facebook pixel
Home » Reino Unido » O que fazer em Liverpool: 12 melhores atrações da cidade
Reino Unido

O que fazer em Liverpool: 12 melhores atrações da cidade

O que fazer em Liverpool: uma mulher andando na frente das 4 estátuas dos Beatles em Liverpool

Na hora de buscar saber o que fazer em Liverpool, a primeira coisa que virá na sua cabeça serão os Beatles, mesmo você não sendo fã da banda. É impossível separar uma coisa da outra.

A cidade natal do quarteto formado por John Lennon, Paul McCartney, George Harrison e Ringo Starr está no imaginário da grande maioria dos amantes de música.

Mas, para além dos Beatles e do cenário musical, Liverpool também encanta com os pontos turísticos ligados ao seu importante porto, e consequentemente, ao mar.

Fica a 2h de trem de Londres.

O que fazer em Liverpool

Liverpool tem muito o que fazer e encanta turistas apaixonados por música ou não.

A cidade não é muito grande e boa parte pode ser conhecida a pé, por isso super indico o walking tour gratuito que leva às mais variadas atrações da cidade.

Fora isso, explore algumas de nossas 12 dicas do melhor que há na cidade.

  1. Museu de Liverpool
  2. The Three Graces
  3. Estátua dos Beatles
  4. The Beatles Story
  5. Magical Mystery Tour
  6. Tour dos Beatles por conta própria
  7. The Cavern Club
  8. Tate Liverpool
  9. Estádio do Liverpool FC
  10. Merseyside Maritime Museum
  11. Walker Art Gallery
  12. Echo Wheel of Liverpool

1.Museu de Liverpool

O que fazer em Liverpool: O Museu de Liverpool em primeiro plano com o Liver Royal Building à esquerda

O Museu de Liverpool é um dos mais recentes museus inaugurados na cidade. Tem como principal chamariz trazer aos seus visitantes a história de todas as partes da cidade, bem como o seu povo.

Com isso, o que se pretende neste museu é trazer uma reflexão sobre como as pessoas locais veem Liverpool e contrapor isso com a visão global que visitantes, turistas e estrangeiros tem a respeito da cidade.

Embora não seja a capital da Inglaterra, a influência de Liverpool em todo o mundo é inegável. Seja na cultura por meio da música (quem é que nunca cantou uma música dos Beatles), nas revoluções históricas como a Guerra Civil Inglesa no século XVII ou por meio do futebol com o Liverpool FC (um dos maiores clubes do mundo), a cidade leva ao mundo influências ímpares já há muitos séculos.

Entre os pontos altos da visitação deste museu é conhecer a história de Liverpool desde os primórdios. Como toda boa cidade costeira, a principal atividade em suas origens foi a pesca e foi dessa forma que tudo começou. Itens dessa época ou que remetem a essa parte da história fazem com que você sinta como se estivesse vivendo em um tempo diferente que nunca teve a oportunidade de experimentar.

Por fim, camisas de ídolos históricos dos clubes da cidade (Liverpool e Everton FC) também fazem parte da coleção, bem como instrumentos originais utilizados pelas bandas locais, entre elas Liverpool Express e a mais famosa de todas, The Beatles.

2.The Three Graces

The Three Graces com o Liver Royal Building em destaque

The Three Graces (em português As Três Graças) são 3 dos mais importantes edifícios da cidade, nos quais são:

  • o Royal Liver Building,
  • o The Cunard Building
  • o edifício do Porto de Liverpool.

Estão localizadas no Liverpool Waterfront, especificamente no Pier Head, uma das partes mais importantes da cidade. Todos eles têm muita importância histórica não só para Liverpool, como para o Reino Unido também.

Com uma bela arquitetura, estes prédios estão bem de frente para o mar, o que faz com que a vista de lá seja realmente de tirar o fôlego. Além disso, a praça à frente destes edifícios está entre os principais pontos de encontro da cidade e este é um ótimo lugar para admirar a vista e pegar uma brisa no fim de tarde.

À noite, os edifícios costumam ser iluminados por luzes coloridas, fazendo com que as fotos tiradas por lá ganhem ainda mais beleza. Além disso tudo, fazem parte da Cidade Marítima e Mercantil de Liverpool, considerada um Patrimônio da Humanidade pela UNESCO.

Royal Liver Building

Como dissemos anteriormente, o Royal Liver Building faz parte do complexo de edifícios chamados de As Três Graças e está localizado no Pier Head. Inaugurado em 1911, este edifício mistura a arquitetura barroca com a bizantina de forma magistral.

