Home » Destinos » Irlanda » Como Alugar um carro em Dublin (ou Belfast) para viajar pela Irlanda
Irlanda Reino Unido

Como Alugar um carro em Dublin (ou Belfast) para viajar pela Irlanda

Aluguel de carro pela Irlanda: uma mulher ruiva na beira de um precipício na Irlanda, olhando o mar

Alugar um carro em Dublin (ou em Belfast) é a decisão ideal para quem planeja uma viagem pela Irlanda que inclua destinos fora do eixo tradicional, entre suas duas maiores cidades.

A recomendação é válida especialmente para quem pretende explorar a costa oeste da ilha, percorrendo as paisagens fantásticas da Wild Atlantic Way. Por lá estão os cenários mais impressionantes de toda Irlanda. São lugares onde ter um veículo próprio é praticamente a única forma de acesso a quem curte fazer uma viagem independente.

Programe sua viagem: Veja no site da RentCars os melhores preços de aluguel de veículos na Irlanda

É sim possível explorar a ilha usando o transporte público, mas para isso é preciso usar de base cidades com um tamanho mediano como Cork e Killarney para a hospedagem, e de lá ingressar em tour organizados por agências locais. Este sistema, no entanto, pode se tornar um empecilho numa viagem que pretenda percorrer todo o país. Serão dias seguidos de check-in e check-out em hotéis intercalados com dias inteiros dentro de ônibus turísticos. Alugar um carro, por outro lado, permite que suas diárias sejam em cidades pequenas, apenas para passar a noite e seguir viagem, deixando seu roteiro mais dinâmico.

Fora estas questões, alugar um carro na Irlanda possibilita explorar cada canto da ilha no seu tempo. Mesmo em locais onde é comum que a visita seja feita em tours próprios, como no caso dos Cliffs of Moher, por exemplo, eles serão muito melhor aproveitados caso feito com um veículo alugado. E se formos falar dos locais menos populares, como as atrações ao longo do Ring of Kerry e Skellig Ring, chega a ser covardia a comparação entre uma viagem com e sem um carro alugado, visto que o veículo é fundamental para percorrer os trechos mais significativos destas rotas.

Saiba mais: As melhores dicas do que fazer em Dublin e em Belfast para programar sua viagem.

Quando alugar um carro na Irlanda

Na Irlanda, seu roteiro deverá incluir o aluguel de um carro caso o roteiro de viagem planejado saia das maiores cidades ou não se limite às principais atrações turísticas do país.

Aluguel de carro na Irlanda: Um casal na frente de um motorhome parado na beira de um lago com uma montanha no fundo

Em especial, alugar um carro é uma decisão quase obrigatória a quem pretenda explorar as atrações do litoral oeste da ilha, que ficam distribuídas ao longo da Wild Atlantic Way. Por lá estão localizados, entre outros, os Parques Nacionais Killarney, Connemara e Glenveagh, que são imperdíveis para quem quer conhecer a Irlanda por inteiro.

Por outro lado, se seu roteiro inclui apenas estadias em Dublin e Belfast, alugar um carro não vai ser necessário. Pelo contrário, se seus dias vão ficar restritos às grandes cidades, o transporte público vai resolver muito melhor seus deslocamentos do que um carro alugado.

Além destes casos, em roteiros cujas únicas atrações de fora destas cidades serão as visitas aos Cliffs of Moher, na Irlanda, e a Giant’s Causeway, na Irlanda do Norte, um carro alugado facilita o deslocamento, especialmente daqueles que curtem explorar os locais de maneira independente. Porém, para estas situações específicas, existe uma enorme oferta de tours organizados por agências que saem diariamente de Dublin e Belfast, respectivamente, que podem ser uma alternativa a quem não se sinta confortável em alugar um veículo.

Em detalhes: Como fazer uma viagem de motorhome pela Irlanda.

Deste modo, a melhor solução para quem planeja roteiros grandes (que tenham períodos de múltiplas diárias nas capitais, e que também incluam as atrações da Wild Atlantic Way) é usar as duas soluções ao mesmo tempo:

Nos dias de visita às cidades grandes – em Dublin, especialmente – reserve sua hospedagem em um bairro bem localizado e circule por seus pontos turísticos caminhando ou usando transporte público. Já quando for explorar o sul, oeste e noroeste da ilha, recorra a alguma empresa de aluguel de carro para dar mais liberdade ao seu roteiro.

