Home » Cuba » 7 formas de conseguir o Visto para Cuba
Cuba

7 formas de conseguir o Visto para Cuba

Visto para Cuba: As ruas de Havana com seus carros antigos

O visto para Cuba é obrigatório para todos os turistas que planejam uma viagem para o país. Por mais que a burocracia para tirar um documento como este seja sempre algo que assuste a primeira vista, no caso do visto de Cuba há várias opções para realizar o processo e muitas delas podem torná-lo algo bem simples.

Documentos obrigatórios para viajar para Cuba

O visto cubano é só mais um dos documentos exigidos ao viajante para que possa fazer turismo no país.  O viajante deve se planejar para que tenha todos em mãos e evite qualquer surpresa desagradável ainda no aeroporto de embarque ou no desembarque em Cuba.

Os documentos obrigatórios para viajar para Cuba são:

Abaixo vamos apresentar 7 formas de conseguir o visto para Cuba. Ao fim você perceberá que apesar de uma viagem a Cuba ser cercada de muitos mistérios, o processo para conseguir o visto não é um deles.

Saiba mais: Como montar um roteiro em Cuba para uma viagem perfeita.

7 Formas de conseguir o Visto para Cuba

Visto para Cuba: A bandeira cubana no Hotel Nacional

O visto cubano de turismo é chamado de “Tarjeta Turística”. É uma autorização que permite que cidadãos estrangeiros visitem Cuba a turismo por até 30 dias, prorrogáveis por mais 30, se necessário. Por não ter todo o processo formal de um visto tradicional, a tarjeta turística é facilmente obtida em qualquer representação consular cubana, através de agências de viagens ou, de modo ainda mais simples, diretamente em seu ponto de embarque para a ilha.

No total, vamos listar abaixo 7 formas diferentes de conseguir o Visto de Cuba:

  1. Presencial
  2. Por Correio
  3. Via Despachante
  4. No aeroporto no Brasil
  5. No aeroporto de conexão
  6. Nos aeroportos em outros países
  7. Nos portos de embarque de cruzeiros

As duas primeiras são realizadas nas representações consulares de Cuba no Brasil. Estas e mais a opção de fazer o processo junto a uma agência de viagens habilitada, são as formas de o viajante ter o visto cubano em mãos com antecedência. São também os métodos mais burocráticos, que exigem mais documentos a serem apresentados.

Já as opções de retirar o visto cubano diretamente nos portos e aeroportos de embarque, no dia da viagem a Cuba, são bem mais simples. Não exigem qualquer documentação além de seu passaporte e do pagamento da taxa de emissão. São as melhores alternativas a quem mora longe de um consulado ou embaixada cubana.

Leia também: Qual a melhor época do ano para viajar para Cuba?

1.     Visto para Cuba Presencial, nas Representações Consulares

Visto para Cuba: O lindo pôr do sol em Trinidad

O visto de Cuba pode ser obtido do modo tradicional, indo pessoalmente a uma representação consular do país. No Brasil existem 4 representações diplomáticas cubanas em funcionamento: a Embaixada, em Brasília, e mais 3 Consulados Gerais, em São Paulo, Salvador e Manaus.

Os endereços, dados de contato e horários de funcionamento de cada representação diplomática cubana no Brasil, são:

Em Brasília:

SHIS QI 5, Conjunto 18, Casa 1. Lago Sul, Brasília-DF | CEP 71615-180

Telefone: (61) 3248-4710 | E-mail: embacuba@uol.com.br

Horário de atendimento consular: de segunda a sexta, de 10h às 13h

Em São Paulo:

Rua Cardoso de Almeida, 2115. Sumaré, São Paulo-SP | CEP 02151-001

Telefone: (11) 2369-8824 ou (11) 2369-8825 | E-mail: reconsular@uol.com.br

Horário de atendimento: de segunda a sexta, de 09:30 às 12:30

Atualmente os vistos são emitidos apenas às segundas, terças e quintas, conforme relato de nossos leitores.

