora daqui do Brasil, e o house sitting parece ser uma ótima maneira realmente. Mas ainda não entendo direito essa questão do trabalho.

    Vocês que escreveram o texto, por exemplo, são fotógrafos? e assim conseguiram arranjar trabalhos nessa área aí na Nova Zelândia, e assim estão se mantendo financeiramente? eu tenho tanta vontade de embarcar numa dessas, mas não tenho uma profissão que poderia “carregar” comigo e me virar seja onde fosse. Então creio que não seja muito indicado para mim, né?

    • Oi Anna,
      No Janelas Abertas tem um texto com outros exemplos de pessoas que seguem este estilo de vida/viagem. E o 360 Meridianos escreveu um post com vários exemplos de profissões para quem quer seguir esse caminho.
      O melhor conselho é que, caso este seja o seu sonho, que busque se aperfeiçoar em algo que dê para carregar consigo pelo mundo. A Larissa já trabalha profissionalmente como fotógrafa há anos e ao longo do tempo eu, mesmo arquiteto por formação, acabei aprendendo a fotografar e hoje estamos os dois aqui, viajando e trabalhando juntos.

  • O blog de vocês é tão inspirador. Eu estou doido para começar a minha viagem pelo mundo. Sou estudante de T.I e espero conseguir serviços que eu possa trabalhar a distância para trabalhar enquanto viajo. Espero que continuem publicando os artigos que são muito motivadores. Abraços.

    • Obrigado Alex!
      Cara, vc ta no caminho certo. A área de TI é a que mais tem oferta atualmente, praticamente todos os países que pesquisamos oferecem visto facilmente para quem tem formação na área. Mas se vc quiser ter liberdade para viajar mesmo, o ideal é se focar em conseguir trabalhar remotamente.
      Um abraço,
      Carlos

House Sitting

rbbv abbv

publicidade

hospedado por infinite cloud computing