Alugar um carro em Dublin ou Belfast?

Alugar um carro em Dublin é a opção que melhor se adapta ao roteiro da maioria. Como o aeroporto da cidade costuma ser o ponto de entrada e saída da maioria dos turistas que chega ao país, em seus arredores estão localizados diversos depósitos de veículos. Com a maior concorrência, as empresas de aluguel de carro em Dublin costumam ter preços mais baratos do que em outras cidades irlandesas.

Porém, como Dublin também gera a maior demanda por ser a cidade mais visitada, em determinadas épocas pode acontecer de os preços estarem mais elevados lá do que no restante da ilha.

Aluguel de carro na Irlanda: O Kerry Cliffs ensolarado, com o mar ao seus pés de cor bem verde

Em Belfast, por sua vez, alugar um carro pode ser tão barato quanto em Dublin e sem grandes variações ao longo do ano. A Irlanda do Norte ainda tem a vantagem de, por não ser tão procurada pelos turistas, ter uma demanda menor com um número similar de locadoras, deixando os preços mais em conta. A economia é válida especialmente quando comparada aos períodos de alta temporada em Dublin.

A desvantagem é que Belfast não costuma ser ponto de entrada e saída no roteiro de muita gente, dificultando a logística para retirada do veículo. Porém, caso seu roteiro inclua uma passagem por Londres ou qualquer outra cidade britânica, antes ou depois de seus dias na Irlanda, Belfast pode te atender muito melhor pois de lá os voos são domésticos para o Reino Unido, sem a necessidade de passar pela imigração.

Além das duas capitais, outros locais que contam com locadoras de veículos são as cidades de Galway e Derry/Londonderry, assim como os aeroportos de Kerry (próximo a Killarney) e Shannon (próximo a Limerick). Estas opções, no entanto, não são muito práticas a quem queria visitar a ilha inteira. São úteis apenas a quem pretenda fazer viagens rápidas pelos condados onde estão localizadas.

Aluguel de carro pela RentCars

Para os brasileiros que viajam à Irlanda, a melhor forma de alugar um carro em Dublin, Belfast ou qualquer outro ponto da ilha é através da RentCars. O site da empresa oferece um buscador completo, que faz a comparação de preços entre várias locadoras disponíveis na Irlanda.

Aluguel de carro na Irlanda: várias casas coloridas enfileiradas na frente de uma igreja na cidade de Cobh

Como tem sede no Brasil, a RentCars proporciona uma série de benefícios extras quando comparada ao processo de locação feito diretamente com as empresas irlandesas. As de maior destaque são:

  • Pagamento em Reais: na RentCars é possível optar por pagamento online, diretamente em reais, eliminando os sustos com conversão de moedas.
  • Sem cobrança de IOF: como o site é brasileiro, a locação não conta como uma transação internacional, eliminando o imposto cobrado.
  • Pagamento Parcelado: optando pelo pagamento online é possível parcelar os valores de serviços e taxas (exceto cobranças locais) em até 12 vezes.

Dica: Acesse o site da RentCars e pesquise os preços com saída de Dublin e Belfast para saber onde está mais barato nas datas da sua viagem.

Dirigindo na Irlanda e Irlanda do Norte

A ilha da Irlanda é inteiramente recortada por estradas, em sua maioria em ótimas condições de uso. A partir de Dublin irradiam as grandes autoestradas, com múltiplas pistas e trânsito mais pesado. Destas surgem bifurcações que formam estradas menores, que ligam cidades secundárias, e outras ainda mais estreitas, locais, onde podem haver trechos remotos em que só é possível passar um carro por vez.

Carlos encostado em um motorhome na beira do mar

Independente do roteiro escolhido, seu trajeto passará por todos os tipos de estradas existentes e é preciso estar preparado para isso.