Em Salvador:

Rua Lord Crochane, 66. Barra, Salvador-BA | CEP 40140-070

Telefone: (71) 2137-5647 | E-mail: consulcubabahia@uol.com.br

Horário de atendimento: de segunda a sexta, de 09:30 às 12:30

Em Manaus:

Rua Jacareúbas, 6. Conjunto Kissia, Bairro Dom Pedro, Manaus-AM | CEP 69040-260

Telefone: (92) 3347-8565 | E-mail: consulgeneral@mnbr.consulcuba.cu

Horário de atendimento: de segunda a sexta, de 09:30 às 12:30

O visto cubano presencial, passo a passo

Para solicitar um visto para Cuba nas representações diplomáticas do país no Brasil, o viajante precisa apresentar os seguintes documentos:

  • Passaporte válido
  • Passagem aérea com data de ida e volta
  • Confirmação de hospedagem com endereço
  • Formulário de visto de turista preenchido
  • Taxa consular para o serviço paga previamente

Para evitar contratempos, entre em contato com a Embaixada/Consulado escolhido, solicite a confirmação do valor das taxas a serem pagas. O pagamento deve ser feito por transferência bancária em data anterior à solicitação dos serviços consulares. (os dados bancários são enviados por eles por email)

De posse da documentação, não é necessário agendar horário. O visto cubano é entregue na hora, no mesmo dia da solicitação.

Além disso, o requerimento pode ser feito por terceiros – uma só pessoa pode fazer o pedido para a família inteira – e não é necessário ter procuração, mas será cobrada uma taxa extra pelo serviço.

Fique de olho: Seguro Viagem em Cuba é obrigatório para todos os turistas.

2.     Visto para Cuba solicitado por Correio

O viajante, caso viva numa cidade onde não há representação consular cubana, e queira garantir seu visto de Cuba com antecedência, pode solicitá-lo por Correio junto a Embaixada/Consulado da jurisdição de onde mora.

Os documentos para fazer a solicitação por Correio são:

  • Cópia do passaporte
  • Cópia da passagem aérea com data de ida e volta
  • Taxas consulares para o serviço pagas previamente
  • Envelope de retorno endereçado e com selos pagos para envio do visto

Ao iniciar a solicitação, entre em contato com a Embaixada/Consulado nos contatos listados acima para confirmar o valor das taxas a serem pagas. O pagamento para quem solicita o visto por via postal também deve ser feito por transferência bancária. (solicite os dados bancários por email ao responsável do setor consular)

3.     Visto cubano via serviços de despachantes

seguro viagem cuba

O viajante que mora afastado de uma das representações consulares cubanas pode ainda contratar um serviço de despachante que faça o procedimento em seu nome. É a forma mais cara de se conseguir o documento, visto que serão cobrados honorários em cima do valor do visto, mas é uma possibilidade a quem faz questão de ter o documento em mãos com antecedência sem se preocupar em ir pessoalmente retirá-lo.

Algumas agências de despachantes que oferecem este serviço de emissão do visto para Cuba são a Mundo dos Vistos e a Shultz Vistos.

4.     No aeroporto no Brasil

O que fazer em Havana

Para quem viaja do Brasil a Havana com a Copa Airlines:

Para quem viaja a Cuba com a Copa Airlines, fazendo a conexão na Cidade do Panamá, a empresa oferece aos seus passageiros o visto cubano no balcão de check in, no momento do embarque. O turista não precisa se preocupar em conseguir o documento com antecedência, basta solicitar ao atendente e pagar uma taxa de US$20.

5.     No aeroporto de conexão

seguro viagem cuba

Para quem viaja do Brasil a Havana com a Copa Airlines:

Na eventualidade de a Copa não ter o documento na hora do check in, o mesmo pode ser adquirido no portão de embarque do vôo de conexão, no Aeroporto da Cidade do Panamá. Lá, o processo é idêntico ao feito pela companhia aérea ainda no Brasil.

Para quem viaja para Cuba com a LATAM:

Para os passageiros da LATAM, o visto cubano é oferecido no portão de embarque do vôo de conexão, em Lima, pela LATAM Peru. O procedimento é simples e sem qualquer burocracia. Custa US$20 e basta preencher a tarjeta turística com os dados do seu passaporte.

Atualização em 15/11/2018: Recebemos um relato de um leitor que teve o embarque recusado pela LATAM em Guarulhos pela falta do documento. Segundo os funcionários que o atenderam, desde outubro/2018 a LATAM não faz mais a venda da tarjeta turística em Lima. Caso vá viajar com esta empresa, emita o visto com antecedência.

Atualização em 29/12/2018: Por mais um relato de uma leitora, confirmamos que a LATAM Peru vende a tarjeta túristica no aeroporto de Lima normalmente, ao contrário do que é dito no Brasil. Os funcionários da LATAM no Brasil que parecem não saber/confiar nesta informação.