Construído inicialmente para ser a sede da Royal Liver, uma empresa britânica de seguros, foi um dos primeiros edifícios deste porte a serem construídos no mundo.

Foi o edifício mais alto da Europa até 1934 e o mais alto do Reino Unido por quase 50 anos com 90m de altura. Por fim, este é um dos edifícios-símbolo da cidade e está presente na cultura de Liverpool há mais de 110 anos.

No topo de 2 torres do edifício se encontram 2 estátuas de liver birds, os pássaros símbolos de Liverpool. O pássaro macho olha para a cidade enquanto o pássro fêmea olha para o mar.

Cunard Building

Outro edifício integrante das 3 graças de Liverpool destoa bastante do modelo anterior. Inaugurado 3 anos após o Royal Liver, este edifício traz consigo um estilo que mistura o renascentismo italiano com elementos da arquitetura grega.

Projetado por 2 arquitetos britânicos, o edifício serviu como sede da Cunard Line, uma empresa de navios britânicos muito importante no século passado. Atualmente é propriedade da Prefeitura de Liverpool e desde 2013 é utilizado como um edifício de escritórios comerciais e de negócios.

Port of Liverpool Building

Por fim, o edifício Port of Liverpool é o terceiro dessa lista e de construção mais antiga. Tendo a sua construção iniciada em 1903, o edifício foi sede da principal empresa de portos de Liverpool, a Mersey Docks desde a sua inauguração (em 1907) até 1994.

Restaurado algumas vezes nos últimos 20 anos, hoje abriga estabelecimentos comerciais como restaurantes e cafeterias, além de escritórios.

Seu estilo é o Barroco Edwardiano, bastante utilizado em construções do império britânico na época do reinado do Rei Edward VII, que durou entre 1901 a 1910. Este estilo é uma variante local do estilo neobarroco e conta com alguns detalhes como esculturas de objetos, animais e pessoas na sua estrutura.

No caso deste edifício especificamente, referências marítimas como navios e aves são bastante utilizadas na decoração.

3.Estátua dos Beatles

Uma mulher sentada na frente das estátuas dos beatles

A estátua dos Beatles fica no Liverpool Waterfront também, mais especificamente no Pier Head, entre os prédios chamados de The Three Graces.

São 4 estátuas grandes de Paul, George, Ringo e John caminhando e conversando, ótimas para quem quer tirar fotos com o Fab4.

4.The Beatles Story

O piano de John Lennon no clipe de Imagine

O The Beatles Story fica no Albert Dock e abriga o maior museu permanente sobre os Beatles do mundo.

Nele você tem todo o tipo de informação possível sobre a banda, desde a infância de cada um dos membros, passando pela formação dos Beatles, sucesso, vida pós-banda, mortes de John e George e a atualidade.

O The Beatles Story é uma atração imperdível na hora de programar o que fazer em Liverpool.

5.Magical Mystery Tour

O Magical Mystery Tour é o mais famoso dos vários tours existentes sobre os Beatles em Liverpool. O tour tem esse nome devido ao álbum e música Magical Mystery Tour, um dos discos mais psicodélicos dos Beatles.

O tour é produzido pelo The Cavern Club, o clube noturno onde os Beatles começaram a se apresentar na cidade.

O Magical Mystery Tour, assim como grande parte dos tours dos Beatles, parte do Albert Dock, o ponto turístico mais visitado de Liverpool. Do deck, enquanto espera o tour partir, é possível ver um submarino amarelo (o Yellow Submarine!) flutuando nas águas.

Os visitantes todos embarcam em um ônibus pintado nas cores do arco-íris, criando um ambiente bastante lúdico, que já prepara os turistas para o que vem nas próximas 2 horas de passeio.

O tour por inteiro é mergulhado no mundo da música e na história da Liverpool dos anos 50/60, com explicações de cada detalhe da vida dos integrantes do Fab Four, tudo em meio a canções dos Beatles que pontuam cada lugar.

No roteiro de pontos turísticos da cidade de Liverpool, estão as casas onde passaram a infância cada um dos integrantes dos Beatles.

Casa de Paul McCartney

A casa de Paul McCartney em Liverpool

A casa da família de Paul McCartney fica na 20 Forthlin Road. O ônibus pára para todos descerem e, caso esteja na temporada, é possível entrar e ver seu interior. Para isso é preciso agendar a entrada com uma visita guiada pelo National Trust.

Casa de John Lennon

A casa de John Lennon em Liverpool

A casa onde John Lennon cresceu era a casa de sua tia, Mimi. De todos os Beatles, sua casa era a mais “afortunada”. Fica na 251 Menlove Avenue.