As estradas na República da Irlanda

Na parte sul da ilha as estradas são divididas em três tipos principais:

  • Motorways (prefixo M): estradas largas com, no mínimo, pistas duplas em ambos os sentidos. Conectam Dublin ao restante da ilha e têm ligações umas com as outras. Têm velocidade limite de 120km/h
  • National Roads (prefixo N): estradas com no mínimo uma pista simples em cada sentido, podendo ter trechos duplicados (em geral próximos a Dublin) e outros mais estreitos (em áreas rurais). Dão acesso a cidades médias e pequenas. Têm limite de velocidade de 100km/h.
  • Regional Roads (prefixo R): estradas que ligam pequenos povoados e vilarejos. Ao contrário das demais, são administradas localmente, pelas próprias cidades, o que faz com que a qualidade delas varie muito. É possível encontrar tanto pistas muito bem desenhadas e sinalizadas quanto outras sem qualquer indicação, ou mesmo estreitas a ponto de só passar um carro por vez. Por lei o limite é de 80km/h, mas há vários trechos onde é impossível (ou inconsequente) dirigir tão rápido.

As estradas na Irlanda do Norte

No trecho britânico da ilha as estradas seguem mais ou menos a mesma divisão da República da Irlanda, mas recebem uma nomenclatura diferente. Das maiores e mais largas às menores, temos:

  • Motorways (prefixo M)
  • A-Roads (prefixo A)
  • B-Roads (prefixo B)
  • C-Roads (prefixo C)

Ao dirigir pela Irlanda do Norte, fique atento pois todas as sinalizações de limite de velocidade estão marcadas em milhas por hora, conforme ocorre no Reino Unido. Do mesmo modo as distâncias anunciadas entre cidades também são expostas em milhas. O painel de seu carro, independente se alugado em Dublin ou Belfast, virá com marcador que indica as duas unidades, tanto milhas por hora quanto quilômetros por hora. Não se confunda para não ser multado.

Dicas para alugar um carro na Irlanda

Alugar um carro, seja em Dublin, Belfast ou qualquer outro ponto da Irlanda, é um processo simples, mas alguns pontos devem ser destacados para que você não seja surpreendido ao fazer a sua reserva:

Documentos para alugar um carro na Irlanda

Para nós, viajantes brasileiros, três documentos são obrigatórios para conseguir alugar um veículo na Irlanda:

  • Passaporte válido
  • Carteira de motorista brasileira – Na Irlanda a CNH brasileira é suficiente. Não é necessário ter a PID (Permissão Internacional para Dirigir)
  • Cartão de Crédito – Ainda que a reserva tenha sido feita com um pré-pagamento online, ter um cartão de crédito é obrigatório para registrar a caução solicitada pela locadora. O crédito fica retido até a devolução do veículo.

Pedágios na Irlanda

Atualmente existem 11 rodovias com cobrança de pedágio na Irlanda. Veja a localização deles no mapa abaixo:

Um mapa da Irlanda mostrando as estradas e localização dos pedágios

A cobrança do pedágio é feita em cabines, do mesmo modo que ocorre nas estradas brasileiras. Viaje com dinheiro trocado para facilitar a sua vida e a dos atendentes.

O Pedágio da M50

M50 é uma autoestrada no formato de um anel rodoviário que circunda a região metropolitana de Dublin. É uma rodovia que liga quase todas as outras grandes estradas do país. Alugando um carro em Dublin é praticamente impossível não cruzar a M50 ao menos uma vez durante sua viagem.

Este pedágio da M50, diferentemente dos outros, é feito num modelo sem-barreira (“barrier-free”) onde não existe praça de pedágio. A cobrança é feita automaticamente usando câmeras que leem o registro dos automóveis que cruzam a estrada (o ponto exato de leitura fica entre os cruzamentos da M50 com a N3 e N4).

Não há isenção da cobrança para carros alugados. Caso o veículo não tenha feito o pré-pagamento da taxa antes de cruzar o pedágio, existe um prazo até às 20h do dia seguinte para que ela seja quitada sem cobrança de multa. O pagamento deve ser feito no site Eflow.ie.

Antes de sair dirigindo, confira com sua locadora como é o sistema deles com relação ao pedágio da M50. Muitas já possuem créditos aplicados ao registro dos veículos e seus clientes só precisam reembolsar o pagamento após a devolução do carro.

Dirigindo em mão inglesa

Tanto na República da Irlanda como na Irlanda do Norte o trânsito funciona em mão inglesa, com os carros circulando no lado oposto da pista ao qual estamos acostumados no Brasil. O trânsito flui pelo lado esquerdo e os volantes ficam do lado direito do carro.