Para o viajante que pretende ir a Cuba com a LATAM, mantenho a recomendação de que consiga o visto de outra forma. Mas se esta for sua única opção, chegue muito cedo no aeroporto para encontrar funcionários com tempo e paciência para analisar a situação. Esteja preparado para explicar com calma a possibilidade da compra da tarjeta em Lima, com a LATAM Peru.

PS: Foi para Cuba recentemente com a LATAM? Comprou o visto na conexão? Deixe um comentário lá embaixo para sabermos como anda a situação atualmente.

Para quem tem vôos reservados com a Avianca:

A Avianca tem vôos do Brasil a Cuba com conexão em Lima ou em Bogotá. Nos dois casos o visto para Cuba é oferecido no portão de embarque do vôo de conexão, seja no Peru ou na Colômbia. Enquanto aguarda a chamada para o embarque, se aproxime do balcão no portão e solicite a “tarjeta turística”. Os custos e procedimento são os mesmos das demais empresas.

Foi desta forma que conseguimos nossos vistos de Cuba quando viajamos. Fizemos o procedimento no aeroporto de Lima, durante a conexão com a Avianca.

Muita gente tem medo de seguir este procedimento por achar que, caso não consiga, estará embarcando sem o visto. Após muita pesquisa, como não encontramos ninguém que tivesse relatado ter tido problemas com este sistema, fizemos esta escolha e foi muito menos burocrático e mais barato do que se tivéssemos optado por fazer através da embaixada ou consulado.

6.     Nos aeroportos em outros países

O que fazer em Havana: visitar o Parque Central
Vista do Parque Central do terraço do Hotel Manzana

Aos turistas que vão para Cuba em um vôo cujo trajeto não inicie no Brasil, é provável que a companhia aérea também forneça o visto para Cuba no momento do embarque.

No caso específico de vôos que partem dos Estados Unidos, o procedimento é um pouco mais rigoroso. Só existem 13 categorias de licenças especiais que permitem aos americanos visitarem Cuba e “turismo” não é uma delas. Tais licenças que são aplicadas aos americanos também valem para estrageiros que embarquem nos aeroportos do país.

Você pode escolher “apoio ao povo cubano”, por exemplo, e ninguém vai questionar. Mas fique de olho a qualquer atualização pois estas questões que envolvem o relacionamento político de Cuba e Estados Unidos mudam rapidamente.

Além de mais burocrático, o preço do visto nesta opção também é mais caro. São cobrados US$50 pela permissão de entrada e mais US$25 de taxa adicional.

Veja as instruções específicas deste caso no site da United Airlines.

7.     Nos portos de embarque de cruzeiros

O que fazer em Havana: O lindo Malecón

Da mesma forma que as companhias aéreas oferecem o visto no momento do embarque, as empresas de cruzeiros que aportam na ilha também o fazem. A diferença é o valor cobrado, apenas. A Norwegian CL, por exemplo, cobra US$70 pelo documento e outras chagam a cobrar US$100.

No caso de cruzeiros que tenham saída e chegada em Cuba vale observar que serão necessárias 2 “tarjetas turísticas” diferentes, pois cada uma é válida para apenas uma entrada. A primeira deve ser conseguida com antecedência para poder desembarcar no aeroporto de Havana. No retorno do cruzeiro à ilha será necessário apresentar o segundo visto, este podendo ser adquirido a bordo do navio. Veja a explicação no site da MSC Cruzeiros.

ORGANIZE SUA VIAGEM!

PASSAGENS AÉREAS

O site do Skyscanner é nossa forma favorita de pesquisar passagens aéreas. O buscador deles inclui companhias aéreas e outros sites que os concorrentes costumam deixar de fora. É o melhor lugar para começar a planejar uma viagem.

CARTÃO DE DÉBITO INTERNACIONAL

Abra uma conta online na Wise e peça o seu cartão de débito para economizar em suas viagens internacionais.

SEGURO VIAGEM

Use nosso Comparador de Seguro Viagem. Com nossa parceria com a Seguros Promo, vamos te ajudar a encontrar os melhores planos de seguro para o seu destino. Use o cupom VIDACIGANA5 e receba 5% de desconto na hora do check out.

ROAD TRIP

Alugue um veículo com a RentCars.com para sua viagem. Compare os preços de diferentes locadoras, pague em Reais, sem IOF e parcelado em até 12 vezes.

