Home » Bélgica » Onde ficar em Bruges: 3 melhores regiões e hotéis
Bélgica

Onde ficar em Bruges: 3 melhores regiões e hotéis

Onde ficar em Bruges: A Grote Markt, a praça principal de Bruges, o centro histórico da cidade

Você está indo para a Bélgica e não sabe onde ficar em Bruges? Esse texto vai ajudar você a entender melhor a cidade e planejar seu roteiro de viagem da forma certa.

Bruges é uma cidade localizada no noroeste da Bélgica. É conhecida por seus canais, ruas de paralelepípedos e edifícios medievais. Por sinal, seu centro histórico é um Patrimônio Mundial da UNESCO e sua praça central é tida como uma das mais belas da Europa.

Ao visitar Bruges, há algumas coisas que você definitivamente não quer perder. As principais atrações de lá são a belíssima Grote Markt, a Rua Steenstraat, a Ponte de São Bonifácio, entre outros. E o bom da cidade é que ela é toda caminhável, sendo possível ver grande parte de seus pontos turísticos sem grande esforço.

A cidade é bem pequena, mas escolhemos seus melhores cantos para que sua hospedagem seja a melhor possível. A sua escolha deve estar alinhada com o seu perfil e orçamento de viagem e o que você espera visitar ou encontrar.

Continue lendo para saber onde ficar em Bruges, com as melhores regiões e hoteis da cidade.

Onde ficar em Bruges: 3 melhores regiões para se hospedar

Onde ficar em Bruges: Um prédio numa bifurcação, da Idade Média, com um restaurante no seu piso térreo

Como Bruges é uma cidade menor (em relação às principais capitais da Europa), é de se esperar que a cidade tenha suas atrações divididas entre poucas regiões. Muitas delas se concentram no Centro Histórico, ao redor da Grande Praça, mas em algumas áreas fora desse miolo podem ser encontrados hotéis de luxo que fornecem mais do que o básico.

Os principais pontos na hora de saber onde ficar em Bruges incluem apenas os 3 seguintes bairros:

  1. Grote Markt (Centro Histórico de Bruges)
  2. West Brugge Quarter
  3. Magdalena Quarter

Abaixo você verá de forma detalhada sobre o que você irá encontrar em cada um deles.

1. Grote Markt (Centro Histórico de Bruges)

A Grote Markt, com seus prédios medievais e bandeiras coloridas penduradas

A melhor região para ficar em Bruges é a Grote Markt, onde você pode encontrar as principais atrações e pontos turísticos da cidade.

O centro histórico fica ao redor da grande praça central (Grote Markt), considerada uma das mais belas da Europa. Ali ao redor ficam a Rua Steenstraat (a rua comercial, cheia de lojas), a Praça Jan van Eyckplein (praça a beira do canal), a Igreja de Nossa Senhora e a Basílica do Sangue Sagrado.

Além disso, ficar ali é muito bom para visitar outros pontos turísticos de Bruges, já que é a região mais centralizada e, por isso, também é equidistante de praticamente todos os bairros e regiões.

Abaixo, eu trouxe uma lista dos melhores hotéis na hora de escolher onde ficar na Grote Markt/Centro Histórico de Bruges.

  • Hotel Acacia: suas acomodações são confortáveis e os quartos muito bem equipados e decorados de forma clássica e aconchegante. Seu terraço tem um charme em especial, e pode ser o lugar perfeito para um reforçado café da manhã preparado no próprio hotel. A localização do Acacia também garante conforto para sua viagem.
  • Boutique Hotel Sablon: oferece a seus hóspedes uma experiência única, onde é capaz de unir o ambiente histórico do prédio ao luxo contemporâneo em suas instalações completamente renovadas. Com muita arte, as áreas comuns desse hotel são um espetáculo a parte com artigos de decoração que fazem desse um lugar ímpar.
  • Hotel Dukes’ Palace: esse 5 estrelas é ideal para aqueles turistas apreciadores de arquitetura medieval. Afinal, o Duke’s Palace está situado em um palácio ducal construído no século XV. O hotel ainda conta com um bar instalado em seu lounge e caso o clima esteja bom, é possível realizar refeições servidas pelo bar no belo jardim.

2. West Brugge Quarter

Um prédio de tijolos ocre na beira do rio que contorna a cidade de Bruges

Como o próprio nome já diz, o West Brugge Quarter é um bairro a oeste da região central de Bruges. Nessa parte da cidade não há grandes atrações e pontos turísticos, porém ficar lá pode ser mais barato e mais fácil caso venha de trem de outras regiões da Bélgica (fica ao lado da estação ferroviária que vem de Bruxelas).

Além disso, West-Brugge Quarter também traz a vantagem de ser um lugar mais tranquilo do que o centro histórico.