Caso você nunca tenha tido a experiência de dirigir assim, não é preciso ter medo e desistir antes de tentar. Não é um processo tão complexo quanto se imagina e logo após o primeiro dia você já se acostuma.

Para dirigir em mão inglesa basta se acostumar com algumas regras:

  • Ao dobrar à direita você nunca terá a preferência
  • As rotatórias giram sempre em sentido horário
  • Nas autoestradas use a pista da esquerda (deixe a direita livre para ultrapassagens e para os carro em alta velocidade)

Para se sentir ainda mais seguro, dou um conselho extra: reserve um carro com câmbio automático. Na Irlanda, como em toda a Europa, as pessoas preferem usar o câmbio manual e nas locadoras estes costumam ser os veículos mais baratos. Se você não está acostumado a passar as marchas com a mão esquerda, pagar um pouco a mais pelo câmbio automático pode te trazer uma preocupação a menos.

Salve estas dicas para sua viagem pela Irlanda no Pinterest!

Alugar um carro em Dublin ou em Belfast é a decisão ideal para quem planeja uma viagem pela Irlanda que inclua destinos fora do eixo tradicional. A recomendação é válida especialmente para quem pretende explorar a costa oeste da ilha, percorrendo as paisagens fantásticas da Wild Atlantic Way. Por lá estão os cenários mais impressionantes de toda Irlanda. São lugares onde ter um veículo próprio é praticamente a única forma de acesso a quem curte fazer uma viagem independente.
Como Alugar um carro em Dublin (ou Belfast) para viajar pela Irlanda. Quando alugar um carro na Irlanda. Alugar um carro em Dublin ou Belfast? RentCars Dirigindo na Irlanda e Irlanda do Norte. estradas. Dicas para alugar um carro na Irlanda. Documentos para alugar um carro. Pedágios na Irlanda

ORGANIZE SUA VIAGEM!

PASSAGEM AÉREA
Use o Kayak para descobrir qual empresa tem as passagens aéreas mais baratas para sua viagem.

HOSPEDAGEM
No Booking.com estão cadastradas as melhores opções de hotéis e albergues. Reserve com direito a cancelamento gratuito e viaje com mais tranquilidade.

AIRBNB
Já experimentou alugar um apartamento no Airbnb? Ganhe R$100 em créditos para usar em sua primeira reserva no site.

SEGURO VIAGEM
Com a Seguros Promo é possível comparar a cotação de diversas companhias, garantindo o melhor custo/benefício na contratação. Use o cupom VIDACIGANA5 e receba 5% de desconto em seu seguro viagem

ROAD TRIP
Alugue um veículo com a RentCars.com para sua viagem. Compare os preços de diferentes locadoras, pague em Reais, sem IOF e parcelado em até 12 vezes.

Sobre o Autor

Carlos

Carlos nasceu em Petrópolis/RJ. Quando tinha 20 anos decidiu que, sozinho, viajaria para o lugar mais distante que pudesse com o primeiro dinheiro que conseguiu acumular. Após muita pesquisa e economia, saiu do país pela primeira vez e rodou por quatro países. De ônibus. Nos anos seguintes dificilmente havia um em que não estivesse planejando outra viagem. Hoje o produto destas pesquisas é compartilhado publicamente aqui, no Vida Cigana.

2 Comentários

Todos os comentários serão moderados previamente conforme as políticas do blog. Serão publicados e respondidos apenas após aprovação.

Clique aqui para deixar um comentário.

  • Boa noite. Ótimas as dicas e roteiro. Fiquei apenas com uma duvida em relação à moeda. Sendo a moeda oficial a Libra, como é a aceitação de Euros pela Irlanda? Devo trocar em casa de cambio ou a aceitação de euros no comércio é tranquilo?

    • Oi Luis, você ta se confundindo um pouco. Na Irlanda do Norte a moeda é a Libra. Na República da Irlanda a moeda oficial é o Euro. Cada lado da fronteira aceita apenas sua própria moeda. Para fazer uma viagem por toda a Irlanda você tem que ter as duas ou ir trocando pelo caminho.

House Sitting

rbbv abbv

publicidade