Sobre o Autor

Carlos Arruda

Carlos Arruda é um viajante desde muito jovem, impulsionado por sua vontade de conhecer locais distantes desde muito cedo, mesmo com recursos limitados. Essa característica o transformou em um habilidoso planejador de viagens.

Com uma visão analítica e uma paixão por decisões baseadas em dados, Carlos acredita que o segredo para uma viagem livre de contratempos está na precisão do planejamento. Seu objetivo é encontrar o equilíbrio perfeito entre a quantidade de dados e informações disponíveis e a emoção de uma experiência especial.

Sua formação em arquitetura e urbanismo confere uma vantagem distinta às narrativas que desenvolve. Atualmente, como escritor dedicado ao mundo das viagens, seus artigos não se limitam à mera observação das estruturas urbanas, destacando os detalhes e explorando as complexidades das diversas culturas ao redor do mundo. Seus textos inspiram e capacitam os leitores a planejar suas próprias jornadas com precisão e confiança.

54 Comentários

Todos os comentários serão moderados previamente conforme as políticas do blog. Serão publicados e respondidos apenas após aprovação.

Clique aqui para deixar um comentário.

  • Olá! Acabo de voltar de Cuba com a Latam. Em Guarulhos a atendente da Latam perguntou se eu compraria o visto em Lima. Confirmei e embarquei normalmente. Em Lima, 1 hora antes do embarque, ao lado do portão designado para o voo, uma funcionária da Latam começou a vender os vistos. Tudo muito tranquilo. Ela mesmo preenche. Custou 20 dólares.

  • Olá, gostaria de saber se tem atualizações sobre o visto ser vendido pela Latam em Lima e se deixam sair do Brasil sem esse visto para adquiri-lo lá.

    • Larissa, já teve alguma resposta? Viajo semana q vem e estou um pouco tenso com isso. O Ricardo Sena deu um feedback aí em baixo, mas queria saber se alguém que comprou na LATAM mesmo em Lima

    • Também preciso saber informações atualizadas pois vou com a latam (escala em Lima) agora em fevereiro. Se alguém souber me avisa por favor

  • Atualização visto para Cuba: caso o viajante vá pela Copa Airlines, pode adquirir o visto no guichê dessa companhia em Guarulhos. Essa companhia vai pelo Panamá. Caso o viajante vá de Latam, eles não vendem o visto no Brasil, mas permitem o embarque para que o viajante compre o visto na hora do embarque, em Lima. Os funcionários da Latam no Brasil – excluindo aquele que confere o passaporte na hora do embarque no portão determinado – não sabem informar nada a respeito, nem adianta procurá-los. Em ambas as companhias há a cobrança do comprovante de vacina contra febre amarela.

    Hoje é 24/11/2023

    • Ricardo, então não estão mais barrando o embarque em Guarulhos de quem está sem visto e irá cobrar em Lima? Por gentileza, me confirma isso? Fiquei um pouco temeroso depois que li alguns comentários antigos de pessoas que foram barradas e tiveram que comprar novas passagens até conseguir o visto.

    • Olá pessoal. Alguém tem alguma atualização a respeito da compra do visto em Lima? Tenho viagem marcada para os próximos dias e vou arriscar a compra no aeroporto de Lima. Depois eu posto aqui se deu certo… rs.

    • Geordano e Leandro
      Alguém tem algum retorno ou confirmação sobre o visto para cuba na conexão em Lima ?

    • Oi Fernando! Deu tudo certo! Comprei o visto no portao de embarque em Lima, 1 hora antes do voo aparece uma funcionária da Latam que vende. Ela mesmo preenche. Custou 20 dólares cada. Em Guarulhos, quando fui despachar a mala, a funcionária da Latam só falou “e o visto, ja tem ou vai comprar em Lima?”. Mas nao foi uma verificação oficial. Falei que compraria em Lima e deu certo.

  • Boa noite pessoal! Tenho viagem marcada para Havana, dia 21/03. Vocês sabem dizer se a Copa Airlines continua vendendo o visto e quais são as exigências em função da Covid? Obrigado

  • Boa tarde Carlos, tudo bem?
    Gostaria de ir a Cuba. Alem da cidadania brasileira, tenho cidadania americana. Estou vendo aqui, e bem complicado conseguir visto como americano. Acha que seria mais facil conseguir visto como brasileiro? No meu caso, moro nos EUA, sera que teria que ir a embaixada cubana aqui nos EUA? Alguma sugestao? Desde ja agradeco! Abs, Marcio

    • Com certeza é mais fácil como brasileiro, Marcio. Mas não tenho como ajudar muito nisso, porque não entendo o funcionamento destas questões americanas. Não sei dizer, por exemplo, se a dupla cidadania criaria algum impeditivo.