Resumindo, ali é um lugar prático para se hospedar em Bruges. Perto do transporte, ou seja, você não terá que puxar a mala de rodinhas pelas ruas de paralelepípedo, mas estará muito perto do miolo da cidade.

  • Hotel Les Bois de Bruges: seu interior possui uma decoração aconchegante e seus quartos são muito acolhedores. O Les Bois de Bruges é muito elogiado pela hospitalidade da equipe e também por seu restaurante Morningstar, que fornece um cardápio sazonal para o almoço à la carte. Já seu lobby conta com um bar ideal para alguns drinks.
  • NH Brugge: bem em frente ao Concert Hall está um antigo mosteiro belga que hoje é a sede do NH de Brugge. Seus quartos são mobiliados com móveis rústicos e são, ao mesmo tempo, espaçosos, confortáveis e aconchegante. É possível saborear uma cerveja nos jardins e apreciar um livro em seu terraço. O NH também aceita animais de estimação.
  • Grand Hotel Normandy: seus quartos são todos espaçosos com decoração clássica com toques de modernidade. Para drinks, o Grand Hotel possui um bar que serve cervejas e outras bebidas locais. Os hóspedes ainda podem fazer exercícios na academia do hotel e até mesmo dar um (ou vários) mergulhos em sua piscina coberta aquecida.

3. Magdalena Quarter

Foto de Suhail Kazi pelo Unsplash

Magdalena Quarter é uma área de Bruges feita para viagens em família ou por viajantes que procuram muito conforto e ambientes mais luxuosos. É perto o suficiente de tudo e ainda está fora do caminho de muitas atrações para mochileiros e albergues econômicos. Como tal, você pode esperar que o Bairro Magdalena seja calmo e sereno.

Também está cheio de parques e lojas, então você pode fazer uma caminhada relaxante com seu chocolate quente pela manhã. Não perca o Queen Astridpark e o Groeninemuseum.

  • Hotel Jan Brito: a antiga residência de uma baronesa da Idade Média foi inteiramente renovada para sediar o hotel Jan Brito. É um hotel de 4 estrelas ideal para quem busca conforto próximo ao centro de Brugges. Seus quartos são patrimônio pela UNESCO, mas, as acomodações contam com toda a modernidade para fornecer a seus hóspedes conforto.
  • The Pand Hotel: essa bela mansão datada do século XVIII mantém o ar romântico da época em sua estrutura e decoração exclusiva. As áreas comuns são decoradas com classe e possuem lustres clássicos e tecidos assinados por ninguém menos do que Ralph Lauren. Para momentos tranquilos, você pode se aquecer junto à lareira instalada na biblioteca.
  • Dukes’ Academie: repleto de elegância, os hóspedes desse hotel constantemente se encantam com a amabilidade da equipe e com os quartos que são amplos e muito confortáveis, decorados com tons românticos e acolhedores. O café da manhã pode ser contratado por uma taxa a mais e é muito recomendado pelos seus hóspedes.
Tem alguma dúvida? Veja mais dicas no Instagram @vidaciganablog

ORGANIZE SUA VIAGEM!

CARTÃO DE DÉBITO INTERNACIONAL

Abra uma conta online na Wise e peça o seu cartão de débito para economizar em suas viagens internacionais.

SEGURO VIAGEM

Use nosso Comparador de Seguro Viagem. Com nossa parceria com a Seguros Promo, vamos te ajudar a encontrar os melhores planos de seguro para o seu destino. Use o cupom VIDACIGANA5 e receba 5% de desconto na hora do check out.

HOSPEDAGEM

No Booking.com estão cadastradas as melhores opções de hotéis e albergues. Reserve com direito a cancelamento gratuito e viaje com mais tranquilidade.

ROAD TRIP

Alugue um veículo com a RentCars.com para sua viagem. Compare os preços de diferentes locadoras, pague em Reais, sem IOF e parcelado em até 12 vezes.

Sobre o Autor

Larissa Pereira

Larissa é nascida em Niterói/RJ, mas já estudou em Nova York e morou na Nova Zelândia por um ano antes de iniciar a volta ao mundo que terminou em 2016. Sonhando em viajar desde que se entende por gente, mantinha um caderno cheio de recortes de jornais e revistas sobre o Egito quando tinha 7 anos de idade. Hoje esse caderno é virtual e engloba vários destinos. Os “recortes” são produzidos por ela e pelo Carlos, semanalmente, no Vida Cigana.

Deixe seu comentário

Todos os comentários serão moderados previamente conforme as políticas do blog. Serão publicados e respondidos apenas após aprovação.

Clique aqui para deixar um comentário.

House Sitting

vida cigana blog youtube house sitting

vida cigana blog youtube house sitting
cartão wise
abbv