John teve uma boa infância, apesar de não ter sido criado por sua mãe Julia, que morreu atropelada a metros da casa que vemos do ônibus.

Na fachada da casa, uma placa azul com dados de John Lennon se encontra. Na Inglaterra, após 20 anos da morte de indivíduos de renome, o setor de patrimônios do país tomba locais importantes relacionados a estas pessoas.

Casa de George Harrison

A casa em que George Harrison morava em Liverpool

A casa de George Harrison talvez seja a mais curiosa. Fica na 12 Arnold Grove, uma ruela bastante escondida.

Mais uma vez o ônibus pára para os turistas descerem em um típico beco da cidade de Liverpool.

Em uma das casinhas geminadas, nasceu George, em meio a outros sete parentes, que viviam no mesmo sobrado de apenas 2 quartos, fazendo dele o Beatle mais humilde em sua origem.

A visita à fachada da casa pode ser um pouco conturbada caso algum vizinho não venha autorizar a aproximação. Então, caso vá sozinho, tome cuidado, pois os moradores do local já estão meio saturados de receber várias pessoas em suas portas tirando fotos.

Casa de Ringo Starr

A casa de Ringo Starr fica na 10 Admiral Road, num bairro bem humilde. A rua e o pub vizinho mais tarde serviram de inspiração para a capa de seu primeiro álbum solo, chamado Sentimental Journey.

Penny Lane

Eu na placa de rua de Penny Lane, uma rua em Liverpool

Penny Lane, antes de ser uma das músicas mais conhecidas dos Beatles, é uma rua de onde partia o ônibus que Paul McCartney usava para ir à casa de John Lennon.

Em Penny Lane o ônibus faz sua parada na simples, mas famosa plaquinha de rua, onde somente se vê escrito “Penny Lane”, mas que causa uma emoção tamanha a quem sempre escutou aquela canção tão cheia de vida.

Enquanto o ônibus passa pela rua e roda o bairro, os passageiros podem ver cada prédio descrito por Paul em seus versos, como a barbearia, o banco e a rotatória.

Strawberry Fields

O muro e o portão de Strawberry Field, um antigo orfanato em Liverpool

O Strawberry Field é outro lugar super aguardado para quem planeja o que fazer em Liverpool.

O lugar que nomeou a música de John Lennon (Strawberry Fields Forever) era um orfanato de meninas que pertencia ao Exército da Salvação. John morava ali perto e durante sua infância sempre ia se pendurar em suas árvores e observar as meninas brincando.

O ônibus também faz uma parada no portão vermelho de entrada para que todos possam tirar fotos ao lado da placa, já bastante rasurada pelos turistas.

A placa e o portão que se encontram ali hoje não são originais, mas reproduzem fielmente como eram na época.

Eleanor Rigby

No trajeto de ônibus passamos pela igreja onde John Lennon e Paul McCartney se conheceram, a St. Peter’s Church, cujo cemitério contém o tumúlo de uma tal Eleanor Rigby, que emprestou o nome à canção homônima.

Os integrantes não sabiam de fato quem era Eleanor Rigby, mas acharam o nome bom o bastante para escrever uma de suas grandes músicas.

6.Tour dos Beatles por conta própria

A maioria das pessoas que quer saber o que fazer em Liverpool está atrás de uma só coisa: conhecer cada um dos pontos turísticos ligados aos Beatles. E mesmo que sejam somente fachadas de casas ou placas de ruas, para quem ama as músicas escritas pelo quarteto mais conhecido do mundo, cada um desses detalhes é um motivo para se emocionar.

Caso não queira pagar o Magical Mystery Tour, é só marcar o walking tour gratuito dos Beatles e ir nos lugares caminhando.

7.The Cavern Club

A fachada do The Cavern Club, a casa de shows mais famosa do mundo

O The Cavern Club foi o clube onde os Beatles se apresentavam na cidade de Liverpool antes de ficarem famosos. Foi lá que o Fab Four foi descoberto por Brian Epstein, o primeiro empresário da banda.

A entrada no local é gratuita para quem faz o tour do Magical Mystery Tour e ao apresentar um voucher que entregam na bilheteria do passeio, o turista ganha de brinde um cartão postal de lembrança.

A casa noturna foi inaugurada em 1957 e funcionou a pleno vapor até 1973, ano em que foi demolida. Devido à grande história por trás do clube, ele acabou sendo reconstruído em 1984 com tijolos do prédio original, da mesma forma em que era antes de ir ao chão.

Seu espaço fica no subsolo, com bares, lojinhas e áreas para shows. Todos os dias, durante praticamente todos os horários tem alguém se apresentando no The Cavern Club.