  • Carlos, qrido. Conheci o Texas em 2018 minha estada foi em San Antonio. Agora qro conhecer Cuba com estada em Havana. (Seria esse ano mas…) pretendo ir no próximo ano 2021. Pergunta objetiva: quanto de dinheiro preciso levar para 8 dias sendo 2 adultos?

  • Rio de Janeiro 29/02/2020

    Obrigada Carlos pelas dicas pois meu medo maior era do Visto para entrada em Cuba. Não sabia como fazê-lo. Foi muito esclarecedor. Estive em Cuba a trabalho há muitos anos e onde trabalhava já haviam feito tudo praticamente. Depois disso nunca mais saí com visto a nenhum outro lugar.

    • A Latam tem dado muitas informações desencontradas mesmo. Em outras companhias é garantido, mas na Latam já recebemos muitos relatos de que não é possível.

  • Olá Carlos, boa noite!

    Viajei para Cuba em outubro e foi obrigada pela LATAM a pagar uma nova passagem de ida pois estava sem visto e as funcionaria alegaram que não poderia sair do Brasil sem o visto.
    Meu voo fazia conexão em Lima e quando comprei a passagem no site da LATAM havia a informação de que poderia adquirir o visto no aeroporto de Lima nem a LATAM me informou em momento algum de que isso havia mudado.

    Tive um prejuízo enorme ja que alem do custo pesado da outra passagem tive que arcar com mais hospedagem em São Paulo e perder uma reserva de hospedagem em La Habana. Pretendo processar a companhia aérea exigindo indenização. Se tiver orientações para me dar agradeço MUITO!
    obrigada

    • Não sei como proceder nesse caso, mas sugiro sim que entre com um processo.
      Caso tenha resultado, entre em contato conosco que publicaremos para que mais gente tenha acesso a informação.

  • Olá, boa noite! Tudo bem? Estou planejamento visitar Cuba em.Maio/2020, saindo de Miami ou Fort Lauderdale, assim sendo, alguém teria alguma informação (atualizada) sobre a possibilidade de ir a Cuba, partindo dos EUA? Será que conseguirei embarcar ou terei problemas?

    • Danielly, as informações que temos são as que estão no texto. Vou deixar seu comentário publicado para o caso de aparecer alguém que possa te ajudar com alguma notícia mais recente.

    • Ola! Faz um ano tentamos ir de Miami a Cuba mas nao foi possivel. Somos italianos morando no Brasil, entao tentamos entrar com pasaporte europeio. A realidade è que nao pode ir para Cuba dos EUA por turismo, so para outros motivos que precisam ser comprovados.
      Pode fazer escada passando em outros paises.

    • Danielly, tirei o visto em Salvador e cheguei em Cuba por Miami(voo direto) pela Delta. Eles não perguntam absolutamente nada. Nem na entrada nem na saída.

  • Boa tarde,

    O ano que vem estou indo de moto para o Alaska cruzando as 03 Américas e fiquei muito tentado em esticar esse passeio até Cuba, porém não encontro nada a respeito que possa me ajudar, minhas dúvidas são referentes ao visto de turista, não vou de avião e nem de cruzeiro, estou saindo de moto do Brasil e a partir de algum país da América Central desviar meu trajeto até Cuba, como eu devo proceder nesse caso específico? É recomendável eu levar a moto junto ou deixo-a no país que vou escolher como ponto de partida para Cuba?
    O visto eu posso tirar nesse país de partida?
    Também tenho interesse em Belize, que pode inclusive ser um ponto de partida, mas que tbm exige visto de entrada
    Aproveitando o assunto qual país vc recomendaria da América Central para ser utilizado como ponto de partida para Cuba?

    Grato pela atenção,

    Freitas

    • Irineu, você está indo de moto, mas você vai chegar em Cuba de avião ou de barco. Dependendo do método escolhido, muda a forma de conseguir o visto. O documento pode ser conseguido em outros países e temos vários relatos aqui nos comentários de brasileiros que conseguiram no México. Em Belize eu não tenho como te informar.