No palco do clube já subiram verdadeiras lendas da música, como os próprios Beatles, que fizeram do lugar o que ele é hoje, The Rolling Stones, Elton John, Queen, Oasis e até, recentemente, Adele.

Do outro lado da casa noturna ainda fica o The Cavern Pub, onde é possível comer. Ao lado de fora se encontra uma estátua de John Lennon encostado no muro.

Caso tenha feito o Magical Mystery Tour, o turista pode, com o mesmo ingresso ir no clube durante sua estadia em Liverpool sem pagar nada para entrar.

8.Tate Liverpool

O prédio do Tate Liverpool nas margens do Rio Mersey

Tate Liverpool é uma galeria de arte moderna e contemporânea da Inglaterra. Esta galeria reúne algumas das principais obras de arte do mundo e fazem a mistura entre o novo e o clássico.

Se você gosta de visitar galerias em suas viagens, estar no Tate Liverpool pode ser exatamente o que você está procurando na cidade. Por lá, você encontrará obras de artistas renomados como Pablo Picasso, Monet, Andy Warhol, entre outros.

A entrada no local é gratuita, mas deve-se fazer uma reserva prévia. Para isso, visite o site da galeria.

9.Estádio do Liverpool FC

O estádio do Liverpool FC, todo em vermelho

O Estádio de Anfield também é uma ótima atração para turistas que estejam na cidade de Liverpool. Casa do principal time da cidade, o Liverpool FC, o estádio recebe partidas de 2 dos melhores campeonatos de clubes do mundo: a UEFA Champions League e a Premier League (o campeonato inglês).

Para quem gosta de usar as suas viagens para ter a experiência de uma partida de futebol in loco, este estádio é excelente. Com uma classificação de 5 estrelas pela UEFA, está entre os mais confortáveis e completos do mundo.

Além disso, estar na torcida dos redsem um jogo qualquer da Premier League é realmente especial. Antes do início das partidas, o estádio inteiro canta em uníssono a canção “You’ll Never Walk Alone”, o que arrepia qualquer pessoa que goste pelo menos um pouco de futebol.

Além disso, visitações a este estádio histórico podem ser feitas também em dias sem jogos. Aberto entre às 10 e 15h em qualquer dia da semana, o LFC Stadium Tour traz entre as suas atrações um museu, onde você conhecerá mais sobre a história da equipe, seus títulos e principais lendas.

Neste tour, você pode também entrar nos vestiários das equipes, conhecer o caminho feito pelos jogadores nos túneis de acesso, bem como estar na arquibancada e ver o gramado do estádio bem de perto.

10.Merseyside Maritime Museum

O Merseyside Maritime Museum nas margens do Rio Mersey

Outra atração de Liverpool que pode chamar a sua atenção é o Museu Marítimo de Merseyside. Um dos museus mais visitados da cidade, o Merseyside traz em seu acervo alguns itens históricos do Reino Unido, mas sobretudo sobre uma das partes mais tristes da história do país.

O Merseyside Maritime Museum conta um pouco sobre a história da escravidão e do tráfico negreiro de cidadãos vindos da África Ocidental para trabalhar como mão de obra escrava na agricultura e na indústria britânica na metade do segundo milênio.

Neste museu há seções que discutem sobre como a cultura britânica e europeia foi influenciada pelos africanos escravizados, bem como a discussão sobre o racismo e a discriminação que ainda hoje insiste em aparecer nos momentos atuais.

Além disso, o Museu Merseyside traz também uma parte sobre como era a vida dos africanos antes de terem se tornado escravos e as transformações ocorridas até a abolição da escravatura no Reino Unido, ocorrida apenas em 1808.

11.Walker Art Gallery

O Walker Art Gallery, com suas colunas clássicas

A Walker Art Gallery é o principal museu de belas artes da região de Liverpool. Por lá é possível encontrar obras de arte de diversos autores renomados do próprio país e da Europa. Entre os principais itens de seu acervo, destacam-se as pinturas de Rembrandt, Gauguin e Picasso.

Além disso, pinturas, estátuas e esculturas feitas por artistas ingleses também estão entre os destaques da galeria. Algumas das estátuas são do final do período vitoriano e surpreendem bastante pela riqueza de detalhes existentes.

Muitas dessas peças ajudam a contar um pouco mais da história britânica e investir um pouco do seu tempo nesta galeria trará um bom retorno, sobretudo para quem gosta de conhecer estas obras nas viagens que faz.

Por fim, nesta galeria a visitação é gratuita para boa parte do acervo. Entretanto, se você tiver interesse em obter uma experiência ainda mais completa, pode gastar algumas libras para conhecer algumas exposições específicas, com itens bastante relevantes.