  • Carlos, embarcarei em Cancun, pela Interjet com destino para Havana, gostaria de saber se consigo essa tarjeta turística em Cancun ou no aeropoto da cidade do México, já que voarei com a Aeromexico?

    • Olá amigo, o ideal é ligar para a sua Cia aérea e perguntar. Eu acabei de ir e voltar, mas fui de Latam por Lima. Por segurança contratei um despachante e obtive os vistos em 24h, mas me custou caro. Ao chegar no aeroporto em Lima resolvi
      perguntar se vendiam tarjetas turísticas e informaram que sim, e que recentemente a Latam voltou a vender. Então ainda sim é bastante controverso, pois não existem registros seguros. É aconselhável tirar os vistos no consulado mesmo que pelos correios. Ou faça como eu e compre com um despachante agencia de turismo, pois é apenas um papel preenchido a mão. E quanto ao seguro viagem, não fui cobrado em nenhum momento sobre isso, nem no embarque ou mesmo na chegada em Cuba. Mas por segurança, eu tinha feito e aconselho o mesmo.

    • liguei na companhia Aeromexico e informaram que tiro o visto no guichê da Companhia, na Cidade do México e o custo está em torno de 68,00. Vou arrisca porque disseram que todas as companhias de lá emitem essa tarjeta del turista.

    • Olá!! Vou seguido a cuba’ visto pode ser comprado no balcão da empresa copa airlines em qualquer aeroporto da América.
      Custa $ 20.00.
      Ademais tudo muito tranquilo para visitar a ilha, sugiro quem for conhecer Havana’ buscar conhecer guarda lá vacas e o meio de transporte é ônibus azul que sai do terminal rodoviário em Havana.

    • Fiquei em Varadero, lá o mar é bastante calmo, não vi nenhum surfista. As acomodações também não são muito caras, preferi ficar hospedado em casa de família é mais barata e possibilitou uma integração maior para conhecer um pouco mais do país, achei bacana. Lá tudo é pago em CUC que corresponde ao valor do euro.

  • Olá! Vou passar 20 dias em Cuba. Tenho 2 dúvidas: 1) eu preciso ter hospedagem reservadas para todos as noites? (infelizmente não é o meu estilo, sempre prefiro deixar reservado os primeiros dias e escolher os próximos in loco)
    2) o seguro que é oferecido no site da Latam, no ato da compra, é válido para obter o visto?

    • Carlos,
      Você pode ir só com os primeiros dias reservados em alguma casa de família e lá eles conseguem o restante das reservas de sua viagem.
      Sobre o seguro viagem, nós recomendamos fazer um específico para viagem, como explicamos neste texto.

    • Fiquei 05 dias em Cuba e fiz a reserva em casa de família, tem muitas e é bem tranquilo, não teve muita exigência na entrada. Fui de Cancún pra Havana e todas as companhias Mexicanas vendem esse visto no aeroporto, mas não é no mesmo luga onde faz o chek-in é super simples e custou 350 pesos mexicanos, aproximadamente 90,00 reais. Verifique, mas entendi que todas as companhias aéreas com destino pra Cuba, vendem este visto. Só pediram o passaporte e eu mesmo preenchi três dados simples.

  • Olá, Carlos. Sabe como está a situação da obtenção do visto cubano pela Latam? Outra dúvida: é exigida a validade mínima de seis meses do passaporte? Os meus seis últimos meses de validade coincidem com a data do retorno, não sei se seria necessário levar um novo.

    • Mirella, o que sei é o que está relatado pelos leitores aqui nos comentários. Para a validade do passaporte é sempre bom ir com pelo menos seis meses, como garantia.

  • Ola Carlos,tudo bem?
    Adorei as dicas do site, mas estou com uma dúvida.
    EStou indo em novembro para Miami e gostaria de ir para Cuba, de la.
    Vi que tem algumas restricoes, voce saberia me dizer se é tranquilo conseguir a autorizacao
    partindo de Miami?
    Estou com receio de comprar as passagens antecipadamente e na hora nao conseguir a autorizacao.
    desde ja agradeco.
    abracos.

  • Olá, Gostaria de saber se alguém nos últimos dias embarcou em GRU para LIMA e depois HAVANA e se cobraram o visto no embarque no Brasil. Obrigado.

    • Rafael, nós fizemos esse caminho com a Avianca e não tivemos problemas. Os relatos aqui nos comentários do blog dizem que somente a Latam tem cobrado o visto antecipado.

abbv