12. Echo Wheel of Liverpool

A famosa roda gigante de Liverpool

Você gosta de rodas gigantes? Embora não tão famosa quanto a London Eye, a famosa e imponente roda gigante de Londres, a Echo Wheel Of Liverpool é dos bons programas na hora de saber o que fazer em Liverpool. Sua localização é bastante estratégica, situada exatamente em um dos pontos mais interessantes da cidade para se ver de cima, bem ao lado do Albert Dock.

Por lá, você poderá ver a região do Pier Head e suas principais edificações e ter uma vista de toda a orla da cidade. Embora o preço seja um pouco salgado em comparação à outras rodas-gigantes que existem ao redor do mundo, a vista que se tem lá do topo vale cada centavo.

Entre as comodidades encontradas por lá está a possibilidade de contratar um serviço VIP que conta com poltronas em couro legítimo e champagne para brindar com a pessoa amada ou com os amigos.

Além disso, a Roda Gigante traz suas cápsulas completamente fechadas por motivos de segurança, mas por serem feitas de vidro translúcido, isso não prejudica em nada a experiência.

A roda gigante de Liverpool tem 60 metros de altura e 42 cabines.

Onde ficar em Liverpool

O dock de Liverpool com o Yellow Submarine

Há muito o que fazer em Liverpool, mas antes de sua viagem é importante que, além do roteiro, você saiba o local onde você irá se hospedar. Muitas vezes uma escolha equivocada do hotel (ou mesmo da região da cidade que você irá ficar) faz com que a experiência de sua viagem seja bastante prejudicada.

Por isso, separamos abaixo 4 dos melhores hotéis de Liverpool para que você possa fazer a sua viagem mais tranquila e curtir o melhor da cidade sem preocupações:

Outras cidades para visitar no Reino Unido

Você já deve imaginar, mas o Reino Unido não é apenas Londres. Diversas outras cidades da Inglaterra, Escócia, Irlanda e País de Gales podem te surpreender e trazer ótimas recordações de viagem.

Confira alguns dos nossos textos sobre algumas das principais cidades do Reino Unido com suas principais atrações:

Salve estas dicas de Liverpool no Pinterest!

Todas as dicas de o que fazer em Liverpool, tanto as melhores atrações do mundo da música, e consequentemente dos Beatles, quanto da história da cidade.
Na hora de saber o que fazer em Liverpool, anote nossas dicas e saiba o que curtir tanto musicalmente quanto de outras atrações atreladas à história e arte da cidade.
 
Tem alguma dúvida? Veja mais dicas no Instagram @vidaciganablog

ORGANIZE SUA VIAGEM!

HOSPEDAGEM

No Booking.com estão cadastradas as melhores opções de hotéis e albergues. Reserve com direito a cancelamento gratuito e viaje com mais tranquilidade.

SEGURO VIAGEM

Use nosso Comparador de Seguro Viagem. Com nossa parceria com a Seguros Promo, vamos te ajudar a encontrar os melhores planos de seguro para o seu destino. Use o cupom VIDACIGANA5 e receba 5% de desconto na hora do check out.

ROAD TRIP

Alugue um veículo com a RentCars.com para sua viagem. Compare os preços de diferentes locadoras, pague em Reais, sem IOF e parcelado em até 12 vezes.

Sobre o Autor

Larissa

Larissa é nascida em Niterói/RJ, mas já estudou em Nova York e morou na Nova Zelândia por um ano antes de iniciar a volta ao mundo que terminou em 2016. Sonhando em viajar desde que se entende por gente, mantinha um caderno cheio de recortes de jornais e revistas sobre o Egito quando tinha 7 anos de idade. Hoje esse caderno é virtual e engloba vários destinos. Os “recortes” são produzidos por ela e pelo Carlos, semanalmente, no Vida Cigana.

2 Comentários

Todos os comentários serão moderados previamente conforme as políticas do blog. Serão publicados e respondidos apenas após aprovação.

Clique aqui para deixar um comentário.

  • oi larissa, que legal, vim parar aqui buscando informaçoes sobre liverpool e ao final do seu texto descobri que vou me hospedar no mesmo hostel que voces, é minha primeira vez em um hostel e tinha essa dúvida sobre as toalhas, vou apenas com bagagem de mao e acho melhor pagar pelo aluguel por lá mesmo, voce lembra os valores? também vou dividir um quarto, como é a segurança para bens pessoais nesse caso? obrigada pelo ajuda, beijos

House Sitting

vida cigana blog youtube house sitting

vida cigana blog youtube house sitting
abbv